Voltar

Análise de comportamento: você sobreviveria a um teste de perfil profissional?

Publicado em | 0 comentários
desenho de rosto feliz e triste

alexmillos / Shutterstock Os testes comportamentais não são inimigos do candidato, mas poderosos aliados na sua contratação.

Durante os processos seletivos, o recrutador procura identificar comportamentos e competências técnicas de cada um dos participantes para encontrar aquele mais apto a ocupar a vaga em questão. Para que a contratação seja mais assertiva, os candidatos são submetidos a uma série de questionamentos e avaliações, entre os quais está o teste de perfil profissional.

O teste de perfil profissional é realizado por meio de um questionário em que a pessoa precisa indicar a opção mais aproximada daquilo que faria em determinada situação. Por ser uma ferramenta objetiva e focada em questões pertinentes, quando utilizada corretamente, contribui para levantar as características relevantes do avaliado e verificar se correspondem com aquelas requisitadas.   

A partir desse método, é possível identificar o grau de experiência e as atitudes apresentadas pelo candidato diante de situações comuns ao cargo pretendido. O teste de perfil profissional considera que a pessoa tenderá a agir da mesma forma quando estiver vivenciando algo pelo qual já passou.  Portanto, identifica na prática se o participante do processo seletivo tem ou não as competências necessárias para preencher a vaga e ainda minimiza a subjetividade, que é um dos grandes desafios do RH durante entrevistas.

Para o teste resultar em uma escolha mais efetiva, deve ser elaborado considerando as qualificações, conhecimentos técnicos gerais, habilidades e atitudes que são esperadas do novo colaborador. O profissional que conduzir o procedimento precisa estudar assiduamente a abrangência do cargo como um todo para saber o que procurar no candidato ideal. Ele deve buscar com cada pergunta, respostas que informem eficazmente as competências e os comportamentos do avaliado, de acordo com a maneira que ele escolher agir em determinado contexto e o resultado dessa atitude.

Baseado em cada resposta, o avaliador obterá o perfil de cada um dos participantes do processo seletivo. Aqueles que mais se aproximarem das expectativas demandas para o exercício do cargo disputado, obterão a maior pontuação e ficarão mais próximos de conseguirem a vaga desejada.

Como agir em um teste de perfil profissional

Como se trata de um questionário, muitos candidatos ao ouvirem que vão participar de um teste de perfil profissional tendem a acreditar que existem respostas corretas e incorretas. Essa é uma reflexão equivocada, porque o que existirão serão as opções mais próximas às características que a empresa precisa de uma pessoa para preencher a vaga em aberto.

Dessa forma, não existem fórmulas mágicas: ou você tem o perfil exigido ou não e será difícil saber o que a empresa realmente busca em um candidato. Mesmo conhecendo mais sobre a organização para forjar a escolha das alternativas, essa estratégia ficará ameaçada diante das perguntas que colocam as mesmas circunstâncias de diferentes formas para avaliar o nível de congruência das respostas, observar o nível de compreensão do que foi enunciado e identificar respostas contraditórias. Por isso, a única saída é ser honesto ao responder aquilo que foi requerido, sempre lembrando que os testes dizem muito sobre você.

O objetivo do questionário é tornar a contratação mais efetiva. Esse resultado é bom para a empresa, que poderá contar com colaboradores mais satisfeitos e evitar a alta rotatividade, e, por incrível que parece, para o próprio candidato, que pode estar criando muitas expectativas não encontradas de fato naquele ambiente de trabalho.

Teste de perfil profissional pode ajudá-lo em sua carreira

O teste de perfil profissional não é um inimigo do candidato e sim um aliado. Ele não precisa ser somente respondido durante processos seletivos, mas as pessoas podem realizá-los por conta própria pela internet ou em consultorias especializadas como forma de autoconhecimento. Por meio dessa ferramenta, você identifica suas qualidades e as aperfeiçoa e investe em melhorias para minimizar suas fraquezas. O resultado obtido ainda permite que você direcione a sua carreira de forma mais assertiva e procure vagas mais voltadas ao seu perfil.  

Se identificar que precisa desenvolver-se profissionalmente, conte com o Professional & Self Coaching, formação baseada no método do coaching que o ajudará a potencializar as suas competências e se destacar no mercado de trabalho.

Gostou deste post? Não deixe de comentar as suas percepções e deixar as suas experiências!

Comments

comments