Voltar

O que é assédio moral no trabalho

Publicado em | 0 comentários
mãos empurrando cabeça de funcionário contra computador

© Depositphotos.com / ginasanders O assédio moral é caracterizado pela ocorrência de atos cruéis e desumanos que caracterizam uma atitude violenta e sem ética nas relações de trabalho.

O assédio moral, também chamado de violência moral, é caracterizado pela ocorrência de atos cruéis e desumanos que caracterizam uma atitude violenta e sem ética nas relações de trabalho, praticada por um ou mais chefes contra seus subordinados.

Trata-se da exposição dos funcionários a circunstâncias vergonhosas, humilhantes, desagradáveis, inconvenientes e inoportunas durante a jornada de trabalho. Todas essas atitudes têm o objetivo de abalar e desestruturar psicologicamente o colaborador, que pode sofrer assédio simplesmente por ser de determinado gênero, etnia ou raça.

Situações como ameaças constantes, xingamentos, ordenar a mesma atividade repetidas vezes, instigar boatos maldosos, gritar, ridicularizar, ignorar e rir do funcionário são algumas das atitudes que caracterizam o assédio moral no ambiente corporativo.

Segundo a Organização Internacional do Trabalho, 42% dos brasileiros já sofreram algum tipo de assédio moral no trabalho. Este é um problema grave que, quando não tomado as medidas cabíveis, pode acarretar inúmeros danos ao profissional, tanto físico quanto emocional e, ainda, em alguns casos, levar ao suicídio.

Se você passa por isso em seu trabalho, não fique calado. O medo é o principal aliado do agressor. Denuncie! O assédio moral é crime e pode levar à cadeia.

Tipos de assédio

Existem dois tipos de assédio moral presente no ambiente empresarial. Confira o que caracteriza cada um deles:

Assédio moral interpessoal

Trata-se de uma atitude repetitiva e constante de ofender e agredir verbalmente os colaboradores de forma individual, com o objetivo de prejudicar sua integridade emocional e física.

Assédio moral organizacional

Trata-se da ocorrência de provocações, insultos e humilhações contínuas, camufladas de atitudes corporativas que visam potencializar a mão de obra, manter a ordem e disciplina ou reduzir despesas de um grupo ou equipe.

Dicas para lidar com o assédio no trabalho

  • Avalie o comportamento do agressor;
  • Anote com detalhes as humilhações sofridas, incluindo o dia, a hora, o local, as palavras ditas e as testemunhas que presenciaram a cena;
  • Evite conversas particulares com o agressor;
  • Busque ajuda psicológica para enfrentar este drama;
  • Conte com o apoio de seus familiares;
  • Não ceda às chantagens;
  • Colha provas que realmente incrimine o agressor;
  • Procure os órgãos competentes ou a justiça do trabalho, e denuncie.

Pessoas que vivenciaram ou estão passando por este sofrimento e não sabem como lidar com as consequências físicas e emocionais que o assédio causa, além da orientação de um psicólogo, podem procurar o auxílio do Coaching — a melhor metodologia de desenvolvimento humano do Brasil.

O Professional & Self Coaching – PSC, a melhor e mais eficaz formação em Coaching que existe, será um excelente aliado na hora de lidar com problemas emocionais, desgastes físicos, estresse e depressão, cargas pesadas, eliminação de sentimentos, comportamentos e pensamentos sabotadores, entre outras coisas.

Este artigo foi interessante para você? Então lembre-se de compartilhar o conhecimento!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!