profissional-mediocre

Características do Profissional Medíocre e o Que Fazer Para Evitá-las

Por: José Roberto Marques | Blog | 29 de agosto de 2019

A palavra medíocre vem de médio, ou seja, representa algo que é comum, que está dentro da média, que não surpreende. Dentro de uma empresa, o profissional medíocre é aquele que segue apenas o seu job description e, com isso, permanece estagnado por anos a fio, sem evoluir. No passado, quando a concorrência era menor, optar por esse modo de viver não trazia grandes consequências, a não ser a perda de oportunidades de se desenvolver, claro. Hoje, com a grande concorrência do mercado, os profissionais que não se reinventam acabam perdendo o seu espaço.

Por tudo isso, é tão importante pensar a respeito deste assunto, para que faça uma autoanálise das suas atitudes como profissional e identifique pontos que pode usar a seu favor para ir além e se destacar.

Seja uma profissional acima da média, seja um “Leader Coach”!
Clique aqui e descubra como se tornar um líder extraordinário!

10 Atitudes do Profissional Medíocre e Dicas Para Evitá-las

Se você deseja, não apenas conservar o seu espaço, mas também se superar, evoluir e, assim, construir uma carreira de sucesso, precisa se manter o mais longe possível da mediocridade. Para isso, é preciso que evite ao máximo as atitudes a seguir.

1 – Seguir Apenas o Job Description

Em uma empresa, cada profissional é contratado para desempenhar um tipo de função. Porém, se você deseja fugir da mediocridade e ir além, deve evitar seguir isso ao pé da letra, pois essa atitude pode te limitar e comprometer o seu desenvolvimento. Lembrando que a ideia não é que se sobrecarregue e faça o trabalho de dois funcionários e sim que se permita conhecer outras áreas e outras funções, deixando de lado pensamentos como: “não sou pago para isso”.

2 – Permanecer na Zona de Conforto

O profissional medíocre é aquele que se mantém sempre na zona de conforto, que, a meu ver, de confortável não tem nada, já que se trata de um modo de vida em que não há desenvolvimento. Nesse sentido, se deseja construir uma carreira de sucesso, se superar e evoluir a cada obstáculo vencido, é importante que ouse sair dessa zona que, aparentemente, é mais confortável. Tenha coragem de dar um passo além, porque é assim que conseguirá chegar a lugares extraordinários.

3 – Terceirizar Responsabilidades

Dentro de uma empresa, o profissional medíocre é aquele que está sempre pronto para apontar culpados sobre os problemas que acontecem e nunca assume as suas responsabilidades. Ao terceirizar essa culpa, o indivíduo deixa de se tornar consciente sobre suas ações, abrindo mão de aprender com aquela situação e evoluir através dela. Portanto, sempre assuma as suas responsabilidades, estejam elas relacionadas a resultados bons ou ruins, pois ambos poderão contribuir com o seu crescimento.

4 – Procrastinar

A procrastinação é um problema bastante atual, já que estamos a todo o momento rodeados por distrações. Um profissional que procrastina a realização do seu trabalho entra na mediocridade porque está deixando de usar o seu recurso mais valioso com inteligência, o tempo. Dessa maneira, se tem o hábito de deixar a realização de tarefas sempre para depois, reflita sobre isso e se questione se está usando o seu tempo para realmente dar o seu melhor.

5 – Desistir Frente ao Primeiro Obstáculo

Já parou para pensar o que teria acontecido se Steve Jobs, Bill Gates e tantas outras pessoas de sucesso tivessem desistido ao se depararem com o primeiro obstáculo? Possivelmente não teriam conquistado nem metade da trajetória que tiveram. Então, se você quer fugir da mediocridade e ir além, saiba que obstáculos irão surgir e que é através deles que irá evoluir para trilhar um caminho de vitórias.

6 – Recusar Feedbacks

Imagine que você está tentando montar um quebra-cabeças sem sucesso, então, uma pessoa se aproxima e te dá dicas de como pode agir para conseguir encaixar as peças corretamente. Isso parece incrível, não é mesmo? E realmente é, porque temos muito a aprender com os feedbacks de pessoas que querem nos ver crescendo. Já os indivíduos medíocres não reconhecem isso, veem essas observações como se fossem críticas vazias e, assim, ignoram informações valiosas e que poderiam agregar ao seu desenvolvimento.

7 – Reclamar de Tudo

Se tem algo a que o profissional medíocre se dedica é reclamar, do salário, do chefe, dos colegas, de tudo. É claro que ninguém é obrigado a aceitar tudo, contudo, apenas reclamar não irá resolver nada, pelo contrário, pois, dependendo de quem escutar esses comentários, eles podem se transformar em fofocas, intrigas e desentendimentos. Se você tem esse hábito, abandone-o o quanto antes, prefira buscar soluções em vez de apenas ficar falando sobre os problemas sem nada fazer para mudá-los.

8 – Ter o Salário Como Única Motivação

Um profissional extraordinário não se levanta da cama todos os dias para trabalhar apenas para receber um salário e sim para buscar satisfação, aprendizado, realização. Já o profissional medíocre apenas enxerga o dinheiro como principal retorno e, assim, torna-se limitado, faz apenas o que lhe pedem, não evolui. Vale dizer que não há problema em ter o retorno financeiro como um fator motivador, porém, ele não deve ser o único.

Seja uma profissional acima da média, seja um “Leader Coach”!
Clique aqui e descubra como se tornar um líder extraordinário!

9 – Evitar Mudanças

A borboleta é um exemplo fantástico do quanto as mudanças são importantes, afinal, é por meio delas que a metamorfose acontece e a lagarta se transforma. Com as pessoas isso se dá de modo semelhante, pois é através do enfrentamento de cada situação nova que torna-se possível evoluir. Só deve evitar a mudança aquele que deseja se manter na mediocridade, sem avançar. Se deseja se superar, esteja pronto para abraçar o novo e se redescobrir a cada desafio.

10 – Contentar-se Com o Conhecimento Que Tem

Ter se graduado em uma instituição de ensino renomada é realmente algo muito bom, entretanto, se contentar apenas com o conhecimento adquirido na faculdade não é o suficiente se deseja ser um profissional extraordinário e se manter longe da mediocridade. É fundamental que tenha o desejo de aprender mais, seja através de novos cursos ou de novas experiências. Lembre-se sempre que ninguém sabe tanto que não possa aprender mais, e quanto mais aprendizado, maior será a evolução.

Henry Ford, o homem que revolucionou a produção industrial no mundo, disse que a mediocridade é o pior inimigo da prosperidade. Então, se você deseja construir uma carreira de sucesso, não se contente com resultados medianos, dê o seu melhor, aprenda com os erros e alcance resultados extraordinários!

Copyright: 411626038 – https://www.shutterstock.com/pt/g/blueguy

Deixe seu Comentário: