falta-inteligencia-emocional-comportamentos

Falta de Inteligência Emocional – Que Comportamentos Evidenciam Esse Problema?

Por: José Roberto Marques | Blog | 13 de julho de 2018

A inteligência emocional é um assunto que tem sido cada vez mais falado, visto que a forma com a qual cada indivíduo lida com as suas emoções tem um impacto direto sobre o seu comportamento. Nesse sentido, uma pessoa que tem um currículo extremamente completo, com diversas qualificações, pode deixar de ser contratada por uma empresa por falta de inteligência emocional, pois isso pode levá-la a ter problemas para lidar com situações de estresse e, também, com o restante da equipe.

10 Sinais Que Demonstram Falta de Inteligência Emocional

Em uma escala de 0 a 10, em que nível acha que está a sua inteligência emocional? Para te ajudar a fazer essa reflexão, confira dez sinais que mostram que uma pessoa não está sabendo lidar positivamente com as suas emoções. A intenção é se autoanalisar para buscar a evolução e não para se culpar e se sentir um fracasso. Lembre-se que quanto mais se conhecer, mais poderá se curar e se potencializar.

Construa relações cada vez melhores e mais saudáveis!
Clique aqui e acesse meu desafio “Detox da Mente”!

1 – Incapacidade de Controlar as Próprias Emoções

O principal sinal que demonstra a falta de inteligência emocional está ligado à capacidade de controlar as próprias emoções. Dessa forma, uma pessoa que consegue manter um comportamento equilibrado mesmo estando triste ou com raiva, por exemplo, é considerada como emocionalmente inteligente. Isso é extremamente importante para todos, mas principalmente no caso de líderes, que precisam passar segurança e estabilidade aos seus liderados.

2 – Se Sentir Estressado Facilmente

Todo mundo já se sentiu estressado pelo menos uma vez na vida, pois isso é natural. Entretanto, aqueles que apresentam esse estado com frequência demonstram ter problemas para lidar com as próprias emoções. Isso acontece porque o excesso de estímulos que chega à mente do indivíduo não tem para onde ir, o que faz com que ele aja de maneira intempestiva. Já quando se tem inteligência emocional, as emoções são canalizadas de forma eficiente, o que evita os episódios de fúria.

3 – Não Conseguir Ter Empatia Pelos Outros

A empatia é a habilidade de tentar se imaginar na situação das outras pessoas e, assim, agir em relação a elas de maneira mais compassiva e respeitosa. Dessa forma, aqueles que não conseguem ser empáticos demonstram a ausência de inteligência emocional, pois se comportam sem considerar que suas ações podem prejudicar alguém. Ter empatia ao agir é algo extremamente necessário para viver em comunidade e, também, para fortalecer os relacionamentos, sejam eles de ordem pessoal ou profissional.

Você é feliz?

4 – Guardar Ressentimentos

Ficar magoado quando alguém lhe faz algo ruim é normal e faz parte do comportamento do ser humano. Entretanto, quando esses ressentimentos são guardados por muito tempo, é sinal de que há algo a ser revisto. Uma pessoa que tem inteligência emocional sabe reconhecer que todos estão sujeitos a cometerem erros e que não vale a pena conservar sentimentos ruins dentro de si. Se desapegar das mágoas é uma medida libertadora e que leva a uma atitude fantástica, que é o perdão.

5 – Não Reconhecer os Seus Estímulos Emocionais

As emoções não nascem dentro de uma pessoa sem nenhuma explicação e cada uma delas tem a sua origem. Aqueles que têm a inteligência emocional desenvolvida conseguem reconhecer esses estímulos e, assim, utilizam essas informações ao seu favor. Assim, um indivíduo que sabe que se sente ansioso ao ser pressionado, por exemplo, passará a trabalhar para entregar os seus projetos de trabalho com antecedência, para que tenha tempo hábil de se dedicar a eles com tranquilidade.

6 – Ter Medo de Expressar Emoções

Sentir medo de demonstrar o que está sentindo é ruim, afinal, ser inteligente emocionalmente nada tem a ver com experimentar apenas emoções consideradas positivas, como a alegria, por exemplo, porque isso fugiria das condições normais do ser humano. A inteligência emocional é a habilidade de reconhecer o que sente e decidir como agir, sem se tornar refém das próprias emoções. Portanto, quando se tem controle sobre si mesmo não há razão para sentir medo de mostrar o que sente.

7 – Culpar Outras Pessoas Pelos Seus Sentimentos

Indivíduos ciumentos e que culpam o comportamento do seu par pelo que sentem demonstram que não são inteligentes emocionalmente. Afinal, aqueles que possuem essa habilidade bem desenvolvida reconhecem que são os únicos responsáveis pelas suas emoções e pelos comportamentos gerados por elas. Portanto, culpar o chefe, o cônjuge ou qualquer outra pessoa pelo seu estado emocional é uma tentativa de terceirizar uma responsabilidade que é apenas sua.

8 – Se Sentir Ofendido Com Facilidade

Todo mundo tem o direito de se sentir ofendido quando alguém lhe diz algo que não aprova. Entretanto, ver ofensa em tudo é algo ruim, que pode gerar uma série de conflitos desnecessários, pois, muitas vezes, nem foi essa a intenção da outra pessoa. Quando há inteligência emocional, se torna possível relevar certos comportamentos para evitar desperdiçar energias com algo que não é, de fato, prejudicial, e que não levará ninguém a lugar algum.

9 – Levar Tudo Para o Lado Pessoal

Grande parte das atitudes de uma pessoa não tem relação com terceiros. Nesse sentido, o atendente mal-humorado da padaria ou a forma ríspida com a qual o seu chefe te tratou demonstram mais algo particular relacionado a eles do que a você. Levar tudo para o pessoal é ruim porque gera sentimentos de ansiedade, culpa, insegurança, raiva, e nenhum deles é positivo. Por essa razão, ser inteligente emocionalmente é saber que grande parte das ações destinadas a você nada tem a ver contigo.

Preparamos um teste para VOCÊ descobrir o quanto
é FELIZ! Clique aqui e conheça nosso
“Termômetro da Felicidade” !

10 – Não Respeitar Opiniões Diferentes

Por fim, o último sinal que demonstra a falta de inteligência emocional é não saber respeitar as opiniões que são diferentes da sua. Afinal, o planeta é habitado por mais de sete bilhões de pessoas e seria ingenuidade querer que todas pensassem da mesma maneira. Além disso, essa diversidade de ideias e crenças é fantástica, porque permite que um possa aprender com o outro e se desenvolver cada vez mais.

Se, após realizar essa reflexão, constatar que ainda não tem a sua inteligência emocional desenvolvida, acalme-se, pois sempre é tempo de se conhecer, rever atitudes e evoluir. Dê esse passo e verá como os seus relacionamentos, o seu desempenho no trabalho e a sua vida de uma forma geral irão mudar para melhor.

 

Copyright:  677813476 – https://www.shutterstock.com/pt/g/fizkes

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: