planejamento-criativo

GESTÃO DA CRIATIVIDADE E INOVAÇÃO: PLANEJAMENTO CRIATIVO

Por: Equipe JRM | Blog | 10 de março de 2020

Há no imaginário popular a ideia que uma pessoa criativa está diretamente ligada a desorganização. Ouso dizer que quase todas as pessoas quando pensam em alguém ou uma situação de criatividade ela traz a memória um cenário desorganizado. Essa ideia precisa ser urgentemente superada, a criatividade não dispensa a organização. Trouxe o exemplo da Apple, uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, e é em cima desse exemplo que podemos ver como a gestão e o planejamento aliado a criatividade gera um grande impacto em uma empresa. A Apple utiliza o método de criação voltada a resultados, ou seja, as ideias criativas são submetidas a partir de um planejamento metódico visando resultados concretos.

O planejamento deve ser compreendido como uma das linhas centrais corporativas, é a partir do planejamento que são estabelecidos todos os alicerces da empresa, inclusive o criativo. O planejamento é a ancora do negócio, juntamente com o elemento da criatividade coordenada e aplicada. É evidente que a grande carta na manga que uma empresa pode ter é uma equipe comprometida com a criatividade, inovação, planejamento e aplicabilidade. Equipes que contam com profissionais criativos conseguem ter um melhor desempenho na execução de suas tarefas diárias, bem como na construção de projetos que exigem uma visão ampliada do negócio.

Ainda assim, os colaboradores mais criativos devem estar atentos para não perderem o bom senso e, por conta de sua criatividade latente, acabar se perdendo em seu amontoado de ideias. Ter foco é essencial em qualquer carreira e, em se tratando dos profissionais com forte mente imaginativa, a linha entre a criatividade e dispersão pode ser muito tênue.

O ideal é sempre buscar um equilíbrio que permita criar, inovar, inventar, mas de forma coesa, ou seja, de modo que as ideias possam ser viáveis e transformadas em realidade. Do contrário, além da frustração pelas sugestões não executadas, o profissional criativo pode perder seu tempo e o tempo dos demais ao apresentar soluções criativas, mas impraticáveis. Mas então o que fazer para criar um ambiente propício para que esses fatores sejam colocados em prática?

A resposta está no investimento de tempo para que seus profissionais possam criar e inovar. Para as pessoas que já trabalham em áreas diretamente ligadas a inovação e criatividade há uma ferramenta comumente utilizada e quando bem aplicada gera resultados positivos que é o Brainstorming.

Brainstorming tem origem na língua inglesa e significa “tempestade cerebral” ou “tempestade de ideias”. Aplicando este conceito ao ambiente de trabalho, o Brainstorming nada mais é que um momento para trocar e compartilhar ideias que estimulem o processo criativo ou que apontem soluções inovadoras para as mais diversas questões.

Você é feliz?

O método foi criado pelo publicitário estadunidense Alex Osborn na década de 1930. As ideias que surgem no brainstorming não devem ser descartadas tampouco julgadas de maneira errada ou pejorativa. Esse método foi adotado em diversas universidades américas, cursos de exatas, humanas e biológicas, em diversas repartições públicas, nas indústrias e até mesmo nas forças armadas, ou seja, esse método se aplica a todas as áreas que necessitam de criatividade.

Sabendo da importância dessa ferramenta quero aqui compartilhar com vocês alguns ensinamentos de como conduzir de maneira eficiente um Brainstorming.

Reunião não é Brainstorming

Se você quer se reunir com sua equipe para falar sobre questões ligadas a gestão da empresa ou até mesmo para dar feedbacks, isso não é brainstorming. Ao criar este método, Alex Osborn criou quatro importantes regras que devem ser seguidas na hora de fazer um brainstorming. São elas:

Quantidade é importante;

Quanto mais ideias surgirem, melhor é. Quando várias ideias são apresentadas as possibilidades de achar uma boa ideia serão maiores. É importante salientar que nesse ambiente os julgamentos devem ser suspensos para que a liberdade criativa fique mais aflorada.

Faça combinações entre ideias ou melhore as ideias sugeridas;

Não basta apenas apresentar a ideia, é importante também aprofundar nela, verificar as possibilidades de colocá-la em ação. As combinações entre as ideias também funcionam como combustível para que gerarem mais ideias de qualidade.

Incentive as ideias criativas;

Quando temos um ambiente seguro consequentemente as pessoas se sentem mais seguras para apresentarem as ideias que estiverem em suas cabeças sem preconceitos e medo de ser julgado ou ridicularizado. Incentive sua equipe a ter ideias criativas, respeitando o tema proposto, tenho certeza que a partir dessas ideias várias soluções aparecerão.

Críticas não são bem-vindas.

Essa é uma das regras mais importantes para que seja feito um brainstorming efetivo. O princípio de julgamento quando operado ele afeta toda a equipe pois retira a liberdade criativa e de expressão das pessoas. Portanto, se a reunião não segue nenhuma destas regras, ela não pode ser chamada de brainstorming.

Ambiente seguro para receber todas as ideias

Para garantir que todos estejam encorajados para falar suas ideias, é importante que o grupo se sinta confortável e esteja relaxado para que o brainstorming alcance o seu propósito. Retire do local que acontecerá o brainstorming o que possa causar constrangimento para quem vai participar do processo. Assim, as ideias terão uma melhor fluidez.

Defina o tema antes de começar o brainstormingPara que o brainstorming seja eficaz, é importante que todos saibam o porquê que estão ali. Portanto, defina o tema antes. Caso seja algo de maior complexidade, é importante enviar informações sobre o tema com antecedência, para que todos possam ter ideias que contribuam de modo eficaz com o brainstorming.

Tenha um tempo máximo estabelecido

Por uma questão de manter o foco no objetivo, é importante que o brainstorming tenha um tempo previamente estabelecido. Na hora de definir o tempo, leve em consideração a complexidade do tema e até mesmo o tamanho do grupo que participará do brainstorming.

 

Copyright: 385669879 – https://www.shutterstock.com/pt/g/Rawpixel

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: