labirintite-emocional

Entenda o Que é a Labirintite Emocional e Como Ela Deve Ser Tratada

Por: José Roberto Marques | Blog | 06 de setembro de 2019

Você provavelmente já ouviu falar a respeito da labirintite, que é uma doença em que o labirinto, órgão que fica no interior do ouvido e que é responsável principalmente pela audição e pelo equilíbrio do nosso corpo, sofre um processo de inflamação, comprometendo diversas funções do organismo. Um fato que nem todos sabem é que esse problema pode ser gerado por fatores ligados às emoções. Então, se você deseja saber mais a respeito da labirintite emocional, como ela é causada e se manifesta, é só continuar acompanhando.

O Que é a Labirintite Emocional?

Em primeiro lugar, é preciso explicar o que é a labirintite em um contexto geral. Como disse no início, essa condição envolve diretamente o labirinto, um pequeno órgão que fica localizado dentro do ouvido. Ele possui estruturas delicadas que controlam a audição e o equilíbrio. Quando uma infecção acomete o ouvido, seja através de uma otite ou gripe, por exemplo, existem chances de que o indivíduo venha a apresentar um quadro de labirintite.

Agora, a informação que nem todos têm conhecimento está relacionada à labirintite causada por fatores emocionais, como é o caso do estresse, da ansiedade e da depressão. Isso se deve a um fenômeno chamado somatização, que faz com que problemas ligados às emoções desencadeiem em sintomas físicos. Assim, toda a pressão mental sofrida pelo indivíduo gera consequências no seu labirinto, resultando em tonturas, zumbidos no ouvido e dores de cabeça.

Quer descobrir como viver mais leve e feliz?
Clique aqui e acesse o “Detox da Mente”!

Principais Sintomas da Labirintite Emocional

A labirintite, seja ela causada por fatores emocionais, virais ou bacterianos, costuma ter sempre os mesmos sintomas. Veja, a seguir, quais são eles.

  • Tontura e impressão de estar flutuando;
  • Perda do equilíbrio corporal, podendo chegar a cair ou a bater os braços e o corpo em paredes ao andar;
  • Visão embaçada;
  • Zumbidos no ouvido e problemas para escutar;
  • Náuseas e vômito;
  • Problemas para focar a visão em um ponto.

O Que Causa a Labirintite Emocional?

A labirintite do tipo viral é causada por infecções que podem ocorrer no nariz, na boca e nas vias respiratórias, como gripe, bronquite, herpes. Já a do tipo bacteriano, como o próprio nome sugere, está relacionada à presença de bactérias no corpo, como é o caso da meningite. Agora, falando da labirintite emocional, ela está ligada principalmente ao estresse, que gera um desequilíbrio na mente e no corpo, podendo chegar ao labirinto e suas funções.

Nesse sentindo, qualquer tipo de situação que gere uma grande pressão psicológica sobre um indivíduo, como excesso de trabalho, crises no relacionamento, depressão, transtornos de ansiedade, entre outras, pode desencadear em um quadro de labirintite. Essa é mais uma razão para que todos busquem cuidar de sua saúde mental com a mesma seriedade e afinco com que se costuma tratar a saúde do corpo, pois uma não existe sem a outra.

Tipos de Tratamento Para a Labirintite Emocional

Assim como em diversos casos de doenças geradas pelas emoções, a labirintite emocional deve ser tratada por profissionais especializados em saúde mental, como psiquiatras e psicólogos, para que a origem do problema seja detectada e solucionada. Dependendo da gravidade do quadro, podem ser utilizadas sessões de psicoterapia e medicamentos para ajudar a aliviar os sintomas.

Por isso, é muito importante procurar ajuda médica ao perceber qualquer alteração que esteja prejudicando o seu bem-estar e a realização das atividades do seu cotidiano. Afinal, quanto antes o problema for identificado, maiores são as chances de o tratamento ser bem-sucedido. Portanto, cuide da sua saúde com atenção, pois ela é o seu maior bem e o que te possibilita realizar os seus objetivos, se desenvolver e ser feliz.

5 Atitudes Que Ajudam a Tratar e Prevenir a Labirintite Emocional

Fora o tratamento médico, existem certas atitudes que podem auxiliar no tratamento da labirintite emocional. Além disso, quando adotadas por pessoas que não sofrem com esse problema, servem como medidas de prevenção, confira!

1 – Busque Se Conhecer

Por se tratar de uma doença gerada por questões emocionais, é essencial que busque se conhecer e entender como as emoções se manifestam em seu interior. Assim, irá obter um maior controle sobre o que sente, podendo identificar quando estiver se sobrecarregando, por exemplo. O autoconhecimento é muito importante para a saúde, porque através deles conseguirá reconhecer o seu estado normal e perceber qualquer alteração logo no início.

2 – Cuide da Sua Alimentação

Existem alimentos que podem agravar um quadro de labirintite, como aqueles que são ricos em açúcar e sódio, frituras, carnes processadas e bebidas estimulantes, como é o caso do café, álcool e energéticos. Preze por uma alimentação natural, equilibrada, rica em frutas e vegetais, além de peixes, grãos integrais, entre outros. Na dúvida, consulte o seu médico e verifique as melhores opções para o seu caso.

Quer descobrir como viver mais leve e feliz?
Clique aqui e acesse o “Detox da Mente”!

3 – Preze Pela Sua Saúde Mental

O ser humano tem a tendência a se dedicar a tudo aquilo que considera importante. Desse modo, é fundamental que coloque a sua saúde mental como uma prioridade, assim como as pessoas em geral costumam a fazer com a saúde do corpo. Como bem diz uma famosa citação originária do latim, “mens sana in corpore sano” (em português, “uma mente sã num corpo são”), ou seja, um aspecto depende do outro para estar bem.

4 – Adote um Estilo de Vida Saudável

Embora não seja possível garantir que ter um estilo de vida saudável vá eliminar qualquer risco de sofrer com alguma doença, é fato que eles ajudam a reduzir as chances significativamente. Quando se trata de um problema como a labirintite emocional, viver a vida de modo equilibrado, alimentando-se bem, praticando atividades físicas e gerenciando positivamente as emoções, certamente auxiliará no tratamento e prevenção da doença.

5 – Encontre Maneiras de Gerenciar o Estresse

Como vimos ao longo do artigo, a labirintite emocional é causada principalmente pelo excesso de estresse. Nesse sentido, aprender a gerenciá-lo é de grande importância para o sucesso do tratamento e, também, para prevenir o problema. Técnicas de respiração, meditação, exercícios de visualização e de reinterpretação das situações são algumas medidas bastante eficazes.

Você já tinha ouvido falar a respeito da labirintite emocional? Se este artigo lhe foi útil, aproveite para compartilhá-lo em suas redes sociais e levar o conhecimento adiante!

Copyright: 659550634 – https://www.shutterstock.com/pt/g/koya979

 

Deixe seu Comentário: