influencia-mudanca-comportamento

O que Influencia a Mudança de Comportamento

Por: José Roberto Marques | Blog | 02 de dezembro de 2020

Quando falamos em mudança de comportamento, não estamos apenas nos propondo a acordar num belo dia e virar a chave.  Seria mais fácil se fosse assim, mas não é, pois ao longo de nossa vida carregamos diversos tipos de atitudes, baseadas em nossas experiências e crenças, e são elas que direcionam nossa forma de ser, pensar e agir. Portanto, a mudança comportamental começa por aí, mas não se resume a isso apenas. 

Neste sentido, segundo Triandis (1971, p. 14), “O comportamento não é apenas determinado pelo que as pessoas gostariam de fazer, mas também pelo que elas pensam que devem fazer e pelas consequências esperadas de seu comportamento”. Ou seja, tudo que fazemos tem um sentido, uma razão de ser, seja ela boa ou não tão boa, e disso sempre esperamos uma resposta proporcional aos esforços que empregamos.

No artigo de hoje eu gostaria de falar um pouco sobre quais são as influências que dão origem a essas mudanças de comportamento. E mais, qual o impacto positivo e negativo que isso pode gerar na nossa vida. Acompanhe-me nesta leitura. 

Quer vivenciar uma oportunidade extraordinária na sua vida?
Acesse o meu curso “Introdução ao Coaching”, é um presente!

A Mudança de Comportamento

Mas então como ocorre a mudança de comportamento? O que nós devemos fazer para modificar nossa forma de ser e para nos tornarmos pessoas, profissionais, coaches e seres humanos cada vez melhores? Acredito que antes de tudo, a resposta passa por permissão.

Ainda assim podemos dizer que a transformação comportamental é influenciada por fatores como – situação, necessidade e por sentimentos e informações novas também. Todos estes elementos estão presentes na vida das pessoas, porém a mudança só ocorre quando há uma abertura para isso.

O processo de mudança só possui validação quando parte de um desejo genuíno de mudança. Mas veja bem, o que eu quero te dizer é que não necessariamente essa mudança pode trazer frutos positivos, até mesmo porque ela pode partir do inconsciente.

É possível perceber em diversas situações como, por exemplo, na troca de seu superior em que a sua forma de agir poderá ou não ser influenciada pela relação que você tinha com seu antigo gestor, e com a construção da relação que você terá com o novo.

Percebe como mesmo tendo a ciência de que o correto é não deixar que essas questões possam influenciar na sua produtividade elas acabam sim nos impactando. E acontece que, muito provavelmente, você já vivenciou uma situação como essa, diretamente ou com algum colega de trabalho próximo.

Mas é claro que não para por aí, esse foi apenas um exemplo mas existem diversas outras circunstâncias que podem corroborar para essa mudança.

Somos também capazes de identificar pontos de melhoria em relação a nós mesmos e nos desenvolver. De modo a promover uma transformação, mudando o nosso comportamento para melhor.

Influências à Mudança Comportamental

A situação diz respeito ao meio onde o indivíduo está; a necessidade ao que está sendo exigido da pessoa; os sentimentos ilustram as emoções ( boas ou ruins) que causam a vontade de mudar e, as informações são os novos conhecimentos que levam a pessoa a refletir, a expandir sua mente, a repensar seus posicionamento e transformar suas ideias e ações.

Você é feliz?

Portanto, para a pessoa mudar ela deve ser influenciada por um ou alguns destes elementos acima, uma vez que tanto o que se refere ao cognitivo, experiencial e ao emocional, nos leva a modificar nossos comportamentos, seja em maior ou menor escala. Por exemplo, quando uma pessoa tida como egoísta é colocada numa situação onde é preciso haver compartilhamento e doação, ele muda ao aprender que o sentimento de solidariedade é importante e tem a oportunidade de agir de forma mais colaborativa.

Outro exemplo, diz respeito ao ambiente, quando um profissional é promovido a um cargo de gestão e o meio (empresa e nova função) exige que assuma a postura de liderança, consequentemente, o colaborador acaba tendo que mudar seus comportamentos para se adequar ao novo cargo.

Em suma, a mudança de comportamento pode ser motivada por inúmeras razões como por exemplo:

  • Oportunidade de emprego
  • Novo relacionamento
  • Amadurecimento, pessoal e profissional
  • Autoconhecimento
  • Insatisfação pessoal ou profissional

São inúmeras as razões que levam uma pessoa a mudar. Isso nos leva a crer que somos verdadeiros frutos dos nossos anseios, de modo que somos capazes de conquistar. Mas para isso é preciso, muitas vezes, mudar.

E não pense você que isso é uma tarefa simples, na verdade, em certos casos, mudar é um verdadeiro desafio pois vai de contra com hábitos e costumes que podem estar enraizados dentro de nós a muitas e muitos anos.

Mas não vou te deixar no escuro. Confira abaixo algumas dicas que podem te ajudar nesse processo de mudança.

O que fazer para mudar

1. Autoconhecimento

A primeira etapa para qualquer pessoa que deseja mudar tem origem no desejo de mudar, não é mesmo? Mas para chegar nesse ponto e para que esse processo seja uma escolha genuína é preciso compreender a si mesmo.

Entender mais de si, profundamente, compreendendo quais são os desejos, anseios e motivações que levaram a essa mudança.

Mas não para por aí, através do autoconhecimento é possível identificar quais são as suas verdadeiras habilidades, potencialidades, e , com isso, ser capaz de reconhecer em que setores você pode desenvolver-se.

2. Metas e objetivos

Você sabe exatamente aonde quer chegar? Quais são suas metas e objetivos?

Essa etapa é fundamental pois com ela surge a necessidade de planejamento e o planejamento é muito importante para qualquer projeto que possuímos.

Afinal de contas, embora a linha de chegada seja a representação da nossa conquista, ela só é possível através do esforço e dedicação que empregamos no trajeto.

Torná-lo linear e sem grandes desvios é imprescindível para que o nosso processo de mudança venha a ser muito mais efetivo.

3. Dedicação

Hora de colocar todo o planejamento em prática. Para isso, insista, persista e se empenhe verdadeiramente nessa causa.      

Mudar não é uma tarefa fácil, mas isso não quer dizer que você deve desistir. No caso de errar, aprenda com seus erros, faça diferente, pratique, e compreenda que você é sim capaz de mudar seus comportamentos.

Na prática isso quer dizer que estes fatores também nos influenciam e acabam sendo determinantes para que mudemos ou não nossa forma de ser, pensar e agir! E você, o que te fez ou te faz mudar? Comente e compartilhe sua opinião.

Imagem: Por MJgraphics

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: