Comportamento-moral

Comportamento Moral no Trabalho – A Importância de Manter a Postura no Ambiente Profissional

Por: José Roberto Marques | Blog | 14 de agosto de 2017

Em tempos de forte crise ética em nosso país, cultivar um comportamento moral no trabalho se torna ainda mais importante. Digo isso porque embora os exemplos ao nosso redor sejam os piores possíveis, com dezenas de grandes empresas brasileiras sendo processadas por corrupção, não podemos desistir jamais da honestidade e nos deixar influenciar pelos maus exemplos.

Neste sentido, o profissional que se mantem correto e honesto, apesar dos influenciadores externos, é aquele que pode dormir com a consciência tranquila e, com a certeza de não deve nada à justiça, pois as suas ações são impecáveis. Comportamentos positivos e honestos são os melhores exemplos que líderes podem dar à sua equipe. Do mesmo modo, todos os profissionais da empresa devem zelar por uma cultura onde a honestidade seja um valor cultivado por todos.

A Importância do Comportamento Moral no Trabalho

Manter uma postura ética no ambiente de trabalho e um comportamento moral e, não amoral, vem antes de tudo da formação de caráter de cada indivíduo. Assim, se o colaborador não tem valores positivos e congruentes, ele acaba repetindo dentro da empresa, o que já faz de errado fora dela, o que é muito nocivo. Isso é uma questão de mentalidade e, esta por sua vez, se reflete nas ações, positivas ou negativas, de cada funcionário.

Aqueles que, por exemplo, vêm à organização como um local onde devem manter o respeito às regras, cultivar a ética e também ter cuidado com o bem-estar comum, são os que melhor de adequam à sua cultura organizacional. Por outro lado, profissionais que acreditam que podem usar os recursos da empresa em benefício próprio, além de estarem se apropriando ilegalmente destes; também estão dando maus exemplos aos demais.

3 Exemplos de Comportamento Moral no Trabalho

Veja exemplos do que você deve fazer em seu dia a dia na empresa para ter sempre um comportamento moral positivo:

Não fazer fofocas

Falar mal das pessoas ou criar boatos em relação à empresa, aos colegas e chefes; são exemplos de comportamentos imorais que todo profissional deve evitar. Além de causarem sérios prejuízos à qualidade do ambiente de trabalho, denegrirem a reputação das pessoas; as fofocas podem causar alvoroços entre os membros da equipe, que dependendo das informações erradas repassadas, podem ficar desnorteadas e ter sua produtividade prejudicada.

Não usar os recursos da empresa

A empresa é o seu local de trabalho e todos os seus gastos incidem em custos a mais para o seu empregador. Assim, fazer impressões de documentos na impressora da organização ou usar seu telefone para ligações pessoais; são exemplos de comportamentos errados que devem ser evitados. Uma pessoa ética jamais usa os recursos da organização em benefício próprio ou das vantagens do se cargo para atrair vantagens. Lembre-se disso!

Respeitar as regras da instituição

Respeitar os horários de entrada, de bater o ponto, a hierarquia da instituição, seus códigos de ética e postura e os prazos; são exemplos de comportamentos positivos que todo colaborador deve ter em seu trabalho. Para que a cultura da empresa se torne viva ela precisa ser respeitada e vivenciada por todos. Um dos preceitos para isso é seguir suas regras e orientações e não corrompê-las.

Para mudarmos a situação ética do nosso país, precisamos nos lembrar de que nós somos os agentes da mudança, tanto em sociedade como dentro das empresas para as quais trabalhamos. Cultive o comportamento moral no trabalho e faça parte da construção de um país melhor e mais honesto dentro das empresas também.

Deixe seu Comentário: