Voltar

Quais os Principais Desafios das Mulheres Empreendedoras?

Publicado em | 0 comentários

Andresr/Shutterstock No Brasil, mais de 5 milhões de empreendedoras já assumiram o desafio de ter seu próprio negócio

Segundo um recente levantamento realizado pelo Serasa Experian; no Brasil, a mulher empreendedora já é um grupo representado por mais de cinco milhões de empresárias. Isso é maravilhoso e mostra o crescimento da presença feminina a frente de pequenos e médios empreendimentos próprios.

E se as mulheres empreendem cada vez mais, assim como em outras carreiras, os desafios enfrentados por elas para se consolidar e se destacar em seus mercados de atuação ainda não muitos. Muito disto está diretamente relacionado a uma cultura sexista de parte da sociedade que ainda vê a mulher como sexo frágil.

Entretanto, contra fatos não há argumentos, a mulher empreendedora é tão capaz e determinada em fazer seu negócio dar certo quanto qualquer outro tipo de empreendedor. Essa força interior aliada ao seu foco e resiliência tem nos apresentado empresas diferenciadas, criativas e com ascensão crescente.

Desafios da Mulher Empreendedora

Preconceito – Vencer os preconceitos da sociedade ainda é um dos desafios frequentes de empreender para as mulheres. Porém, isso não as desanima, pelo contrário, mesmo sofrendo com a falta de confiança em si mesma, em seu talento, elas mostram que são destemidas e que não estão dispostas a desistir.

Falta de apoio – Muitas vezes a mulher não encontra apoio em seu parceiro, em seus familiares ou mesmo em instituições financeiras para investir em suas ideias e encontra grandes dificuldades em dar o impulso inicial ao seu negócio.

Conciliar responsabilidades – Por mais habilidosas que elas sejam as empreendedoras são muito mais exigidas, pois têm que dar conta de todas suas atividades profissionais, pessoais, sociais e familiares e são muito cobradas por isso.

Acertar o negócio – Isso quer dizer encontrar um modelo de empresa compatível com seus sonhos, que realmente tenha a ver com seus anseios e objetivos profissionais e que atenda suas necessidades neste sentido.

Fazer networking – Segundo um estudo da GEM, a mulher brasileira é que menos se relaciona no âmbito de negócios e que por isso menos constrói um networking que favoreça a construção do seu empreendimento, pois como bem sabemos, é importante ter bons contatos e uma rede que nos ajude a crescer.

Delegar as tarefas – Esse é um desafio inerente ao sexo, pois todo empreendedor, independente de ser mulher ou homem, precisa aprender a descentralizar as tarefas, focar nas demandas mais importantes e críticas para a empresa e delegar as demais atividades.

Se você é mulher empreendedora e quer: fortalecer sua forma para enfrentar e superar desafios, desenvolver suas habilidades de liderança, seu autoconhecimento, confiança e sua capacidade de gerenciar seu negócio; invista numa metodologia que realmente vai agregar uma visão sistêmica a você e ao seu negócio.

O Coaching é esta ferramenta e vai ajudar você a administrar sua empresa de forma extraordinária. Faça a formação Professional & Self Coaching – PSC e leve seu negócio além.

Comments

comments