Voltar

Plantar Para Colher: Cultivando o Feedback

Publicado em | 0 comentários

Melponeme/Shutterstock Os feedbacks ajudam a reforçar a cultura organizacional e a projetar o crescimento da empresa em longo prazo

O hábito faz o monge. É o que prega um velho ditado que diz muito sobre o que somos; nossas escolhas e características. Como sabemos nossas ações determina quem somos, e esse discurso também se aplica corporativo às empresas, colaboradores e seus clientes. Por isso é importante avaliar tudo sob estas diferentes óticas, cultivar feedbacks e saber como a empresa pode melhorar hoje para seguir e ter um futuro crescente.

Uma organização que deseja crescer tem de pensar em longo prazo. Isso representa buscar perspectivas que realmente sedimentem o seu espaço no mercado e a torne bem maior do que os produtos ou serviços que ela comercializa. Criar um conceito e fazer com que seus funcionários e consumidores partilhem dele tem se tornado tão importante quanto criar uma marca e fazer com que ela seja aceita.

Assim como já não basta ter um colaborador que queira se destacar dentre os demais apenas por chegar no horário estabelecido, também é pouco para uma empresa, que sonhe alto, oferecer somente um bom produto. Os clientes e o mercado são exigentes e sempre querem mais.

O Feedback Ajuda no Crescimento da Empresa

Questões imateriais como criatividade, inovação, qualidade do atendimento, e coisas do tipo têm sido os novos chamarizes para que um nome faça a diferença no mercado. Tão importante quanto isso e que dá base para a projeção de uma empresa é a cultura organizacional que ela carrega e transmite aos seus membros.

O verdadeiro desafio nos dias de hoje nem é tanto mais fazer com que os clientes comprem o seu produto ou serviço, mas sim conseguir que vistam a camisa das ideias que você defende. A origem disso é simples. Hoje, com a difusão irrestrita da informação e da tecnologia, tem se tornado relativamente fácil alguém reproduzir o seu produto.

Nesse cenário, acaba largando na frente quem consegue fazer a sua cultura organizacional ser bem difundida. Ter uma rede de colaboradores comungando dos mesmos valores e hábitos, usufruindo das mesmas ferramentas e ajustados na mesma sintonia, pois este é um diferencial capaz de projetar qualquer companhia para alguns degraus acima das concorrentes.

Cultura Organizacional e Feedback no Ambiente de Trabalho

Mais do que qualquer lição que um gerente ou supervisor pode incutir na cabeça dos seus subordinados, a cultura organizacional é o que há de mais adequado para fazer com que sigam adiante as diretrizes, dinâmicas, propósitos e valores de uma instituição. Nada consegue ser mais efetivo do que isso quando se trata de disseminar uma cultura comum a um grupo de profissionais.

Até mesmo para trabalhar questões aparentemente técnicas como produtividade, padrão de ação ou métodos organizacionais, é mais do que correto que seja utilizada a cultura interna da corporação. Esses valores são implantados e ajustados através dos fundamentos partilhados pelo grupo que atua em conjunto.

Na prática, é preciso que os interessados na difusão dessa modalidade tratem de apresentá-la aos demais membros do grupo. Praticando é que se aprende, e não há de ser diferente com o feedback e seus efeitos.

No meio de um grupo de profissionais que busca resultados comuns torna-se ainda mais fácil disseminar a cultura do uso do feedback como espaço e exercício de mediação de dificuldades e troca de experiências no ambiente de trabalho. Isso com certeza é uma prática poderosa e que traz resultados extraordinários a qualquer empresa.

 

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!