historia-bernardinho-volei

A História do Bernardinho do Vôlei

Por: José Roberto Marques | Blog | 16 de abril de 2019

A primeira coisa que você deve saber sobre Bernardo Rocha Rezende é que ele é um vencedor. Nascido em 1959, na cidade do Rio de Janeiro, ele é um dos brasileiros de maior sucesso como treinador de voleibol, tendo acumulado 5 títulos olímpicos. Incrível, não é verdade? Pois, a história dele também é! Continue lendo o artigo para saber mais.

Linha do tempo

Bernardinho, como é conhecido em todo o mundo, começou sua carreira como atleta, em 1979. Até 1986, o atleta acumulou 9 conquistas jogando em times cariocas e pela seleção brasileira masculina.

Seu trabalho com técnico começou em 1988, quando se tornou assistente-técnico da seleção Bebeto de Freitas, nas Olimpíadas de Seul. A partir daí foi responsável por diversas equipes, inclusive seleção feminina brasileira.

Mais sobre um dos maiores técnicos brasileiros de voleibol

A trajetória do esportista é vitoriosa na beira das quadras. Tanto comandando times femininos quanto masculinos, o coach conseguiu conquistar títulos importantes e colocar o Brasil no posto de potência mundial nesta modalidade. Para alcançar resultados tão expressivos, antes, Bernardo teve que incorporar uma mentalidade nova ao que, até então, era feito no vôlei nacional.

Sua forma visionária ajudou a profissionalizar este esporte que, sob sua direção, ganhou uma dimensão ainda maior, como também mais respeito e admiração dos brasileiros. O técnico agiu como um verdadeiro coach e isso proporcionou forte crescimento aos atletas, que aprenderam uma nova forma de ver no esporte.

Treinador uma vez, treinador sempre

Nos últimos anos, o técnico campeão se divide como treinador da equipe de vôlei feminina do Rio de Janeiro, onde acumula diversos campeonatos nacionais, e a condução da seleção brasileira masculina.

Seu jeito explosivo e nada convencional atrai os olhares das pessoas não apenas para a forma de atuar com os seus jogadores, mas também para a forma de conduzir de seu técnico, digamos, um tanto excêntrico.

Entretanto, o mais interessante em tudo isso é que mesmo passando por fases em que sofreu fortes críticas e viveu crises, o treinador soube construir uma base sólida que lhe permite ser um referencial para as novas gerações e também para os atletas que já foram treinados por ele.

Livro: Transformando Suor em Ouro

Uma das formas que Bernardo encontrou para compartilhar suas brilhantes experiências profissionais foi escrever o livro “Transformando Suor em Ouro”, em que conta sua trajetória até conquistar as façanhas olímpicas.

Além de compartilhar suas experiências, neste livro Bernardinho apresenta as principais teorias, bem com as personalidades que o influenciaram a criar seu próprio modelo de liderança. São citados, por exemplo: John Wooden, James Hunter e Winston Churchill.

Segundo sua abordagem, conhecer diferentes métodos e também algumas teorias da administração de empresas, foi essencial em seu sucesso e na sua condução como técnico esportivo. Pelo seu jeito empreendedor, visionário, não é de se espantar que seja tão admirado e aplaudido onde quer que vá!

Além disso, o técnico também é um coach profissional, e por isso, utiliza das ferramentas e técnicas de coaching para potencializar ainda mais a performance de seus atletas e o seu próprio desempenho como treinador.

Fantástico, não é mesmo? Fiquei com vontade de ler o livro novamente! Vale a pena conferir.

Agora é hora de você começar a se mexer! Inspire-se no exemplo de Bernardinho: procure ir além e não ser apenas só mais um técnico, profissional ou líder na multidão. Deixe a procrastinação de lado e busque aprimorar seus conhecimentos, desenvolver suas habilidades e expandir continuamente suas competências. Com certeza, isso fará toda diferença em seus resultados.

Como elevar o seu desempenho

O coaching pode ser um ótimo aliado na sua trajetória. Entre as valiosas lições que o método ensina você aprende sobre:

  • Autoconhecimento: entenda quais são as suas características mais fortes que podem ser ainda mais relevantes para o seu dia a dia; quais são suas virtudes escondidas e que precisam aparecer para você mesmo e o mundo; e quais são os seus pontos fracos que precisam de manutenção constante.

O currículo invejável do Bernardinho é prova de que ele se conhece muito bem. O técnico precisou aprender quais são os pontos da personalidade dele que precisam ser mais ativos em quadra e quais precisam sumir. Do contrário, ele poderia lidar com problemas que não competem ao momento.

  • Inteligência emocional: após compreender a importância e como exercitar o autoconhecimento constantemente, é essencial que você praticar a inteligência emocional. Esse conceito sintetiza uma forma prática de administração de sentimentos em diversas situações, desde alegria extrema até pressão.

Provavelmente você viu o Bernardinho irritado na beira da quadra, não é mesmo? O jeito excêntrico dele, como já escrevi por aqui, é essencial para despertar suas habilidades técnicas para guiar o time e estimular os atletas a darem o melhor de si no jogo. Então, antes de pensar que ele pode estar “descontrolado”, analise o quanto suas atitudes têm efeito positivo no jogo.

  • Autoconfiança: o combo do autoconhecimento e da inteligência emocional contribui diretamente para a criança da confiança que você deve ter em si mesmo. Afinal, de que adianta se compreender tão bem e não poder exibir suas qualidades. Atenção, pois isso não quer dizer que você deve deixar a humildade de lado. Muito pelo contrário! É importante que você se mantenha com a mente aberta para ouvir na essência e aprender.

Você consegue imaginar um técnico de qualquer tipo de esporte sem confiança em si mesmo? Pois isso não existe. Justamente por causa disso que você sempre vai ver o Bernardinho com a cabeça levantada e com a autoconfiança em dia. Além de ser benéfico para ele mesmo, isso dá mais segurança ao time a torcida.

Tudo isso é apenas um pouco do que você pode aprender com o coaching por meio de ferramentas efetivas e práticas. Com resultados em curto, médio e longo prazo, você alcança a sua melhor versão, sem perder a sua essência.

Gostou do artigo sobre a trajetória do técnico Bernardinho? Então, curta e compartilhe em suas redes sociais! Se quiser, comente abaixo sobre qual história de vida você gostaria de conferir um artigo.

 

Copyright: Globo Esporte

Deixe seu Comentário: