Voltar

A importância da gestão do tempo para o bem-estar pessoal e profissional

Publicado em | 0 comentários

Saiba como gerenciar seu tempo com maestria e ter maior qualidade de vida! | Depositphotos coolfonk

As pessoas realizam muitas tarefas em um dia e dividir o tempo, entre trabalho, lazer, atividade física, estudo, família e casa, e ainda arrumar tempo para realizar refeições, se deslocar e descansar, não é tarefa fácil.

Hoje, buscamos um equilíbrio entre vida pessoal e profissional, trabalhamos para satisfazer nossos desejos, como frequentar uma boa academia, ter uma casa confortável, visitar bons restaurantes, vestir-se bem, e ainda manter um bom emprego, nos especializando com os melhores cursos. Nesse sentido nos ocupamos demais, principalmente trabalhando e estudando.

Uma pesquisa da Robert Half realizada em 12 países, com 1.775 diretores de RH, apontou que os brasileiros são os profissionais mais estressados do mundo. A principal causa desse estresse é o excesso de trabalho e a sugestão dada pelos entrevistados para minimizar esse problema, é o trabalho em equipe, o que significa dividir as tarefas com um número maior de pessoas. De acordo com essa pesquisa, podemos avaliar também a sobrecarga de trabalho do profissional brasileiro, que absorve mais tarefas do que deveria.

Diante disso, podemos perceber que as pessoas não conseguem se organizar adequadamente e isso gera estresse. Além disso, o excesso de trabalho é uma das principais reclamações dos profissionais brasileiros, por isso gastamos maior tempo e energia dedicados às atividades profissionais.

No geral vemos pessoas sem tempo para questões pessoais, como para realizar um curso, manter um hobby, praticar esporte, viajar, reunir com os amigos ou realizar refeições em família.

CONSEQUÊNCIAS DA MÁ GESTÃO DO TEMPO NA VIDA PROFISSIONAL

A má gestão do tempo traz inúmeras consequências negativas para a carreira de um profissional, como:

  • Perda de prazos;
  • Projetos inacabados;
  • Queda da produtividade;
  • Incapacidade de definir as prioridades;
  • Aumento das horas extras;
  • Ter que levar trabalho para casa e/ou perder o final de semana;
  • Perca da credibilidade;
  • Problemas de relacionamento com os outros integrantes da equipe;
  • Queda no número de clientes;
  • Reuniões improdutivas;
  • Demissão;
  • Falência.

CONSEQUÊNCIAS DA MÁ GESTÃO DO TEMPO NA VIDA PESSOAL

Gerir de forma incorreta o tempo, traz consequências também para a vida pessoal do indivíduo, algumas são:

  • Faltar ou se atrasar aos compromissos importantes com amigos e familiares;
  • Problemas de relacionamento;
  • Procrastinação;
  • Problemas de saúde;
  • Queda na qualidade de vida;
  • Estresse e irritabilidade;
  • Insônia;
  • Distúrbios alimentares;
  • Desentendimentos;
  • Frustração.

O COACHING NA GESTÃO DE TEMPO

A quantidade de tarefas que nos são dadas nos dias atuais, o excesso de trabalho, a concorrência no mercado, as atividades em casa, as obrigações com os filhos, entre outros fatores, fizeram com que as pessoas acumulassem funções e demandas.

Precisamos de técnicas e ferramentas que nos possibilitem organizar o tempo, estabelecer prioridades, ter foco e comprometimento com nossos resultados, com aquilo que desejamos, tanto no âmbito pessoal como no profissional.

O Coach é um profissional que poderá auxiliar muito na gestão de tempo, pois durante as sessões serão estabelecidos metas, objetivos e, ainda, serão estabelecidos prazos para que as atividades sejam cumpridas, a fim de se alcançar o que se deseja. Além disso, serão eliminadas distrações e fatores que parecem importantes, mas não são. Vale ressaltar que com o Coaching, o profissional desenvolverá habilidades e competências, que farão com que ele realize planejamentos estratégicos assertivos.

TRÍADE DO TEMPO

Existe uma ferramenta que se chama Tríade do Tempo, através dela é avaliado de que forma utilizamos nosso tempo, se são com tarefas importantes, urgentes os circunstanciais.

As importantes referem-se àquelas atividades que realizamos e que são relevantes em nossas vidas, que traduzem resultados de curto, médio e longo prazo. Essas são as tarefas importantes e que devem ser feitas em determinado período de tempo e marcadas com antecedência.

As urgentes compreendem as atividades para as quais o tempo está curto ou se esgotou. São as exigências que chegam em cima da hora, que não podem ser previstas e geralmente causam estresse e pressão, como relatórios inesperados, problemas com clientes e esquecimentos.

As circunstanciais representam àquelas atividades desnecessárias ou excessivas, como gastos inúteis de tempo e as tarefas feitas por comodidade ou por serem “socialmente” apropriadas. Esta esfera representa aquele tempo gasto em vão, que não traz nenhum resultado, mas apenas frustrações.

PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA

Através de ferramentas da Programação Neurolinguística, o Coachee é capaz de identificar hábitos e comportamentos que estão dificultando a sua gestão do tempo e assim, o auxilia quanto ao desenvolvimento da autoconfiança e definição de objetivos e prioridades.

RODA DA VIDA

Na ferramenta Roda da Vida, o Coachee define notas de 1 a 10 para aspectos da sua vida como: âmbito pessoal, âmbito profissional, relacionamentos e qualidade de vida. Após todos os pontos definidos, o cliente traça um plano de ação no intuito de se dedicar aos pontos com as notas mais baixas.

Com a ferramenta da Roda da Vida, é possível que a pessoa consiga identificar as áreas da sua vida que estão em desequilíbrio e assim, aplicar a gestão do tempo nas mesmas.

VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL

Uma das grandes dificuldades encontradas pelos profissionais atualmente é a conciliação entre vida pessoal e vida profissional. Uma boa dica é planejar-se. Divida o tempo que destina às atividades profissionais e realize-as com afinco, evite distrações na hora do trabalho, como redes sociais, e-mails pessoais e outras coisas que possam atrapalhar sua produtividade, como se estender nos cafezinhos e na hora de almoço. Estabeleça horários para entrar e sair, bem como intervalos para refeições. Saiba dizer “não”, não aceite mais demandas do que pode absorver, negar uma solicitação com um argumento verdadeiro, melhora bastante sua produtividade e a qualidade do seu tempo.

Faça o mesmo com as atividades pessoais, não atenda telefonemas e responda e-mails de trabalho nos horários estipulados por você para atividades pessoais, exceto em casos pré-acordados com a empresa. Evite falar de trabalho, mesmo que seja em um happy hour com colegas da empresa. Estabeleça horários para atividades físicas, momentos de lazer e estudo. Lembre-se de reservar momentos com a família, amigos, para realizar programas culturais, entre outros.

Já terminou o dia com aquela sensação de dever cumprido? Gerir tempo é uma questão de bem estar e saúde. Terminar o dia como se algo ainda está por fazer, não é nada bom. Preocupação com atividades não realizadas pode gerar estresse, perda de sono, distúrbio alimentar e pode acarretar doenças como depressão, síndrome do pânico, ansiedade, entre outras.

Uma boa gestão de tempo é feita através de planejamentos, estabelecendo objetivos, que podem ser diários, semanais, quinzenais ou mensais. Você pode utilizar uma agenda, caderno, tablet ou smartphone, o que for melhor para o seu uso. Anote todos os seus compromissos e, assim, ao consultar suas atividades, você terá uma visão de tudo o que tem que realizar e como se programará para isso, facilitando a execução das mesmas. Crie rotinas, horário para acordar, dormir, realizar refeições, levar os filhos ao colégio, fazer atividades físicas, estudar, enfim tudo aquilo que você deseja fazer em um dia.

Se for preciso, e possível, peça a seu superior um período para que realize suas atividades de trabalho em casa, o home office vem sendo uma ótima alternativa para profissionais que querem ganhar tempo driblando o trânsito.

E na sua vida, como tem sido a sua gestão do tempo? Existem pontos que podem ser melhorados? Comente e compartilhe o artigo nas redes sociais.

Comments

comments