Self-Destruction e a Importância de Combater as Crenças Limitantes

Por: José Roberto Marques | Blog | 15 de abril de 2017
Uma pessoa pensando em chuva, ilustrando o Self-Destruction, e outra pensando que vai fazer sol - crenças positivas

Trueffelpix/Shutterstock As crenças limitantes precisam ser combatidas por meio de crenças positivas e fortalecedoras

O Self-Destruction diz que pensamentos, sentimentos e comportamentos negativos têm o poder de gerar ativadores subconscientes que promovem o que chamamos de ciclo da negatividade. É justamente isso que nos faz ter preguiça de nos exercitar, nos faz ter comportamentos de consumo impulsivos e nos faz desistir de algo que queríamos muito, por conta de acreditarmos que aquilo é difícil de ser conquistado.

Por isso mesmo, o poder do Self-Destruction aumenta de acordo com a quantidade de emoções ruins que acabam sendo acumuladas. Quando o acúmulo é mais baixo, ele se reflete por meio de pensamentos e comportamentos que são negativos, porém não são tão nocivos.

Entretanto, quando as emoções acumuladas estão em um nível mais elevado, o Self-Destruction pode originar estresse, procrastinação, atitudes e pensamentos pessimistas, depressão, por exemplo, podendo desta maneira, prejudicar não apenas sua saúde, mas também suas relações interpessoais em casa e no ambiente de trabalho.

Como o Self-Destruction  Age

Somos o nosso melhor amigo e, ao mesmo tempo, somos o nosso pior inimigo mais poderoso. De maneira silenciosa, nossos comportamentos autodestrutivos se iniciam por meio de maus hábitos adquiridos em algum momento de nossas vidas como mecanismos de defesa e fuga de sentimentos como mágoa, vergonha, tristeza etc.

Nesse sentido, é comum que comportamentos como o consumo de bebidas alcoólicas em excesso, compras compulsivas e jogatina, iniciem como uma tentativa de aliviar uma dor emocional e recuperar a autoestima.  Sabendo disso, podemos afirmar que o Self-Empowerment acaba sendo resultado de nossas Crenças Fortalecedoras, enquanto que o Self-Destruction acontece por conta de nossas Crenças Limitadoras.

Você é feliz?

As crenças fortalecedoras são aquelas que nos “empoderam”, que estão relacionadas a pensamentos positivos e otimistas. Já as crenças limitantes são aquelas que nos colocam para baixo, que nos causam sensação de fracasso ou de incapacidade, são pensamentos negativos.

Como o Autofeedback Pode Ajudar a Vencer as Crenças Limitantes

O Autofeedback trabalha para que tanto as crenças positivas quanto as negativas sejam reconhecidas, visto que esse é o primeiro passo para a mudança.  O segundo passo é transformar nossas crenças limitantes em crenças fortalecedoras por meio da mudança de mindset.

As crenças são tão poderosas em nossas vidas, que podem aumentar ou diminuir o nível de confiança em nós mesmos quando conhecemos alguém pela primeira vez, por exemplo. Quando em uma festa queremos conhecer alguém que enxergamos do outro lado do salão, precisamos de coragem para caminhar até a pessoa e iniciar uma conversa, nós precisamos nos sentir “empoderados” (Self-Empowerment).

Para isso, podemos cultivar pensamentos positivos que nos façam sentir capacitados a dar o primeiro passo e nos apresentar. “Vou até lá e vou fazer a melhor apresentação de mim mesmo(a)”, ou “Tenho certeza de que serei capaz de desenvolver uma conversa agradável”; são pensamentos positivos que podem passar por nossa cabeça nesse momento decisivo.

Se na mesma situação mantivermos pensamentos autodestrutivos (Self-Destruction), como por exemplo -“vou ser rejeitado; vão me julgar”, ou “vou me enrolar e gaguejar; vou dar vexame; vou ser ridicularizado; vai ser horrível! melhor não arriscar”; certamente nos sentiremos incapazes de estabelecer qualquer tipo de contato com pessoas novas.

No processo de Coaching, quando o coachee assume compromisso consigo mesmo de mudar comportamentos autodestrutivos, em pouco tempo percebe melhorias em sua vida. Todos nós somos capazes de transformar pensamentos negativos em positivos, fazer afirmações positivas e poderosas que tragam bons resultados para nossas vidas pessoais e profissionais, basta que tenhamos força de vontade para mudar, e verdadeiramente passemos a agir de modo positivo.

Experimente e tenha uma vida mais plena, feliz e maravilhosa sem crenças negativas que apenas sabotam você!

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: