Voltar

Os Sonhos de Walt Disney

Publicado em | 0 comentários

Gong To/Shutterstock Walt Disney provou que podemos realizar nossos sonhos se formos focados, audaciosos e persistentes

Se você tem um sonho, pode transformá-lo em realidade. Sempre se lembre de que tudo isso começou com um sonho e um rato”. Esta frase de Walt Disney traz um perfeito exemplo da importância de investir na realização dos nossos sonhos e acreditar, verdadeiramente, que podemos torná-los reais.

Walt Elias Disney (nasceu em 5 de dezembro de 1901 e faleceu em 15 de dezembro de 1966) e, ao longo de sua brilhante carreira, exerceu as profissões de: produtor, cineasta, roteirista, dublador, diretor e empresário. Nesta última função, criou um dos empreendimentos mais bem-sucedidos do mundo, a empresa The Walt Disney Company (conglomerado de várias organizações) e a famosa Disneylândia.

Quem lê sua história ou visita um de seus grandiosos e criativos parques temáticos, hoje espalhados por todo o planeta, imagina que Walt sempre teve sucesso em tudo que fez. Entretanto, o criador do famoso personagem Mickey Mouse, quando jovem, foi demitido de um jornal, da função de ilustrador, pois segundo seus chefes, sofria de “falta de imaginação e boas ideias”.

Disney – Exemplo de Superação, Criatividade e Ousadia

Porém, esse que, para muitos, poderia ser um fracasso, na verdade, foi o pontapé inicial de tudo que estaria por vir. Em 1921, junto com seu irmão mais velho, Roy Oliver Disney, e o amigo Ub Iwerks, criaram a produtora Laugh-O-Gram, onde faziam projetos de animação e desenhos animados.

Nesta época os empreendedores faziam filmes que eram exibidos em cinemas do Kansas. Porém, os tempos foram difíceis, pois os pagamentos por seu trabalho demoravam até seis meses para ser realizados. Assim, Disney viveu momentos complicados, sem dinheiro, passou a morar na própria produtora, comer comida de cachorro e tomar banho apenas uma vez por semana, quando ia até uma estação de trem onde tinha banheiros disponíveis para isso.

Seu sacrifício para manter a empresa valeu a pena. Com as economias que fez, em 1932, levou a Laugh-O-Gram para a capital mundial do cinema, Hollywood. Lá, trabalhou para a Universal Studios; criando o famoso Coelho Osvaldo, que foi “roubado” pela produtora; que não lhe deu os créditos pela ilustração.

Porém, Walt não desanimou com esta rasteira, pois já tinha em mente, um novo personagem, aquele ratinho que mudaria completamente a sua história. Mesmo como todas estas dificuldades, Walt era persistente, insistiu em seu sonho e na empresa, que foi o primeiro passo para o que um dia se tornaria o grupo Disney.

Lições de Walt Disney Sobre Empreendedorismo e Persistência

Acredite nos seus Sonhos – Segundo o brilhante empreendedor – Todos os nossos sonhos poderão ser tornar realidade se houver a coragem de querer realizá-los”. Isso quer dizer que se você deseja conquistar suas metas e objetivos, você precisa focar, verdadeiramente, no alcance de suas realizações. Para isso, é preciso ser persistente, resiliente, comprometido e acreditar que realmente é possível conquistar seu estado desejado.

Tenha Resiliência – Disney enfrentou inúmeras dificuldades e muitos desafios até alcançar o patamar de um dos homens mais admirados do mundo. Para isso, contou com seu enorme poder de resiliência, caiu e levantou várias vezes, cada vez mais forte, otimista e mais conectado com os seus sonhos. Esta crença positiva em conjunto com sua mente criativa transformou as adversidades em motivação para ir além.

Seja Persistente – Cair e levantar, cair e levantar. Este foi o caminho de Walt por muito tempo, pois até suas ações e ideias surtirem o efeito esperado, ele teve que lidar com inúmeras decepções, frustrações, falta de dinheiro, trapaças por parte de clientes. Entretanto, isso não foi o suficiente para desistir de seus sonhos, buscou sua força interior e seguiu em frente até realizar seu destino.

Trate seus clientes como convidados – Esta forma diferenciada de pensar e tratar os visitantes dos parques da Disneylândia é um dos maiores atrativos da marca que, todos os anos, leva milhões de pessoas aos seus parques temáticos.  Para Disney, os clientes são seus convidados e todos os seus colaboradores são os artistas principais do show e não meros funcionários, divididos em funções. Assim, todos os seus profissionais são responsáveis pela experiência do cliente, que deve ser única e inesquecível, e devem colaborar para que o show nunca acabe e a magia viva e reviva a cada novo dia.

Maravilhosa e inspiradora a história de Walt Disney, não é mesmo? Seu legado extraordinário nos inspira a sonhar e, principalmente, a persistir, ser focado, resiliente e a buscar realizar os nossos sonhos profissionais e pessoais. Inspire-se também e conquiste sua autorrealização.

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!