Voltar

Como o Coaching Trabalha com a Autorreflexão

Publicado em | 0 comentários
O Coaching e a autorreflexão caminham juntos na evolução e construção do ser humano

© Depositphotos.com / SIphotography O Coaching e a autorreflexão caminham juntos na evolução e construção do ser humano.

Você já se pegou em algum momento de sua vida onde tivesse dúvidas sobre quem você é, o que quer e aonde deseja chegar? Ter esse tipo de sentimento é bem comum e positivo, pois é um sinal de sua própria mente de que você está incomodado com alguma coisa e que precisa mudar algo. Para isso, é necessário fazer uma autorreflexão que irá te ajudar a identificar em que ponto de sua vida você está e de quais mudanças são necessárias para que você se torne uma pessoa mais feliz.

O QUE É A AUTORREFLEXÃO?

Como o próprio nome já diz, uma autorreflexão é um exercício pessoal que irá te ajudar a se entender de uma forma completa. Com ela, é possível que você entenda qual ponto de sua vida está e onde deseja chegar, além de conseguir identificar quais são suas ambições e o que o impede de atingi-las. O maior benefício da autorreflexão é a oportunidade de poder se conhecer intimamente e, dessa maneira, conseguir superar desafios e alcançar o sucesso tanto na área profissional quanto pessoal. Para isso, é preciso separar um tempo consigo mesmo e se fazer um questionário que deverá ser respondido da maneira mais sincera possível.

PERGUNTAS PODEROSAS PARA A AUTORREFLEXÃO

Quem eu sou?

Essa pergunta pode parecer bem complexa, mas se você mesmo não sabe quem é, quem poderá te dar essa resposta?

Qual é a minha missão de vida e propósito?

Aqui você vai avaliar quais são seus objetivos e qual é a sua maior missão aqui na terra, o motivo pelo qual você acorda todos os dias.

Quais são os meus valores?

Aqui você irá colocar em cheque quais fatores moldam o seu caráter, que te guiam como ser humano e o que você acredita.

Quais crenças guiam e limitam minha vida?

Ter crenças é algo positivo, mas você já parou para pensar em quais delas te limitam de alcançar seu potencial? Faça essa reflexão e coloque o resultado no papel.

Quais são os meus diferenciais e pontos fortes?

O que você tem de diferente de todas as outras pessoas no mundo e por que isso te torna único? O que você faz de melhor e como isso pode ajudar a você e as outras pessoas ao seu redor?

Quais são os meus pontos que precisam de melhoria?

Após avaliar o que você tem de bom, é interessante pontuar o que você não gosta tanto em si mesmo. Todos nós temos defeitos e isso é normal, mas é preciso conhece-los e saber como transforma-los em coisas positivas.

Qual frase me define?

Qual frase que você leu e ouviu que fez com que você criasse uma grande identificação? E por quê você acredita que ela se encaixe tão bem com você?

Como quero estar daqui a 5,10, 20 anos?

Quem é você hoje e quem você quer ser no futuro?

Quais são meus objetivos profissionais?

No lado profissional, quais são seus objetivos? O que você espera de sua carreira?

Quais são as minhas maiores conquistas?

Avalie todos os anos que você já viveu e pontue tudo o que você teve orgulho de ter conquistado, como um emprego, a admiração de alguém, ter concluído um curso ou faculdade, ter feito a diferença para alguma pessoa. Vale tudo que você considerar positivo!

Como colegas, amigos e a família me veem?

Você pode tanto colocar o que seus amigos e familiares falam para você quanto chegar neles e pedir uma resposta sincera da visão que eles têm sobre quem você é.

Como eu me relaciono com as pessoas e o mundo?

Você é uma pessoa que tem que tipo de relacionamento com seus amigos, família, colegas e pessoas que não conhece? A maneira como você se relaciona com essas pessoas é positiva ou negativa?

Sou um bom líder?

Você sabe como administrar as pessoas? Sua equipe te admira ou te teme? As pessoas que trabalham com você querem estar ao seu lado ou evitam a sua presença? Pensar seriamente sobre isso te ajudará a descobrir o tipo de profissional que você é para quem trabalha com você.

Sou um ser humano amado e capaz de amar?

Você sente que é amado pelas pessoas que o cercam? Você é uma pessoa que ama quem está ao seu redor?

Sou reconhecido pelo que faço?

Essa pergunta vale tanto para o âmbito profissional quanto pessoal. O seu esforço é reconhecido? Você é uma pessoa reconhecida pelas coisas que faz? E como você sente esse reconhecimento?

Respeito a mim e as pessoas que convivem comigo?

Você respeita as pessoas ao seu redor como você queria ser respeitado? Você preza pelos outros e os trata com o respeito que merecem?

Lido bem com as diferenças?

O mundo é feito de pessoas, crenças e comportamentos distintos. Você sabe lidar com quem é diferente e que não pensa igual a você? Ou você tem dificuldade em entender o que não te é familiar?

Sou aberto a mudanças?

Tudo muda o tempo todo. Você consegue lidar bem com isso? E se não, por quê?

Busco melhoria contínua?

Você é do tipo de pessoa que busca por melhorias ou se conforma com situações confortáveis? Você tem dificuldades em evoluir? Se sim, por quê?

Essas são algumas perguntas poderosas que, dentro de um processo ou treinamento de Coaching, auxiliam na autorreflexão. Ao responder a estes questionamentos de forma simples e direta, o cliente pode fazer uma autoavaliação precisa de seu estado atual, definir o estado desejado e trabalhar, com assertividade, para alcançar seus resultados extraordinários.

OS BENEFÍCIOS DA AUTORREFLEXÃO E DO COACHING

“Quanto mais eu me conheço, mais eu me curo e me potencializo”. Neste sentido, podemos afirmar que um dos maiores benefícios e diferenciais de um treinamento de Coaching está no poderoso e intenso autoconhecimento que ele proporciona.

Coaching e autorreflexão caminham juntos na evolução e construção do ser humano. Por meio de perguntas poderosas, feitas por um profissional especializado (coach), o cliente (coachee) consegue acessar emoções, reavaliar comportamentos e conhecer melhor a si mesmo.

Ao fazer esta visita a seu próprio interior e refletir sobre suas atitudes, conquistas e erros é possível ampliar sua visão em relação às pessoas e ao mundo. Esta autorreflexão permite, ainda, enxergar pontos fortes, habilidades, bem como identificar competências e comportamentos que ainda precisa ser desenvolvidos ou melhorados.

Seja no Coaching de Carreira, Life, Self Coaching ou Coaching Executivo, o coachee é convidado a fazer autorreflexões que o levam a alcançar os resultados profissionais e pessoais que busca para sua vida.

O Coaching proporciona um legítimo processo de autoconhecimento e aprendizagem humana. Por meio de suas técnicas, ferramentas e métodos, o cliente tem a oportunidade de trabalhar suas crenças limitantes, rever e mudar atitudes sabotadoras e identificar e vencer os bloqueios emocionais que limitam o seu sucesso.

Para saber mais, conheça meus Treinamentos de Coaching, ouse e permita-se ir além!

Gostou do artigo? Deixe sua opinião e compartilhe o conhecimento em suas redes sociais!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!