pedagogia-empresarial

Psicopedagogia empresarial – Por que ela é tão importante?

Por: José Roberto Marques | Blog | 14 de outubro de 2020

A psicopedagogia empresarial vem ganhando cada vez mais destaque como ferramenta de redução de conflitos no ambiente de trabalho e aumento do potencial de sucesso dos colaboradores, individual e coletivamente. A relevância dessa área está relacionada com o seu foco na busca pelo entendimento dos desafios sociais envolvidos em uma eventual dificuldade de aprendizagem e de manutenção de um comportamento adequado.

Continue a leitura e confira mais detalhadamente o que é psicopedagogia empresarial e por que ela vem mudando a forma como as lideranças se relacionam com seus colaboradores, alcançando uma taxa mais elevada de produtividade.

O que é psicopedagogia?

O termo psicopedagogia tem origem na junção das palavras psicologia e pedagogia. Em linhas gerais, trata-se de uma combinação dos conhecimentos das duas áreas com o objetivo de compreender quais são os eventuais obstáculos para uma aprendizagem plena e um comportamento adequado às normas sociais de cada ambiente.

Ressalto que se trata de um campo bastante multidisciplinar, que se vale ainda de conhecimentos de antropologia, neurologia e outras áreas. O papel do psicopedagogo é entender o processo de assimilação e construção do conhecimento realizado pelo ser humano.

A aplicação da psicopedagogia pode ser dividida em duas grandes áreas: clínica e institucional. A primeira refere-se ao trabalho do psicopedagogo em um consultório, atendendo pacientes individualmente. No campo da psicopedagogia institucional, estão englobados trabalhos realizados em escolas, hospitais, empresas, entre outros.

O que é a psicopedagogia empresarial?

Agora que apresentei o conceito de psicopedagogia, posso me aprofundar na definição de psicopedagogia empresarial, ou seja, a aplicação dos conhecimentos da área dentro de empresas. No contexto organizacional, o trabalho do psicopedagogo tem caráter essencialmente preventivo de situações que possam tornar a convivência entre os colaboradores conflituosa e pouco produtiva.

A relação do ser humano com o trabalho passou por uma série de transformações ao longo dos séculos. Nas últimas décadas, se observa um sentimento crescente de que o ambiente profissional não é um local para realização pessoal e sim um meio para poder ser feliz quando se bate o cartão para ir embora. É exatamente para tentar desconstruir essa imagem que o psicopedagogo trabalha dentro das companhias.

Funções da psicopedagogia empresarial

Dentre as funções desse profissional estão a de avaliar como se desenvolvem as relações interpessoais entre os colegas de mesmo nível hierárquico e entre as lideranças e seus subordinados. Reduzir a distância, a desconfiança e a insatisfação que existe em muitos contextos corporativos é uma forma de potencializar a produtividade e o crescimento do desejo por ser um profissional melhor.

Além disso, no escopo de funções do psicopedagogo empresarial também pode constar o desenvolvimento de programas e projetos focados na saúde e aprendizagem dos funcionários. Estamos vivendo a era da informação e é crucial que os profissionais estejam abertos e preparados para passar por constantes atualizações e reciclagens.

Você é feliz?

Mais do que simplesmente investir recursos financeiros em cursos, é essencial que as empresas compreendam o sistema de aprendizagem de seus funcionários, oferecendo oportunidades realmente proveitosas de aperfeiçoamento. A psicopedagogia empresarial tem como grande foco a análise da forma como o ser humano é visto e inserido no contexto da companhia.

A importância da psicopedagogia empresarial

Muitas empresas têm problemas para manter a sua produtividade e bom andamento por questões intrínsecas à rotina dos colaboradores e que dificilmente serão identificadas sem uma análise realizada a partir dos vieses e ferramentas mais  . É exatamente nesse ponto que reside a relevância psicopedagogia aplicada ao contexto empresarial.

O psicopedagogo é um profissional que se prepara para analisar as dificuldades enfrentadas pelos indivíduos no seu processo de aprendizagem e reprodução de comportamentos adequados. Partindo dessa base de conhecimento, o psicopedagogo consegue identificar questões que precisam passar por uma modificação para se chegar aos resultados esperados.

O trabalho da psicopedagogia empresarial inclui fazer pesquisas e coletar dados que corroboram para um diagnóstico claro dos problemas de relacionamento e de funcionamento de uma organização. Essa análise completa permite a esse profissional indicar um caminho seguro para que haja melhorias no andamento corporativo.

Mudança estratégica para seguir crescendo

Há algum tempo, o meio corporativo discute a importância de mudar a abordagem dos colaboradores para obter resultados mais consistentes. Os funcionários precisam se sentir motivados e valorizados para que ofereçam o seu melhor para as companhias. Já está bem claro que o sistema em que os profissionais acreditam que a felicidade está somente fora dos portões da empresa não funciona.

Mudar a abordagem dos colaboradores é fazer uma mudança estratégica para se manter e crescer no seu segmento. Em uma realidade extremamente competitiva, ter acesso aos diferenciais que cada indivíduo pode oferecer é uma forma de se posicionar à frente dos seus concorrentes. O psicopedagogo tem como desafios repensar e redefinir algumas relações hierárquicas, assim como estabelecer formas mais eficientes de comunicação.

Respeito e compreensão

Relações empresariais harmoniosas são construídas com base no respeito às diferenças entre os indivíduos e compreensão dos limites de cada um. O olhar especializado do psicopedagogo para essas questões é o que permite desenvolver um trabalho coerente e alinhado com a realidade de cada empresa. Quando não se tem a atuação do psicopedagogo, é possível se perder no entendimento de qual é a realidade da companhia.

Uma empresa é feita pelas pessoas que atuam nela todos os dias, logo, sua realidade é reflexo de quem a mantém funcionando. Se não existe a percepção de quem são essas pessoas e de quais são as suas necessidades, dificilmente se construirá um projeto empresarial real. Aprender a mais do que olhar, ver quem faz a empresa, é o segredo para usar todo o seu potencial para crescer e se consolidar no mercado.

A psicopedagogia empresarial tem grande importância em um contexto em que os talentos individuais de cada colaborador estão sendo mais valorizados para que, somados, contribuam para a construção de um todo mais forte. Os psicopedagogos estão cada vez mais se direcionando para o mercado empresarial por identificar a grande demanda por seu trabalho.

No contexto empresarial, é muito positivo contar com um projeto de psicopedagogia para melhorar as relações interpessoais e a produtividade. Aproveite e deixe sua opinião sobre o assunto abaixo!

*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: