Voltar

Treinamento de pessoal: Quais são suas etapas?

Publicado em | 0 comentários
Quais são as etapas do treinamento de pessoal?

© Depositphotos.com / sjenner13 Os treinamentos pessoais nas organizações tem como objetivo aprimorar a performance do capital humano.

Mesmo contratando pessoas bem qualificadas por meio de processos seletivos criteriosos, não é garantido que elas estejam prontas para os desafios específicos da empresa. Por isso, é necessário investir em treinamento de pessoal, ferramenta que prepara e alinha os colaboradores aos objetivos e atividades da organização.

Contar com uma equipe de colaboradores bem capacitada é essencial para o sucesso de qualquer empresa. Desde os altos níveis hierárquicos até os mais baixos precisam ser formados por profissionais competentes e alinhados com a cultura organizacional.

Importância do treinamento de pessoal

O mercado está em constante modificação e os profissionais precisam estar preparados para lidar com os mais diversos cenários para garantir à empresa competitividade constante.  Nesse contexto, é papel das organizações oferecer ferramentas e condições para a capacitação de seus funcionários.  

A área de RH (Recursos Humanos) é a responsável por criar programas de desenvolvimento e treinamento de pessoal. Essa estratégia pode beneficiar não somente os colaboradores que estão entrando na empresa, como também os mais antigos. Isso porque, essas capacitações objetivam promover e aumentar o conhecimento técnico dos profissionais.

Como se trata de um aprendizado desenvolvido pela própria empresa, o treinamento de pessoal permite capacitar os colaboradores de acordo com os valores e objetivos da organização. Como resultado, há o alcance da máxima eficiência condizente com hábitos apropriados para o contexto e cultura organizacional, o que aumenta a produtividade e evita o retrabalho.

Outra vantagem do treinamento de pessoal está na contribuição que oferece ao desenvolvimento de cada colaborador. Quanto mais oportunidades o profissional tem de se aprimorar, mais ele consegue maximizar as suas habilidades e enxergar o seu potencial infinito.

Etapas do treinamento de pessoal

Como você pode perceber, o treinamento de pessoal oferece diversas vantagens à empresa e aos colaboradores. Por esse motivo, é utilizado por organizações de diversos setores. Para que seja realizado, precisa seguir as diretrizes de treinamento da Gestão de Qualidade da ABNT NBR ISSO 10015:2001.

A norma objetiva orientar a empresa a identificar quando o treinamento é necessário, bem como a projetar, executar e analisar os seus resultados. Seguir essas diretrizes ainda contribui para que a empresa possa verificar se o procedimento adotado tem sido eficaz e, caso seja necessário, faça as melhorias adequadas.

Abaixo, resumo as etapas fundamentais para elaboração do treinamento pessoal seguindo as normas da ABNT.

1ª Etapa – Definição das necessidades da organização

O treinamento de pessoal precisa ser realizado de acordo com os objetivos que a empresa quer alcançar. Pode ser o aumento dos lucros, aumento da satisfação dos clientes, aumento da produtividade, aumento das vendas, redução de custos, redução de acidentes, redução da rotatividade de pessoas, entre outros. Para definir qual a necessidade de fazer o treinamento, é necessário avaliar o perfil da empresa, considerando seus recursos, política, visão, missão e valores. Esse diagnóstico permitirá montar um treinamento que trabalhe as competências específicas dos profissionais e permitam alcançar os resultados desejados.

2ª Etapa – Definição e análise os requisitos de competência

Nesta etapa, devem-se identificar as competências que precisam ser desenvolvidas para atender às demandas da organização. Essa análise pode ser feita a partir dos seguintes aspectos:

  • Visão dos próprios funcionários com relação às oportunidades de desenvolvimento que impactam no alcance dos objetivos pretendidos pela empresa;
  • Ações corretivas decorrentes de reclamações do público/cliente;
  • Pesquisa de mercado.

3ª Etapa – Análise Crítica das Competências

Utilização de ferramentas que permitam a clara identificação das falhas, competências, desempenhos, processos e resultados dos profissionais. É necessário que o método utilizado seja confiável e traga uma análise crítica a respeito das informações obtidas, de preferência com a participação de um especialista que saiba interpretar corretamente os dados obtidos.

Visando potencializar as organizações por meio do aprimoramento das pessoas, o Instituto Brasileiro de Coaching – IBC desenvolveu duas poderosas ferramentas de mapeamento comportamental capazes de acelerar, maximizar e sustentar os resultados.  São elas: Coaching Assessment e Avaliação 360º. Preparamos dois vídeos para explicar mais sobre essas ferramentas.

Coaching Assessment

Avaliação 360º

4ª Etapa – Definição das lacunas de competência

Esta fase compreende uma comparação entre as competências existentes com as desejadas, a partir dos resultados obtidos na aplicação dos métodos de avaliação.

5ª Identificação de soluções para eliminar as lacunas de competência

Este é o momento de elaborar treinamentos organizacionais adequados para suprir os “gaps” identificados na etapa anterior.

6ª Definição da especificação das necessidades de treinamento

Descrição precisa e objetiva dos objetivos esperados com o treinamento.

Após a aplicação do treinamento de pessoal, é necessário monitorar o processo, garantindo o alinhamento e a fidelidade no desenvolvimento dos pontos identificados. Ao final, deve-se fazer a mensuração dos resultados do processo, a fim de torná-lo cada vez mais efetivo.

Gostou deste artigo? Comente e compartilhe o conhecimento com seus amigos em suas redes sociais.

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!