lideranca-motivacao

A importância da liderança e motivação no ambiente organizacional

Por: José Roberto Marques | Blog

O colaborador satisfeito é o melhor recurso para o sucesso e organização de uma empresa. É importante que as organizações dêem perspectiva de desenvolvimento profissional àqueles que alcançarem melhores resultados e transmita a certeza de que o trabalho feito é visto, avaliado e valorizado.

Ao mesmo tempo em que é essencial reconhecer aqueles que também se dedicaram, mas que não conseguiram entregar um trabalho dentro das expectativas. É essencial compreender em quais etapas as dificuldades estão alocadas e quais são as formações e treinamentos que podem saná-las. Essa é uma forma da organização mostrar que o quadro de colaboradores não é descartável.

Nesse ajudar nessa tarefa, é fundamental compreender a importância do papel do líder ou gestor. Ficou interessado no assunto? Para saber qual é a atuação ele deve ter é só continuar lendo!

Conheça os passos que vão te tornar um Líder Extraordinário!
Clique aqui e baixe meu ebook “Leader Coach”! É um presente!

Entendendo quem é o líder

O líder é a figura-chave em qualquer empresa, pois serve de referência para dar suporte à equipe e aos seus superiores. Conheça as 7 principais características de uma boa liderança:

  1. Gerir relações interpessoais: é importante que o líder consiga conversar com todas as áreas para estabelecer demandas e prazos adequados ao grupo.
  2. Ouvir na essência: assim como uma organização precisa confiar em sua equipe, o inverso também deve acontecer. Por isso, o líder deve estar disposto a sanar dúvidas e atender anseios de seus liderados com relação ao que acontece no ambiente de trabalho.
  3. Reconhecer a habilidade de todo o time: essa é uma das principais diferenças entre líder e chefe. Enquanto o último impõe sua vontade por meio de ordens e autoritarismos, o primeiro inspira quem está ao seu redor e os conduz na direção que devem seguir para o sucesso da empresa. O chefe comanda de cima, já o líder está ao lado dos colaboradores, seguido o mesmo caminho e lutando para vencer os mesmos obstáculos que o restante da sua equipe. Todo o indivíduo de uma equipe tem seu papel e sua importância, e o líder não está acima de ninguém.
  4. Estimular o respeito às diferenças: ao entender cada elemento de sua equipe, o líder consegue direcionar cada talento para as atividades mais apropriadas, potencializando o resultado ao mesmo tempo em que contribui para que os liderados percebam o quanto são necessários.
  5. Exercitar e incentivar a prática do autoconhecimento e da inteligência emocional: é fundamental que tanto o líder quanto os liderados conheçam profundamente a si mesmos, sendo capazes de apontar qualidades, pontos de melhoria e até prever reações em situações de pressão.
  6. Ter domínio total do seu trabalho e incentivar o progresso dos liderados: ele não se esforça apenas para que seus subordinados façam o trabalho, mas, principalmente, para trazer à tona o potencial máximo de cada um, explorando e evoluindo suas habilidades individuais.
  7. Agir com ética e comprometimento para o sucesso da organização: seguir as regras do Código de Ética e Conduta da empresa e estar adequado à cultura organizacional estão entre as obrigações básicas de qualquer colaborador de uma empresa.

Gostaria de acrescentar mais alguma característica importante para um gestor exercer? É só escrever nos comentários no fim do texto!

Liderança e motivação

Os líderes servem de espelho e motivação na mesma medida em que se tornam símbolo de sucesso. Sendo assim, têm a responsabilidade de formar novos líderes em suas equipes, para que o relacionamento entre a organização e seus colaboradores seja fortalecido cada vez mais.

Você é feliz?

De acordo com Paul Hersey, um dos autores de “Teoria da Liderança Situacional”, um dos livros mais conceituados sobre liderança, cada indivíduo possui um fator que o motiva, sendo que esse impulso interior pode ser completamente diferente de pessoa para pessoa. Por isso, um bom líder deve entender cada um dos colaboradores e conduzir o trabalho de motivação de forma individual.

Usando o coaching

Pessoa querida, você sabia que uma forma efetiva de investir estrategicamente no desenvolvimento dos colaboradores é investir no coaching? Pois é! O método é o principal instrumento de desenvolvimento humano que existe.

Ao aplicar seus mecanismos, é possível desenvolver habilidades e competências de toda a sua equipe, fazendo com que cada indivíduo evolua e desperte todo o seu potencial.

Para exercer esse papel com assertividade, o coaching combina conhecimentos de muitas ciências que estudam o comportamento humano com técnicas e metodologias específicas.

Conheça quais são as principais ferramentas utilizadas pelo coaching

Confira agora alguns dos principais instrumentos do método coaching:

Não deixe de conferir as leituras complementares. Elas são essenciais para o seu entendimento profundo a respeito do assunto.

Conheça o Business and Executive Coaching

O trabalho para se tornar um verdadeiro líder é duro e difícil, sendo necessários muitos anos de experiência para conseguir dominar todas as habilidades que essa posição exige. No entanto, existe um atalho que ajuda a reduzir consideravelmente esse tempo, que é o curso Business and Executive Coaching (BEC) do Instituto Brasileiro de Coaching (IBC), do qual sou fundador e presidente.

Dividido em 4 etapas que totalizam 150 horas de pura transmissão de intenso conhecimento, a formação tem o poder de acelerar esse processo, trazendo à tona todas as competências que estão dentro de você. Entre os diversos benefícios para o seu amadurecimento profissional e até pessoal.

A programação inclui conteúdo que desenvolve as suas competências relacionadas às habilidades de liderança; entendimento dos principais conceitos organizacionais; criação de alteração comportamental efetiva; compreensão de assessments para o mundo empresarial; identificação de crenças limitantes e emoções; indicação de características das equipes de alta performance; estabelecimento de metas; planejamento de relacionamentos interpessoais; participação ativa na gestão de mudanças; planejamento estratégico e criação de planos de ação; e muito outros tópicos interessantíssimos.

Incrível ter a oportunidade de aprender tudo isso e pode aplicar em todos os setores da vida, não é mesmo? E tem mais! Com o tempo, você vai perceber uma evolução significativa na sua capacidade de se comunicar e negociar com diversos tipos de audiência; delegar tarefas com pensamento estratégico; trabalhar em equipe e promover a consciência coletividade; potencializar grupo em prol de objetivos maiores; construir planos de carreira para você os liderados; e muito outros pontos. Com certeza, esses conhecimentos contribuem para que você ganhe relevância tanto no local em que trabalha, quanto no mercado.

No fim da formação, você recebe 6 titulações: Business Coach, Coach de Carreira, Executive Coach, Consultor 360°, Consultor Comportamental e a extensão universitária. Sendo que este último é possível, pois o IBC tem uma parceria com as Faculdades Monteiro Lobato (FATO), do Rio Grande do Sul, em que o curso BEC equivale ao segundo módulo da pós-graduação da Gestão de Pessoas com Coaching.

Que tal experimentar agora mesmo? Nunca é tarde demais para investir na sua educação continuada. Se ficar com alguma dúvida é só escrever nos comentários ou entrar em contato com um dos nossos atendentes.

Até a próxima, pessoa querida!

Copyright: Depositphotos.com / andresr

José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: