falta-de-sono-causas

Falta de Sono: Causas e Consequências

Por: José Roberto Marques | Blog | 30 de março de 2019

O sono é uma necessidade básica do ser humano, assim como se alimentar e beber água. Por esse motivo, quando o indivíduo não consegue ter o repouso necessário, seu organismo entra em desequilíbrio, comprometendo seu desempenho, seu bem-estar e sua qualidade de vida. Se você está sofrendo com a falta de sono e gostaria de entender melhor o motivo para estar passando por isso, continue acompanhando o artigo e saiba mais a respeito.

A Importância de Dormir Bem

Todo ser humano precisa dormir, pois o sono faz parte do ciclo diário da vida. Ninguém consegue se manter acordado e bem disposto após dias sem descansar. Ao contrário do que muitos dizem, dormir não é perda de tempo, pelo contrário, ter boas noites de sono fará com que ganhe em saúde, energia e produtividade. Afinal, não há nada melhor do que acordar pela manhã cheio de disposição para dar início a um novo dia.

Quando uma pessoa está passando por episódios de privação do sono, pode experimentar sensações desagradáveis de sonolência durante o dia, falta de energia, problemas para conseguir se concentrar, o que poderá prejudicá-la em diversas áreas de sua vida. Por isso, é sempre importante zelar pela qualidade do sono, para que o seu corpo e a sua mente tenham o descanso que precisam diariamente.

O Coaching é uma poderosa ferramenta de desenvolvimento
humano! Conheça mais sobre essa metodologia,
acesse “Tudo Sobre Coaching”!

10 Causas Mais Comuns Para a Falta de Sono

A falta de sono pode estar ligada tanto a fatores físicos quanto emocionais. A seguir, você irá saber um pouco mais a respeito dos principais problemas que podem causar a insônia.

1 – Fazer Refeições “Pesadas” Antes de Dormir

Quando se está com o estômago cheio, o sono pode demorar para aparecer, já que o corpo precisará trabalhar para digerir tudo aquilo. Além disso, alimentos gordurosos e “pesados” podem gerar azia, gases e má digestão, comprometendo também a qualidade do descanso.

2 – Ansiedade

Quando se está ansioso com algo que irá acontecer, é natural que o sono demore a chegar. Porém, em casos de transtorno de ansiedade, isso pode se tornar frequente, levando o indivíduo a passar grande parte das suas noites em claro, pois sua mente tem dificuldade para se desligar e relaxar.

3 – Temperatura em Excesso

Quando se está com muito frio ou muito calor, são grandes as chances de encontrar problemas para dormir ou acordar no meio da noite por conta do incômodo gerado pela alta ou baixa temperatura.

4 – Excesso de Estímulos Antes de Dormir

As luzes da TV e do celular são extremamente estimulantes, por isso, ficar exposto a elas antes de dormir também pode dificultar a chegada do sono. Muitos dizem que usam o celular para ficarem com vontade de dormir, mas a realidade é que isso faz com que se mantenham ligados por mais tempo.

5 – Ingerir Bebidas Alcoólicas Antes de Se Deitar

O fato de o álcool gerar uma sonolência em quem o ingere faz com que muitos o associem ao descanso e ao relaxamento. Porém, o que ele faz é fragmentar o sono, impedindo que seja verdadeiramente revigorante.

Você é feliz?

6 – Tomar um Café Após o Jantar

Parece natural tomar um cafezinho após as refeições, não é mesmo? Contudo, o ideal é fazer isso apenas durante o dia e evitar a partir do final da tarde. A cafeína é uma substância altamente estimulante, que pode fazer com que o sono demore mais a chegar.

7 – Falta de Rotina Para Dormir

Quando não há uma rotina de horário para o sono, o corpo e a mente podem se sentir confusos e terem problemas para relaxar e, então, adormecer. Por isso, é necessário sempre deitar e se levantar nos mesmos horários na maior parte dos dias.

8 – Praticar Atividade Física Antes de Dormir

Praticar atividades físicas é maravilhoso e, inclusive, ajuda a melhorar a qualidade do sono, entretanto, é necessário estar atento ao horário em que são realizadas. Se exercitar logo antes de dormir pode ser prejudicial e fazer com que demore mais para dormir.

9 – Deixar Abajures e Luzes Acesas

Anteriormente citei o problema das luzes emitidas pela TV e pelos celulares, mas é importante lembrar que as luzes artificiais em geral podem prejudicar o sono. O ideal é evitar deixar abajures acesos, pois o corpo precisa da ausência de luz para relaxar.

10 – Apneia do Sono

Trata-se de um distúrbio que interrompe a respiração durante a noite, o que leva ao despertar imediato. Quando isso se torna frequente, o indivíduo tende a adquirir um medo de dormir, o que torna o quadro de insônia ainda mais severo.

Além desses, existem diversas outras causas para a falta de sono, como as ligadas a doenças como, por exemplo, diabetes, insuficiência cardíaca, problemas renais, hipertireoidismo, entre outras. Por essa razão, é sempre importante buscar orientação médica, para que o profissional realize os exames necessários e identifique a origem da insônia.

Preparamos um teste para VOCÊ descobrir o quanto
é FELIZ! Clique aqui e conheça nosso
“Termômetro da Felicidade” !

Principais Consequências da Falta de Sono

São muitas as consequências da falta de sono, incluindo tanto questões relacionadas à saúde quanto ao comportamento do indivíduo. Veja quais são as principais delas.

Acidentes: por prejudicar a capacidade de atenção, a falta de sono pode ser um fator gerador para diversos tipos de acidentes.

Problemas de Aprendizagem: a sonolência compromete as capacidades cognitivas do ser humano, atrapalhando o seu desenvolvimento.

Problemas de Saúde: diversas doenças estão relacionadas à falta de sono, como problemas cardíacos, pressão alta e diabetes.

Redução da Libido: a falta de energia, aliada à sonolência, faz com que uma pessoa sinta menos interesse sexual.

Depressão: quando a insônia se prolonga por muito tempo, pode gerar sintomas de depressão, pois um problema se alimenta do outro, tornando-se cada vez mais intensos.

Envelhecimento Precoce: as olheiras são os principais sinais físicos de uma noite mal dormida. Porém, quando isso se torna frequente, tendem a aparecer também rugas e linhas de expressão na pele.

Problemas de Memória: a memória é essencial para realizar uma série de atividades do nosso cotidiano e a falta de sono pode comprometer bastante o seu bom funcionamento.

Aumento de Peso: pesquisas descobriram que a insônia está associada a um aumento do apetite, o que, consequentemente, pode levar a um aumento do peso corporal.

Agora que você já sabe de tudo o que a falta de sono pode causar, procure adotar hábitos que te ajudem a dormir melhor. E a qualquer sinal de insônia, procure ajuda médica o quanto antes. Saúde é coisa séria, cuide da sua!

 

Copyright: 599110595 – https://www.shutterstock.com/pt/g/antonioguillem

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: