Voltar

O que é turnover? E por que ele acontece nas empresas?

Publicado em | 0 comentários

© Depositphotos.com / bacho123456 Turnover é um termo comumente utilizado para definir a rotatividade de colaboradores dentro de uma empresa ou organização, ou seja, é a relação entre entradas e saídas de profissionais em um determinado momento.

Turnover é um termo comumente utilizado dentro do departamento de Recursos Humanos e significa a rotatividade de colaboradores dentro de uma empresa ou organização, ou seja, é a relação entre entradas e saídas de profissionais em um determinado momento.

De acordo com uma pesquisa realizada pela empresa de consultoria Robert Half em outubro de 2013, o Brasil lidera o ranking dos países com o maior número de rotatividade de profissionais. Só aqui, o turnover aumentou em 82% desde 2010, mais que o dobro da média do mundo que era de apenas 38%.

Ainda segundo o estudo, os principais motivos que causam esta rotatividade são a baixa remuneração, falta de reconhecimento, desmotivação e preocupação com o futuro da organização.

O turnover acontece nas empresas devido a fatores internos e externos. Os fatores internos estão relacionados a processos seletivos ineficazes, pagamento de baixos salários, chefes autoritários, desmotivação organizacional, baixa perspectiva de crescimento, falta de benefícios profissionais, entre outros. Já, entre os fatores externos, estão o mercado de trabalho e o nível de emprego e desemprego.

É função do RH diagnosticar as possíveis causas desta rotatividade, avaliar as futuras consequências que ele pode causar e, principalmente, propor soluções que eliminem ou diminuam a entrada e saída dos profissionais dentro do meio corporativo.

Dicas para diminuir o turnover nas organizações

Confira 5 dicas de como diminuir a alta rotatividade dentro do ambiente organizacional:

Realize recrutamentos assertivos e eficientes

Este é um dos pontos mais importantes para evitar o turnover, pois um recrutamento eficaz seleciona profissionais qualificados para o cargo oferecido, de acordo com as expectativas da organização.

Um profissional apto tende a permanecer mais tempo dentro da empresa e consegue produzir mais resultados positivos.

Invista nos colaboradores

Este investimento não se refere apenas ao pagamento de um salário condizente com o mercado, mas também a programas que visem treinamento e capacitação dos colaboradores.

Lembre-se que os profissionais permanecem na empresa não apenas pela remuneração, mas também pela perspectiva de crescimento e desenvolvimento contínuo.

Dê feedbacks constantes

Realizar feedbacks regulares é fundamental para que o colaborador se sinta reconhecido e devidamente valorizado pelo gestor e pela empresa. Ele também é um excelente aliado para motivar os profissionais a melhorarem a cada dia, além de potencializar suas capacidades e talentos.

Ofereça benefícios

Os benefícios são um dos principais aliados da empresa para manter os colaboradores por mais tempo no trabalho. Eles geram motivação e satisfação profissional fundamentais para a organização, pois profissionais felizes produzem mais e com maior qualidade.

Ofereça benefícios como vale transporte, auxílio refeição, plano de saúde, seguro de vida, seguro dentário, ajuda de custo, entre outros.

Ofereça boa remuneração e oportunidade de crescimento

Este talvez seja um dos principais fatores que mantém um profissional em uma organização. Reconheça seus colaboradores oferecendo salários condizentes com o valor do mercado e, se possível, perspectivas de crescimento por meio de programas de cargos e salários.

Isso fará com que o profissional se comprometa com o trabalho e se dedique com afinco a fim de atingir crescimento profissional.

Agora que você já sabe o que fazer, está na hora de colocar todas estas dicas em prática, não é mesmo? Depois, compartilhe comigo e em suas redes sociais como foi a experiência!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!