Voltar

Tratar Depressão e Ansiedade Traz Retorno 4 Vezes Maior

Publicado em | 0 comentários
Depressão e ansiedade

Nanka/Shutterstock Investir no tratamento da depressão e da ansiedade é importante para o bem-estar das pessoas e para que voltem a ser produtivas

Tratar a depressão e ansiedade é fundamental não apenas do ponto de vista da saúde do paciente, mas também para a economia de modo geral. Isso foi o que constatou um estudo liderado pela Organização Mundial de Saúde – OMS e publicado pelo jornal The Lancet Psychiatry, que mostrou que a cada um dólar investido no tratamento, o retorno é de quatro dólares. Continue lendo para entender melhor esta matemática do bem.

Segundo a OMS, estima-se que em todo o mundo, o número de indivíduos que sofrem com ansiedade e depressão já ultrapasse 615 milhões de pessoas. Este número é alarmante e, por trás dele, vemos pessoas e profissionais, de diversas idades, adoecidos, sem perspectivas de futuro e, que por conta da doença, também se tornam improdutivos no trabalho.

Portanto, investir no tratamento não é apenas tratar a doença e os seus sintomas, mas oferecer a oportunidade a que estas pessoas voltem a ter mais qualidade de vida, bem-estar, saúde e motivação para fazer suas atividades, inclusive, profissionais e voltar a ter mais disposição e entusiasmo com sua própria vida. Portanto, tratar estas doenças é fundamental!

Tratar a Depressão e Ansiedade é Positivo Para a Saúde e Economia

Para chegar a esta conclusão, a Organização Mundial de Saúde contabilizou os investimentos no tratamento de depressão e ansiedade feitos em 36 países, entre nações ricas e com média e baixa renda. Com isso, a OMS verificou que os investimentos no tratamento dos doentes ( por meio de psicoterapia e medicação como os antidepressivos) totalizaram 147 milhões de dólares.

Em contrapartida, o retorno percebido é realmente surpreendente, uma vez que 5% da melhora apresentada pelos pacientes é extremamente significativa. Segundo a pesquisa, quando o depressivo/ansioso tem a chance de receber um acompanhamento especializado e tratar sua doença, este investimento  e sua melhora gera cerca de 310 bilhões de dólares à economia.

Sabemos que o tratamento para depressão e ansiedade é bom para a saúde e o bem-estar do paciente. Essa publicação confirma que ele também faz sentido do ponto de vista econômico”, destacou a diretora – geral da OMS, Margaret Chan. Isso se dá porque quando tratamos a doença os benefícios são múltiplos, pois além de melhorar a saúde e o bem-estar da pessoa, sua produtividade também aumenta. Isso se reflete diretamente em seu trabalho, motivação, qualidade de vida e consumo.

Vale ressaltar que o estudo vai além da questão econômica em si, não sendo este o seu foco principal.  Este resultado é um reflexo do que o tratamento pode trazer de benéfico à vida das pessoas doentes e da importância de cuidar desta população. Contudo, atualmente os investimentos continuam muito aquém do necessário, ou seja, na maioria dos países, ainda não há investimentos concisos em programas de saúde mental.

Por isso, além de todos estes benefícios, é importante destacar que quando as pessoas estão bem de saúde, elas se sentem mais empoderadas, confiantes, produtivas, com a autoestima mais equilibrada e elevada, positivas e sentem-se mais capazes de projetar suas metas e objetivos e realizar os seus sonhos e ser mais felizes e plenas. Já estes resultados, com certeza, não tem preço!

 

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!