Soul,Energy,,Mental,Health,Nature,Therapy,,Spiritual,Life,Power,,Calm

A Psicologia do Comportamento Humano

Por: José Roberto Marques | Blog

Há algo muito relevante para qualquer equipe de Recursos Humanos dentro de uma empresa: entender o comportamento humano. Isso porque não basta apenas lidar com os profissionais e seus eventuais problemas de uma forma binária, tratando as situações simplesmente como certo e errado ou bom ou ruim. É preciso ir além e tratar as situações que envolvem cada pessoa como únicas.

Mas você se pergunta: o que isso tem a ver exatamente com a minha organização? Aquele problema comportamental que está acontecendo, ou que você teme acontecer, pode ser evitado de forma tranquila, a partir do momento que você enxerga as questões de cada indivíduo com um olhar mais atento e profundo.

E é justamente sobre este olhar e as várias questões que envolvem a psicologia do comportamento humano que vou abordar no artigo de hoje. Continue comigo nesta leitura e confira!

Psicologia do comportamento humano, do que se trata?

A psicologia do comportamento humano trata das problematizações existentes em cada pessoa. Para isso, utiliza-se da análise experimental, já tradicional na psicologia e realizada por um terapeuta previamente capacitado.

A análise experimental baseia-se em identificar fatores na reação das pessoas, para determinadas situações, identificando assim o que está causando o problema. A partir disso, uma cadeia cada vez mais profunda sobre o comportamento do analisado é desenvolvida.

Um fato importante sobre a psicologia do comportamento humano é que ela considera o meio onde as pessoas vivem — trabalho, escola, lar, entre outros — como algo fortemente influenciador na formação da personalidade de alguém.

Diante disso, cria-se uma relação entre a organização e o comportamento dos profissionais que nela trabalham.

Como ter a psicologia do comportamento humano como aliada?

Os métodos da psicologia do comportamento humano podem ser determinantes para o bom funcionamento da organização. Isso porque o ambiente de trabalho influencia os profissionais tanto positiva como negativamente, fazendo com que a empresa aumente ou diminua a produtividade.

Nesse sentido, as análises experimentais do comportamento são muito úteis, pois são baseadas numa premissa muito básica: o que temos de ruim no comportamento é fruto de hábitos que foram incorporados de nosso meio. Diante disso, a melhor forma de eliminá-los é incorporando novos e melhores hábitos.

Então, se uma pessoa está com problemas com alguma situação no trabalho, de forma recorrente, o colaborador é acompanhado por um terapeuta comportamental, que aplicará o método descrito acima como a solução para os problemas.

E a boa notícia é que isso realmente dá certo. Por isso, é recomendado investir nesse campo para dar mais cuidado aos recursos humanos da sua organização.

Hábitos antigos prejudiciais serão substituídos por novos, que podem ser benéficos, tanto para a empresa, quanto, e principalmente, para a vida do profissional, que antes se sentia lesado pela sua própria atitude.

Você é feliz?

No final, todos saem ganhando com este processo, em decorrência do progresso que ele possibilita.

Os benefícios da Psicologia do Comportamento Humano para a carreira

Como dissemos, são inúmeros os benefícios da Psicologia do Comportamento Humano, não só para as empresas, mas também para os profissionais e suas carreiras. Conheça alguns deles, a seguir: 

Autoconhecimento

O indivíduo que se permite passar pelo processo que a psicologia do comportamento humano preconiza, tem a oportunidade de se conhecer na essência. Isso quer dizer, que a pessoa consegue entender melhor suas ações e sentimentos, passando a ter maior controle emocional e maior controle sobre seus comportamentos também. 

Com isso, o indivíduo passa a pensar melhor antes de agir e não se deixa dominar por atitudes prejudiciais, não só à sua vida pessoal, mas à profissional também. 

Hábitos

A partir do momento que nos conhecemos melhor, conseguimos enxergar de forma mais ampla os hábitos que costumamos praticar em nosso dia a dia. Começam a passar pelo nosso crivo, não só os bons hábitos, mas também aqueles que nos prejudicam e que temos dificuldade de eliminar. 

Por meio da psicologia do comportamento humano, conseguimos substituir estes hábitos ruins por outros que nos tragam uma compensação maior em nossa vida. Assim, nos tornamos mais focados no que realmente importa e contribui para o nosso crescimento, de maneira geral. 

Interpretação

Ao passarmos por situações que mexem com o nosso emocional, a tendência é respondermos também de maneira emocional, sem analisar antes todos os ângulos da questão. Isso quer dizer que agimos por impulso, sem interpretar os fatos e a realidade ao nosso redor. 

Quando temos as ferramentas da psicologia do comportamento humano ao nosso alcance, mudamos este padrão e passamos a interpretar as situações como elas de fato se apresentam, respondendo a cada uma delas de forma racional, sem deixar que o nosso emocional nos domine por completo. 

Crenças

Se tem algo que impede o nosso crescimento são as crenças limitantes que carregamos ao longo de toda a nossa vida. Ao contarmos com a psicologia do comportamento humano este padrão também se modifica e conseguimos desconstruir tais crenças, para que elas não nos impeçam de ir além em nossa jornada evolutiva. 

Se você tiver a oportunidade, permita-se passar pelo processo transformador da psicologia do comportamento humano. Com certeza ele vai contribuir bastante, não só para o seu sucesso profissional, mas também pessoal e empresarial. 

Agora nos conte: você já conhecia esta vertente da psicologia? O que achou do conteúdo que acabei de te apresentar? Deixe nos comentários suas impressões sobre o texto e lembre-se de compartilhá-lo com seus amigos e familiares.

José Roberto Marques

Sobre o autor: José Roberto Marques é referência em Desenvolvimento Humano. Dedicou mais de 30 anos a fim de um propósito, o de fazer com que o ser humano seja capaz de atingir o seu Potencial Infinito! Para isso ele fundou o IBC, Instituto que é reconhecido internacionalmente. Professor convidado pela Universidade de Ohio e Palestrante da Brazil Conference, na Universidade de Harvard, JRM é responsável pela formação de mais de 50 mil Coaches através do PSC - Professional And Self Coaching, cujo os métodos são comprovados cientificamente através de estudo publicado pela UERJ . Além disso, é autor de mais de 50 livros publicados.



*Esse conteúdo não é fonte para veículos jornalísticos ou matérias para imprensa, para utilização ou referência por favor entre em contato conosco.

Deixe seu Comentário: