Voltar

Profissional multitarefa – Pontos Positivos e Negativos

Publicado em | 0 comentários

Jason Salmon/ Shutterstock O profissional multitarefa consegue se desdobrar em vários e ter alta produtividade

Sabe aquele profissional que executa várias demandas, ao mesmo tempo e, sempre, de forma assertiva? Pois bem, estamos falando do colaborador multitarefa, que consegue se desdobrar em vários e ter uma alta produtividade.

Este perfil é um dos mais desejados pelas empresas, uma vez que profissionais com esta característica multifacetada tendem a ser mais proativos e fazer uma melhor gestão do seu tempo. Entretanto, estes são sim, os pontos positivos, porém, além disso, também existe o lado negativo de ser um dos multitarefas do departamento ou organização.

Neste sentido, conheça na sequência, a lista de vantagens e desvantagens de ser um profissional que faz muitas tarefas e veja se você se encaixa em algumas destas características. Ao final do artigo, deixe sua opinião!

Pontos Positivos do Multitarefa

  • Sempre está disponível para ajudar com suas ideias e conhecimentos;
  • Aprimoramento da capacidade de gerir o tempo e as demandas;
  • Desenvolvimento de competências como: dinamismo e proatividade;
  • Receber a confiança para executar as tarefas mais importantes e mais complexas;
  • Conquista de maiores responsabilidades e chances de crescimento;
  • Obter maior reconhecimento da empresa e dos colegas;
  • Aprender a lidar com a pressão do dia a dia;
  • Desenvolvimento de liderança e maior autodesenvolvimento.

Pontos Negativos

  • Incapacidade de dizer “Não” às novas e constantes demandas;
  • Risco de sobrecarregar-se com muitas atividades;
  • Centralização do trabalho, o que impede outros profissionais de colaborarem também;
  • Acúmulo de muitas tarefas e risco de atraso nas entregas do trabalho;
  • Risco de sofrer de doenças como: estresse, depressão e ansiedade;
  • Sensação de esgotamento, físico e mental, devido ao excesso de demandas;
  • Centralização das atenções e da confiança dos gestores, o que diminui a confiança dos outros profissionais ao executarem seu trabalho;
  • Em casos mais graves, Síndrome de Burnout (doença psicológica grave, causada pelo excesso de trabalho);
  • Interferências na qualidade de vida dentro e fora da empresa.

Como podemos perceber até mesmo um profissional multitarefa deve ficar atento ao modo como se relaciona com seu trabalho. Muitas vezes, a capacidade de fazer muitas coisas esconde perfeccionismo, dificuldades de delegar as tarefas, de dizer “não” e ainda a necessidade de receber atenção dos outros constantemente.

Todas estas variáveis devem ser levadas em conta, pois o excesso de trabalho, pode sim levar a doenças graves. O ideal é buscar um meio-termo, ser efetivo, proativo, resoluto, mas sabendo o momento certo de pegar, dividir ou mesmo delegar as demandas. Com isso, todos tem a oportunidade de mostrar seus talentos e ninguém mais precisa ficar sobrecarregado.

E você, o que acha do profissional multitarefa? Deixe abaixo sua opinião abaixo!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!