artigo5-gerar-conexoes

7 Ações para vencer a crise – Gerar conexões

Por: José Roberto Marques | Blog | 15 de abril de 2020

Olá querida pessoa, 

Já passamos da metade da série: 7 ações para vencer a crise! Uhuuul. 

Esse já o o nosso quinto artigo e eu quero falar com você sobre a quinta ação que é gerar conexões. 

Gerando conexões

Não há nada mais poderoso para uma pessoa ou uma empresa do que sua capacidade de gerar conexões e criar vínculos. A habilidade de aglutinação em prol de um propósito em comum pode mover multidões. 

Esse propósito pode ser algo relacionado ao legado, como eu e mais de 1 milhão de clientes do IBC temos em construir um mundo melhor … 

Mas pode ser também em torno de algum problema que um grupo de pessoas queira resolver como conquistar a liberdade financeira, por exemplo. 

O fato é que as conexões acontecem por um motivo comum e quando são estabelecidas com um real valor agregado para os envolvidos, pode salvar carreiras, empresas e um mercado inteiro. 

Uma vez estava assistindo um episódio de uma série no qual um personagem tinha a opção de escolher entre ter muito dinheiro ou ter muito poder. E adivinha o que ele escolheu? Poder. 

Esse personagem foi sábio porque tinha consciência de que o dinheiro não compra tudo mas o poder de influência pode abrir as portas que ele quiser, desde que ele saiba usar as conexões certas.

Assim são com as empresas também. 

O seu negócio pode até não ter o melhor fluxo de caixa no momento. A propósito, pode estar indo de mal a pior financeiramente falando mas tem todo potencial de se reerguer se souber usar suas conexões a seu favor. 

Eu ouso dizer que os relacionamentos são a maior riqueza e o maior patrimônio que um CPF ou CNPJ pode ter. 

Com um relacionamento saudável de alto valor agregado, uma empresa tem clientes fidelizados e em períodos de crise como esse, sabe que pode contar com a confiança dos seus clientes para continuar dando preferência para seus produtos e serviços. 

Se sua empresa tem um bom relacionamento com os fornecedores, por exemplo, consegue ter mais poder de negociação para talvez flexibilidade o pagamento de alguma prestação de serviço que seja essencial para o funcionamento do seu negócio nesse período. 

Você é feliz?

Se existe conexão verdadeira com seus colaboradores, honrando a participação de cada um no crescimento do negócio, é natural que seu time passe a entregar muito mais para ajudar o seu negócio a vencer essa crise. 

Se você tem poderosas conexões com sua família e amigos, sabe que pode contar com uma rede de apoio para momentos difíceis. Sabe que terá suporte e ajuda quando você mais precisar…

Seja para recomendar e indicar seus serviços e produtos, seja para ajudar nas operações da empresa, seja  com um apoio financeiro em momento de sufoco ou apoio emocional quando você se sentir cansado, desmotivado e em dúvidas sobre o futuro. 

Todos nós pertencemos a diversos sistemas e quando estamos alinhados com nossos sistemas, abrimos diversas possibilidades de realização, crescimento e prosperidade seja material, emocional ou relacional. 

O poder da conexão é a única riqueza que ninguém pode te tirar, nem mesmo a pior crise que possa lhe acontecer. É através das conexões que nos engrandecemos como seres humanos, nos reinventamos, renascemos e nos reerguemos sempre que for necessário.

Como é possível gerar conexões? 

Se você tem dificuldades em gerar conexões poderosas em sua vida e na sua empresa, reflita sobre 3  questões:

 

  • Como eu posso somar?
  • Como eu posso ser útil?
  • Me mostrou disponível para ajudar?

 

Essas 3 perguntas se aplicam para todos os tipos de conexões que você possa estabelecer, desde a vida social, casamento, parceiros, fornecedores, colaboradores e clientes. 

Lembre-se sempre de se lembrar que: a distância que você tem do outro é proporcional a distância que você tem de si mesmo. 

Então, se você tem dificuldades de estabelecer vínculos consistentes, maduros e benéfico para ambas as partes, muito provavelmente você tem um distanciamento expressivo de si mesmo. 

Por isso, te convido a analisar sobre como essa relação consigo mesmo pode estar impactando seu negócio hoje. O quão distante você está do seu time e dos seus clientes?

Todos nós temos a necessidade de nos sentirmos acolhidos e pertencidos. Principalmente neste período de crise, onde todos nós temos dúvidas sobre o futuro. O maior valor agregado que você pode oferecer nesse momento é o cuidado genuíno com os clientes fidelizados da sua empresa e com os novos que possam surgir, sempre na intenção positiva de entregar uma real solução. 

Que atitude você pode tomar hoje para se aproximar ainda mais dos seus clientes? Compartilhe comigo nos comentários. Até o próximo artigo. 

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: