Voltar

Venda de Empresas – Como não sair no prejuízo

Publicado em | 0 comentários

El Nariz/ Shutterstock Na venda de uma empresa, o ideal é que o acordo seja bom para os dois lados

Todo processo de vendas, seja qual for o produto ou serviço, exige estratégia. Isso não é diferente quanto falamos na venda de empresas, que é um organismo vivo, pronto e, como tal, deve evidenciar todos os diferenciais e vantagens deste tipo de aquisição.

Para não cair no prejuízo e vender o seu empreendimento, por um valor muito abaixo do mercado, é importante traçar um planejamento, que permita apresentar e valorizar a empresa frente aos seus possíveis compradores.

Para isso, é necessário apresentar a estrutura física, tecnológica, humana, de comunicação e marketing, gastos, investimentos, faturamento e mostrar, na prática, como é feita a gestão do negócio para os avaliadores.

Depois, é essencial explicar as razões da venda (mudança de ramo, falência, separação de sociedade, falta de capital de giro, foco em outros negócios). Isso é importante, porque ninguém vai querer comprar um negócio no escuro, sem investigar as reais motivações da venda e analisar os riscos.

Neste sentido, por piores que sejam as condições atuais da empresa, com um bom diagnóstico, o futuro dono pode utilizar sua experiência e condições financeiras para manter e alavancar o negócio. Dispondo de todas estas informações, cabe a ele avaliar as vantagens e desvantagens de investir na compra e, com isso, se decidir.

Como Vender sua Empresa

Busque investidores com o perfil empreendedor. Podem ser seus concorrentes ou mesmo empresários que gostem de fazer investimentos variados, ou seja, em diferentes tipos de empresas. Em seguida, mostre a qualidade de seus produtos ou serviços, sua carteira de clientes e o valor da sua marca no mercado.

Saber o valor do negócio é um fator decisivo para não ter prejuízos com a venda. Para chegar a ele, é preciso levar em conta todos os aspectos citados acima, sem deixar que nenhum dos seus diferenciais seja excluído.

Quanto mais organizada e lucrativa é a empresa, maior também será seu valor de venda. Grandes empresários sabem disso, e tanto quando tentam comprar, como vender seus empreendimentos, buscam fazer uma avaliação exata do negócio, para evitar perdas na hora de fechar a negociação.

Grandes, médias e pequenas empresas nacionais passaram por este processo de transição de seus donos. Algumas porque não conseguiram manterem-se vivas, outras porque era hora de expandir suas operações e dar um passo à frente.

Entretanto, independente dos motivos, é interessante que o vendedor tenha certeza de sua decisão e saiba apresentar sua empresa de modo a vendê-la por um valor justo e que não lhe traga prejuízos financeiros.

Se você também deseja crescer no mundo dos negócios, faça uma formação que lhe dará todo o subsídio para ir além. Faça o Business And Executive Coaching – BEC e alavanque seus resultados!

Gostou do texto? Comente e compartilhe!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!