pessoas-sensatas

O Que é Uma Pessoa Sensata?

Por: José Roberto Marques | Blog | 31 de dezembro de 2017

A sensatez é uma qualidade dos indivíduos que vivem de forma equilibrada e que são guiados pelo bom senso. Eles costumam ponderar antes de tomar atitudes ou dar opiniões e, com isso, cometem menos erros do que aqueles que agem de forma impensada. Por isso, entender o que é uma pessoa sensata é importante para que reflita a respeito do seu próprio comportamento e identifique os pontos que precisam ser aperfeiçoados para que se torne mais prudente e consiga atingir os seus objetivos com mais assertividade.

O Que é uma Pessoa Sensata e Quais São as Vantagens Desse Comportamento?

Uma pessoa sensata é aquela que consegue entender e controlar os seus sentimentos e, assim, agir de forma racional, sem se deixar levar pelas emoções negativas que, muitas vezes, nos fazem cometer erros que poderiam ser evitados. Ter o bom senso como um guia de conduta é considerado um dos pilares da sabedoria e é sinal de maturidade, ou seja, de que foi capaz de aprender com seus percalços.

Para isso, é necessário aprender a controlar a ansiedade e adquirir a capacidade de agir de forma estratégica, considerando as reações que cada ação poderá lhe trazer. A sensatez é algo visto com bons olhos pela sociedade de uma forma geral. Um indivíduo sensato é considerado confiável, pois todos sabem que se trata de alguém que age com prudência e retidão. É o tipo de pessoa com a qual todos gostariam de se relacionar ou ter como colega de trabalho, pois passa credibilidade em suas atitudes e inspira a todos.

Em se tratando de metas, os sensatos costumam definir bem suas táticas e têm paciência para esperar que os resultados apareçam. Isso é muito importante, principalmente para conquistar objetivos de longo prazo, que demandam muito trabalho e espera para agir no momento certo.

Reflexões Sobre a Sensatez

A sensatez pode ser expressa por meio de palavras e atitudes. Em se tratando da comunicação, ela se faz necessária para que você consiga dizer o que deseja de uma maneira que seja claramente entendida pelo seu interlocutor e evite falar coisas das quais venha a se arrepender. O mesmo vale para as suas ações, para que procure pautá-las no bom senso, evitando agir de forma intempestiva e sem pensar nas consequências.

Dito isso, convido você a refletir a respeito da sensatez em sua vida considerando os seguintes tópicos:

  • Você costuma se arrepender de suas atitudes com frequência?
  • As pessoas têm o hábito de lhe pedir conselhos?
  • Tem dificuldade para tomar atitudes?
  • Quando decide o que fazer, consegue agir com segurança?
  • Você se considera uma pessoa confiante e segura?

Aproveite esse momento de reflexão para se conhecer, entender a origem dos seus sentimentos e emoções e sua forma de se comportar diante das mais diversas situações. Faça disso um hábito, para que esteja sempre ciente de quem é e, assim, consiga agir com maior assertividade, considerando suas características e objetivos.

Dicas Para Ser Uma Pessoa Sensata

Se você deseja desenvolver a sensatez e, se tornar uma pessoa mais equilibrada, existem alguns hábitos que podem te ajudar, confira!

Inspire-se em Pessoas Sensatas

Pense nas pessoas com as quais convive: seus amigos, familiares, colegas de trabalho. Existe alguém que admira por ser sensato e tomar atitudes sempre com prudência e equilíbrio? Caso consiga identificar, passe a utilizar esse indivíduo como uma fonte de inspiração. Se tiver a oportunidade, chame a pessoa para conversar e se aconselhar, certamente será uma experiência bastante enriquecedora.

Sabe aquela expressão que os nossos pais e avós costumam dizer: “Diga-me com quem andas e te direis quem és”? Saiba que eles têm toda a razão, pois costumamos aprender muito com exemplos, sejam eles positivos ou negativos. Por isso, quanto mais cercado de exemplos positivos você estiver, mais inspiração terá para ser como eles. Então, poderá passar essa mensagem adiante e se tornar um modelo de sensatez para os demais também.

Pratique a Sensatez

Para adquirir um novo hábito é necessário começar com pequenas mudanças, até que se torne algo que faça parte do seu comportamento. Quando se trata de ser sensato, as coisas acontecem da mesma maneira. Comece a praticar em casa, em situações simples do cotidiano, como mediar um conflito entre irmãos ou filhos para dividir as tarefas domésticas, por exemplo. Analise o ocorrido e aconselhe os envolvidos para que cheguem a um consenso.

Em se tratando de atitudes, comece a pensar melhor ao tomar decisões, o que pode incluir: controle das suas finanças e compromissos, forma de lidar com outras pessoas, envolvimento em situações de risco. Comece aos poucos e logo irá perceber que conseguiu se tornar um indivíduo mais cauteloso ao agir.

Aprenda a Controlar Suas Emoções

O descontrole emocional é o que faz com que as pessoas ajam de forma insensata, sem pensar nas consequências de seus atos. Isso acontece, principalmente, quando alguém se deixa levar por sentimentos, como a raiva. Para se tornar um indivíduo sensato é fundamental que aprenda a se controlar e adquira a consciência de que precisa esfriar a cabeça antes de tomar qualquer atitude.

Como disse anteriormente, é através da autorreflexão que será possível se conhecer e aprender a controlar seus sentimentos e emoções. Quanto mais você se conhecer, mais conseguirá curar as dores que estão atrapalhando o seu desenvolvimento e, assim, conseguirá potencializar seus resultados e melhorar progressivamente a qualidade de suas relações: consigo, com os outros e com o mundo. Lembre-se que as respostas que busca estão sempre dentro de ti, busque fazer as perguntas certas e aprenda a encontrá-las.

Ser Sensato é Uma Questão de Equilíbrio

Muitas pessoas têm uma visão distorcida da sensatez, e comparam esse comportamento a um sentimento de repressão. Para elas é como se um indivíduo sensato agisse sempre de forma engessada, calculista, medindo todos os seus atos e palavras, sem espontaneidade. A verdade é que, como tudo na vida, a sensatez deve ser sempre pautada pelo equilíbrio, afinal, são dois conceitos intrínsecos.

Para que a sensatez seja positiva, é necessário saber o momento certo para usá-la e, também, quando o ideal é deixar a vida correr o seu curso. É desnecessário calcular todos os atos e palavras quando se está com a família ou entre amigos, por exemplo. Basta, apenas, que evite dizer coisas desagradáveis ou que magoem alguém. De alguma forma, esta característica positiva sempre estará presente, a diferença está na dosagem.

Por fim, podemos concluir que a sensatez é uma virtude extraordinária e que pode te ajudar a alcançar todos os seus objetivos e viver de forma mais equilibrada e feliz. Procure colocá-la em prática em pequenos atos e logo perceberá uma mudança positiva no seu comportamento e na sua vida de uma forma geral. Boa sorte!

Copyright: 518701540 – https://www.shutterstock.com/pt/g/ra2studio

Deixe seu Comentário: