anorexia-nervosa

Anorexia Nervosa – Um Transtorno Psicológico Que Deve Ser Visto Com Atenção

Por: José Roberto Marques | Blog | 14 de julho de 2019

Olhar-se no espelho parece ser algo completamente banal, porém, para uma pessoa que sofre com um distúrbio de imagem, essa ação pode vir acompanhada de muitas cobranças internas e conflitos. No artigo de hoje, falarei especificamente sobre um tipo de transtorno, a anorexia nervosa, que gera no indivíduo um forte medo de ganhar peso, levando-o, muitas vezes, a adotar medidas extremas e prejudiciais para a saúde para alcançar a forma que julga perfeita.

O Que é a Anorexia Nervosa e Como Ela Se Manifesta?

A anorexia nervosa é um distúrbio alimentar caracterizado por um peso corporal abaixo do normal, um medo intenso de engordar e uma visão distorcida da própria imagem. As pessoas que sofrem com esse transtorno se dedicam quase que exclusivamente ao corpo, recorrendo à medidas extremas e perigosas para chegar à forma que consideram ideal. Contudo, mesmo com tudo isso, olham-se no espelho e nunca se sentem satisfeitas com o que veem.

Para atingirem seu objetivo, as pessoas com anorexia costuma diminuir drasticamente a quantidade de alimentos que ingerem. Além disso, algumas fazem uso de métodos totalmente desaconselháveis para reduzir a ingestão de calorias, como indução ao vômito e uso de indiscriminado medicamentos para emagrecer. Outra medida bastante comum está ligada à prática de exercícios em excesso, sem qualquer acompanhamento ou cuidado relacionado à saúde do corpo.

Apesar de ser considerada um distúrbio de ordem alimentar, a anorexia é um transtorno emocional, que leva uma pessoa a ter uma relação totalmente distorcida com sua imagem, sua alimentação e sua saúde. Por isso, é muito importante estar atento ao próprio comportamento em relação a essas questões, e também de amigos e familiares, para que se busque ajuda o quanto antes e o tratamento seja realizado.

Conheça os Sintomas da Anorexia Nervosa

Por se tratar de um transtorno emocional com impacto físico, os sintomas estão ligados tanto ao corpo quanto ao comportamento. Veja, a seguir, que tipos de sinais a pessoa com anorexia costuma apresentar.

Sintomas Físicos

  • Perda de peso excessiva;
  • Fadiga;
  • Insônia;
  • Tontura ou desmaio;
  • Cabelos quebradiços;
  • Dores abdominais;
  • Pressão baixa;
  • Desidratação;
  • Braços e pernas inchados;
  • Pele ressecada.

Vale lembrar que os sintomas isolados não são sinal de anorexia, e é a combinação deles que se torna um alerta. Além disso, o comportamento da pessoa também irá demonstrar se realmente é esse o caso.

Sintomas Comportamentais

  • Reduzir drasticamente a quantidade de alimentos ingerida;
  • Excesso de atividades físicas;
  • Demonstrar grande preocupação com alimentos e calorias;
  • Criar desculpas para não comer;
  • Pesar-se e olhar-se no espelho com uma frequência muito alta;
  • Reclamar do excesso peso, mesmo que seu corpo seja magro;
  • Adotar hábitos estranhos, como mastigar os alimentos para sentir o sabor e, em seguida, cuspi-los;
  • Irritabilidade;
  • Ausência de emoções;
  • Evitar comer em público.

Possíveis Causas da Anorexia Nervosa

Não há uma causa específica para que uma pessoa desenvolva um quadro de anorexia nervosa. Contudo, existem três possíveis fatores para que isso aconteça, que podem ser de ordem biológica, psicológica ou ambiental.

Causas Ambientais – a cultura da magreza pregada por uma parcela da sociedade leva muitas pessoas a desejarem ter um corpo que considerem perfeito, deixando de lado questões como o biotipo de cada um e a importância de prezar pela saúde em primeiro lugar.

Causas Biológicas – muitos não sabem, mas é possível que a anorexia esteja ligada à mudanças genéticas, que levam algumas pessoas a terem uma maior tendência a apresentar o problema. Acredita-se que isso tenha relação com à inclinação natural que alguns têm para o perfeccionismo.

Causas Psicológicas – pessoas ansiosas, com baixa autoestima e outros tipos de problemas emocionais, podem ter uma tendência maior a desenvolverem a anorexia, como uma forma de buscarem a adequação e aceitação de terceiros através do corpo que consideram perfeito.

Possíveis Complicações da Anorexia Nervosa

O fato de uma pessoa deixar de se alimentar na quantidade necessária para se manter, apresentar um peso abaixo do indicado e fazer uso de métodos prejudiciais para emagrecer, pode desencadear uma série de outros problemas bastante graves.

Assim, a anorexia pode ser a porta de entrada para quadros de anemia, problemas cardíacos, osteoporose, perda de músculos, ausência de menstruação nas mulheres, baixa da testosterona nos homens, transtornos gastrointestinais, renais, entre outros. A falta dos nutrientes necessários pode prejudicar o funcionamento de todo o corpo, com destaque para órgãos de grande importância, como o cérebro, o coração e os rins.

Em se tratando de complicações emocionais, a anorexia pode levar o indivíduo ao abuso de álcool e outros tipos de substâncias, ansiedade, depressão, transtorno obsessivo compulsivo, autolesão, distúrbios de personalidade, entre outros. Como se pode ver, trata-se de um problema sério, que precisa ser olhado com cuidado, porque envolve uma série de questões e pode trazer diversos prejuízos para a saúde como um todo.

Medidas Para Prevenir a Anorexia Nervosa e Identificar Qualquer Anormalidade no Início

Embora a anorexia possa ser causada por fatores biológicos, ou seja, que não podem ser evitados, as medidas de prevenção servem também para que o problema possa ser identificado logo no início. Assim, poderá buscar ajuda rapidamente ou perceber se alguém próximo estiver apresentando comportamentos estranhos.

1 – Hábitos Alimentares Saudáveis: é importante ver o alimento como um aliado e nunca como um inimigo e mostrar isso através do exemplo para as crianças e adolescentes.

2 – Manter uma Boa Relação Com o Próprio Corpo: enxergar o próprio corpo como um presente que nos permite desfrutar da vida e irmos em busca de nossos objetivos.

3 – Falar Sobre o Assunto: é preciso manter um diálogo aberto sobre temas como a anorexia, principalmente com os jovens, para que se sintam acolhidos e se manifestem caso estejam enfrentando algum problema.

4 – Fortalecimento da Autoestima: se conhecer, se respeitar e se amar é um caminho poderoso para evitar sofrer com transtornos de imagem.

5 – Tomar Cuidado Com o Tipo de Conteúdo Que Consome: é importante escolher de modo consciente o tipo de conteúdo que consome, principalmente em relação às redes sociais, evitando perfis que exaltem a magreza excessiva como sinal de felicidade e sucesso.

Se você ou uma pessoa próxima começar a apresentar sinais como os descritos neste artigo, consulte um profissional de saúde. O diagnóstico precoce melhora as chances de recuperação e evita o surgimento de outros problemas decorrentes da anorexia. Cuide da sua saúde, da sua mente e da sua alma, pois são os seus maiores bens.

 

Copyright:  604196735 –  https://www.shutterstock.com/pt/g/vgstockstudio

Deixe seu Comentário: