estrutura-emocional

Confira algumas dicas para te ajudar a manter sua estrutura emocional

Por: José Roberto Marques | Blog | 18 de maio de 2020

Quando se trata de lidar com os desafios da vida, cada indivíduo tem a sua própria maneira. Existem alguns que se mostram mais frágeis, enquanto outros mais resilientes. Aqueles que se sentem mais fortalecidos frente aos obstáculos, acabam conseguindo obter grandes benefícios, como crescimento pessoal, reconhecimento da própria capacidade de solucionar problemas e maior segurança para fazer escolhas. Continue acompanhando para saber como manter a sua estrutura emocional e se preparar para lidar com qualquer situação.

A importância de manter a estrutura emocional em meio às adversidades

Uma casa que foi bem construída e possui uma base sólida tem muito mais chances de passar ilesa por uma tempestade do que outra que foi feita com materiais mais frágeis. O mesmo acontece em relação à estrutura emocional, alguém que consegue lidar de maneira equilibrada com suas emoções e os acontecimentos, é o que se pode chamar de resiliente, pois não se abala e consegue, até mesmo, evoluir através das experiências.

Para alguns, a descrição de alguém que tem a resiliência como característica pode parecer irreal, de um super herói. Mas a verdade é que eles existem e não nasceram assim, foram evoluindo ao longo do tempo, das experiências vividas, da busca pelo autoconhecimento. Nesse sentido, trata-se de uma habilidade que pode ser desenvolvida. Você pode se tornar uma pessoa resiliente e emocionalmente inteligente, basta querer e se dedicar a isso.

Para que seja possível enfrentar os desafios que encontramos durante nossa vida é essencional ter uma boa estrutura emocional.

10 Dicas para manter sua estrutura emocional e se tornar resiliente

Vez ou outra, todo ser humano pode se sentir inseguro, o problema está em quando isso se torna uma constante. Acredite, você é capaz de lidar com qualquer situação, mas, para isso, precisa acreditar em si e seguir alguns passos para manter sua estrutura emocional fortalecida, veja, a seguir, quais são eles.

1 – Permita-se mostrar suas vulnerabilidades

Pode parecer estranho sugerir que uma pessoa mostre suas vulnerabilidades quando a intenção é fortalecer a estrutura emocional. Mas saiba que é preciso ser corajoso para se mostrar vulnerável. Além do mais, ser resiliente não é nunca sentir medo ou insegurança, e sim entender que são sentimentos naturais e que não tornam ninguém inferior por senti-los, pelo contrário, aqueles que o reconhecem podem até se fortalecer através disso.

2 – Atente-se ao seu diálogo interno

Todo ser humano está constantemente “conversando” consigo mesmo e se atentar ao modo com o qual esse diálogo acontece é muito importante. Experimente imaginar falando tudo o que diz a si mesmo a um amigo. Acha que ele manteria a amizade ou se sentiria mal por ser tratado sem qualquer compaixão? Se respondeu a segunda opção, procure mudar a linguagem, ser gentil consigo mesmo é fundamental para se fortalecer emocionalmente.

Você é feliz?

3 – Pratique a atenção plena

Um grande obstáculo que a maioria das pessoas encontra para lidar com as adversidades é a ansiedade em relação ao futuro ou a culpa pelo que já passou. Nesse sentido, um ótimo exercício para manter o equilíbrio emocional é a prática da atenção plena, que consiste simplesmente em se conectar ao momento presente, ao que está fazendo aqui e agora.

4 – Saiba quem você é

A única maneira de não se abalar com o que dizem a seu respeito é tendo total consciência sobre quem você é. Para isso, busque se conhecer, saber quais são os valores que te guiam, o que deseja conquistar, o que acha certo e errado, as suas prioridades. Quanto mais informações tiver sobre si mesmo, mais segurança terá para lidar com qualquer situação.

5 – Adote o hábito de ser grato

Parece estranho sugerir que uma pessoa seja grata vivendo uma situação delicada, mas saiba que não, porque a ideia é realmente balancear os pensamentos para evitar que ela acredite que não existe solução para seu problema. Agradecer pelas coisas boas é extremamente positivo, porque empodera e motiva o indivíduo a seguir em frente e acreditar que tudo vai melhorar.

6 – Cuide do seu corpo

Corpo e mente estão totalmente conectados, assim, cuidar de um é, também, cuidar do outro. Evite que um problema comprometa cuidados essenciais, como se alimentar bem, praticar atividades físicas regulares, evitar a sobrecarga de atividades e fazer pausas para descansar, pois é exatamente em momentos assim que eles se tornam ainda mais necessários.

7 – Avalie suas expectativas sobre si mesmo

O que você espera de si mesmo? Será que não está exigindo demais de si? Fazer essa reflexão é importante para que alinhe o que espera com as reais possibilidades e evite se frustrar. Encontre o equilíbrio entre se dedicar e buscar dar o seu melhor e exigir uma perfeição que não pode ser alcançada.

8 – Tenha atenção ao conteúdo que consome nas redes sociais

Vivemos uma época em que as redes sociais fazem parte da vida da maioria das pessoas. Se esse é o seu caso, é interessante que se atente ao tipo de conteúdo que anda consumindo. As pessoas que acompanha pela internet te estimulam a evoluir ou fazem com que se sinta um fracasso? Escolha bem aqueles que irão te influenciar, pois isso pode fazer uma grande diferença no seu processo de evolução.

9 – Escolha responder em vez de reagir às circunstâncias

Quando um problema acontece, existem pessoas que reagem, deixando-se levar pelas emoções e sem refletir sobre as consequências de seus atos, e outras que respondem, pensando antes de fazer qualquer coisa. Se pertence ao primeiro grupo, comece a se forçar a pensar antes de tomar decisões em vez de sair reagindo a tudo o que acontece, isso te dará mais clareza e equilíbrio emocional, permitindo que faça boas escolhas.

10 – Lembre-se que tudo passa

Por fim, independentemente do que esteja acontecendo contigo, lembre-se que tudo passa. Um dia, isso será apenas uma lembrança de uma experiência que viveu, enfrentou e superou. Acredite na sua força, siga em frente e se apoie em seus entes queridos. Como diz o ditado, não há bem que sempre dure e nem mal que nunca se acabe. Portanto, viva os bons momentos na essência e transforme os problemas em lições.

Se deseja enfrentar tempestades sem que elas te abalem, fortaleça sua estrutura emocional, isso fará toda a diferença. Deixe seu comentário abaixo sobre o assunto e aproveite para compartilhar este artigo com seus amigos que estejam atravessando um momento delicado.

 

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: