ressentimento-dicas

Como Se Libertar de um Ressentimento e Ser Mais Feliz

Por: José Roberto Marques | Blog | 17 de julho de 2019

Ressentir é o mesmo que sentir várias vezes a mesma coisa, remoer uma mágoa e alimentar o sofrimento. Considerando isso, acha que é possível ser feliz e viver com leveza guardando um ressentimento dentro de si? Possivelmente não, pois aquela ferida estará sempre ali, mostrando que há algo de errado. A boa notícia é que é perfeitamente possível permitir que a ferida cicatrize e se libertar dessa dor, continue acompanhando e saiba como.

Com ajuda do Coaching é possível ressignificar e ser mais feliz!
Acesse meu desafio “Detox da Mente” e descubra como viver melhor!

O Que é Ressentimento?

O ressentimento é um tipo de sentimento desconfortável que, enquanto o indivíduo permitir, continuará fazendo-o sofrer. Geralmente, acontece como resultado de uma grande decepção que não é esquecida, e, então, enquanto não há perdão, continua machucando. Essa sensação pode tanto ter relação com um terceiro, que fez algo considerado ruim, quanto com a própria pessoa, por conta de alguma decisão tomada no passado da qual ela se arrepende.

Os principais sinais de que uma pessoa está ressentida são: falar sobre o assunto diariamente, mesmo que já tenha passado muito tempo do ocorrido; Tocar sempre no nome de pessoas que não gosta; Desejar o mal para aqueles que a magoaram ou mesmo querer se vingar de alguma maneira. Como se pode ver, o indivíduo ressentido passa a direcionar grande parte das suas energias a algo que não lhe faz bem, o que acaba comprometendo todas as áreas de sua vida.

Existe uma frase muito interessante, de autor desconhecido, que diz: “guardar ressentimento é como tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra”. E, realmente, faz todo o sentido, afinal, é você que está guardando toda aquela mágoa, fazendo mal a si mesmo. O indivíduo que te magoou continuará ótimo, a menos, claro, que sua consciência não permita. Mas, perceba que é completamente inútil se desgastar, pois apenas estará comprometendo sua felicidade.

Obviamente, perdoar é desafiador, leva tempo, mas se esforçar para isso é o melhor caminho. Enquanto estiver alimentando mágoas em seu coração, irá se manter preso ao passado, deixando de desfrutar em plenitude do aqui e agora, que é o momento em que você pode agir e construir a realidade que deseja viver. Não abra mão de escrever uma história por conta de coisas que não podem mais ser alteradas. Escolha se libertar, viver cada instante ao máximo e se concentrar nas coisas que realmente importam.

5 Atitudes Para Se Libertar do Ressentimento e Viver o Presente

Se você deseja colocar um ponto final em histórias do passado e passar a viver o presente, desfrutando de cada instante ao máximo, coloque as cinco atitudes a seguir em prática e veja como sua vida ficará mais leve. Acredite, por mais que tenha sofrido, você tem todas as condições para se libertar desse ressentimento e abrir espaço em seu coração apenas para coisas positivas e que agreguem.

1 – Evite Ignorar os Seus Sentimentos

Quando digo que é importante se libertar de um ressentimento, é realmente deixá-lo ir e não negar sua existência. E, para isso, é necessário que o acolha e ouça o que diz o seu coração, porque é assim que poderá resolver as questões que ficaram pendentes e deixar o que aconteceu no passado. Quando você nega um sentimento e finge que ele não existe, essas informações vão para o seu subconsciente, manifestando-se através de crenças limitantes que poderão comprometer seu desenvolvimento.

2 – Identifique a Origem dos Seus Ressentimentos

De quem você tem mágoas? É apenas de uma pessoa ou várias? Reflita sobre isso e anote todas as situações que lhe causaram dor no decorrer da vida e que te deixam triste até hoje. Inclua tudo o que conseguir se lembrar, sem se julgar caso a lista fique extensa, porque a ideia é realmente colocar no papel tudo o que te perturba de alguma maneira para resolver essas questões dentro de si. Acrescente também situações, lugares, qualquer lembrança que considerar negativa.

3 – Veja Como Cada Ressentimento Te Afeta

Com a lista em mãos, pense em cada item e em como ele te afeta. Caso tenha um ressentimento em relação a um familiar que te humilhou no passado, pense em como aquilo te afetou, se feriu sua autoestima, por exemplo, e anote tudo. Entender como cada situação impacta em sua vida é muito importante, porque é através dessa consciência que poderá, de fato, se libertar.

4 – Considere a Sua Responsabilidade em Cada Situação

Somos responsáveis por muitas das coisas que acontecem conosco e a ideia dessa afirmação não é que se culpe por tudo e sim que perceba o seu papel e evite se vitimizar. É claro que haverá casos em que a outra pessoa agiu de má fé e abusou da sua bondade, entretanto, pode haver outros em que você permitiu que aquilo acontecesse. Assim, fazer essa análise irá permitir que enxergue cada item da sua lista sob uma perspectiva diferente e possa chegar à conclusão de que vários ressentimentos não fazem mais sentido.

Com ajuda do Coaching é possível ressignificar e ser mais feliz!
Acesse meu desafio “Detox da Mente” e descubra como viver melhor!

5 – Reconheça a Humanidade das Pessoas

Agora é hora de refletir sobre a humanidade das pessoas que te magoaram e da sua também, afinal, pode acontecer de, ao colocar o item anterior em prática, se dar conta de que teve responsabilidade em algumas situações. O ser humano, de modo geral, é um ser imperfeito, que veio a este mundo para descobri-lo, se descobrir, aprender e evoluir. Durante esse processo, é natural cometer erros, porque é através deles que se aprende.

Para entender melhor tudo isso, vamos considerar um bebê, que nasce sem ter conhecimento algum sobre o mundo e as pessoas. Ele vai crescendo, aprende a engatinhar, depois andar e, até que consiga manter seu corpo firme e caminhar com segurança, leva muitos tombos. Já em outra fase da infância, as crianças costumam falar coisas que no mundo adulto são consideradas motivos de vergonha, porque elas ainda não possuem o filtro que nós temos para definir o que deve ou não ser falado.

Perceba que cada fase tem os seus desafios e que eles vão mudando com o passar do tempo, mas estão sempre ali, nos testando e nos lapidando. Portanto, reconheça que é um ser humano, que irá errar e aprender até o seu último dia de vida, assim como todas as outras pessoas que passarem pelo seu caminho. Ao adotar essa visão, passará a ver erros de forma mais leve, não para aceitar tudo sem questionar e sim para se libertar e evitar guardar mágoas que não te levarão a nada.

Seu corpo e sua mente são o seu lar, a casa onde sua alma habita. Escolha bem os sentimentos que irá deixar entrar. Desejo a você muita leveza, paz e luz!

Copyright: 1070742089 – https://www.shutterstock.com/pt/g/deandrobot

Deixe seu Comentário: