o-elefantinho

A Metáfora do Elefantinho e as Lições Que Podemos Aprender Com Ela

Por: José Roberto Marques | Blog | 19 de julho de 2019

Em algumas das minhas formações e eventos, costumo contar uma história bastante inspiradora que se tornou marcante em minha vida e tenho a certeza que se tornará na sua também. Trata-se da metáfora do elefantinho, que representa muito bem a relação que temos com determinadas crenças limitantes que carregamos sem nos dar conta do quanto atrapalham nosso desenvolvimento. 

Continue acompanhando e entenda como essa metáfora é poderosa e pode te incentivar a se libertar de tudo o que te impede de alcançar o seu potencial máximo, ousar e ir além!

Desenvolva um mindset vencedor através do Coaching!
Conheça meu desafio “Detox da Mente”! Viva mais leve e feliz!

A Metáfora do Elefantinho

Havia um circo que contava com vários animais que eram usados como atração nos espetáculos. Entre eles, tinha um filhote de elefante que, enquanto não estava participando de uma apresentação, ficava preso, com sua pata amarrada a um pequeno toco por uma corrente. Logo que foi preso, ele se debateu e tentou se libertar, porém, mesmo pesando mais de 100 quilos, ainda não tinha força o suficiente.

O tempo foi se passando, o bebê elefante foi se desenvolvendo e se tornando cada vez mais pesado e poderoso. Porém, sem ter nenhuma noção de sua força, o que o levava a permanecer preso no mesmo toco, como se ainda fosse o mesmo filhote de anos atrás. Até que, um dia, uma criança estava prestes a entrar na jaula do tigre sem qualquer supervisão. Ao perceber o risco que aquele ser indefeso estava passando, o elefante imediatamente arrebentou a corrente e agiu para impedir que o pior acontecesse.

Perceba que o elefante passou a vida toda preso porque não tinha a consciência de que era capaz de vencer aquele obstáculo, que era o toco no qual ficava amarrado. Foi a partir do momento em que ele se viu sem outra opção, a não ser ajudar uma pessoa que estava em perigo, que percebeu que poderia começar uma nova vida totalmente livre, sem correntes e sem o toco.

O Poderoso Significado da Metáfora do Elefantinho

Agora, trazendo essa metáfora para as nossas vidas, te pergunto: quantos tocos estão ao seu redor te impedindo de se libertar e de viver em plenitude? Esses tocos são as nossas crenças limitantes, nossas incongruências e incertezas, as heranças ruins que carregamos através do tempo e que nos prendem ao passado. Você não precisa fazer como o elefante e esperar que uma situação extrema aconteça para que vá de encontro com a sua força.

Você pode começar isso hoje mesmo, libertando-se dos tocos e das correntes que te aprisionam, deixando para trás as experiências ruins e compreendendo o potencial fantástico que possui para viver o presente e, assim, construir o futuro que deseja. Acredite, as correntes que parecem te prender são mais mentais do que físicas e cabe a você rompê-las definitivamente.

O escritor Denis Waitley tem uma citação bastante interessante que representa bem a metáfora do elefantinho, e diz: “Não é o que você é que te limita, e sim o que você pensa que não é”. Realmente, pois o elefante achava que não tinha capacidade se libertar porque era apenas um animal de circo e que não havia nada que ele pudesse fazer. Veja que a realidade é totalmente oposta, pois é exatamente o fato de ele ser um animal de grande porte, que permitia que ele se libertasse do toco e da corrente.

5 Lições Que a Metáfora do Elefantinho Ensina

Depois de conhecer essa história tão poderosa e cheia de significados, chega o momento de entender melhor as lições que ela é capaz de ensinar, confira!

1 – Devemos Sempre Questionar Aquilo Que Nos Aflige

Na história, o elefante simplesmente aceitou que não seria capaz de se libertar da corrente e se livrar do toco que o mantinha preso, sem questionar aquela situação. Quantas vezes fazemos o mesmo em nossas vidas, nos acomodando com algo ruim por nos acharmos incapazes? Por isso, se questione em relação às coisas que te incomodam e pense o que pode fazer para mudar, pois sempre há algo a ser feito.

2 – Jamais Duvide da Sua Capacidade

Nós, que estamos de fora, olhamos para a história do elefante e ficamos pensando: como um animal tão grande não se deu conta que conseguiria facilmente se livrar daquela corrente? E a verdade é que cada um de nós também possui uma força interior fantástica e muitas vezes não nos damos conta dela. Então, olhe para você, pense em tudo o que já realizou e no quanto evoluiu, reconheça o seu poder e enxergue além das crenças limitantes.

3 – Permita-se Tentar

Se o elefante tivesse se permitido ao menos tentar romper com aquela corrente que prendia sua pata, certamente já estaria livre há mais tempo. Afinal, sem uma tentativa não temos como saber se algo aconteceria ou não. Dessa maneira, é fundamental que se permita dar esse passo e se, porventura, não der certo, pelo menos saberá que fez o que esteve ao seu alcance. Contudo, posso afirmar com certeza, que as chances de conseguir são sempre muito maiores.

4 – Situações do Passado Não Determinam o Futuro

Um dos fatores que fez com que o elefante aceitasse aquela situação foi que, quando ainda era filhote, tentou se libertar sem sucesso. Também, pudera, ele ainda era pequeno e não tinha tanta força. Entretanto, mesmo após se desenvolver, ele continuou se sentindo incapaz, porque aquela lembrança do passado o fazia pensar assim. Para evitar que o mesmo aconteça contigo, repita comigo: o passado não precisa determinar o futuro.

Desenvolva um mindset vencedor através do Coaching!
Conheça meu desafio “Detox da Mente”! Viva mais leve e feliz!

5 – Evite Esperar uma Situação Extrema Para Reconhecer Que é Capaz

Na história, a libertação do elefante aconteceu quando ele viu que uma criança ia entrar na jaula do tigre e, num ímpeto, foi até lá salvá-la. Se não fosse isso, provavelmente continuaria lá, vivendo daquele modo infeliz, apenas seguindo as ordens do domador. Evite esperar que uma situação extrema aconteça em sua vida para que seja obrigado a mostrar a sua força. Faça isso hoje, olhando-se no espelho e reconhecendo que é um ser extraordinário e capaz de se libertar de todos os tocos que tentam te aprisionar.

Espero que tenha gostado de conhecer a metáfora do elefantinho e as lições poderosas que ela nos ensina, e que reflita a respeito, para arrancar todos os tocos do seu caminho. Você vem comigo?

Copyright: Por AnnstasAg – ID do vetor stock livre de direitos: 1125060113

Deixe seu Comentário: