Voltar

O que é a Mitomania?

Publicado em | 0 comentários
homem cruzando os dedos atrás das costas

Brian A Jackson / Shutterstock A Mitomania pode ser definida como a compulsão por mentir, e é considerada um transtorno de ordem psicológica.

Sabe aquelas pessoas que inventam histórias extraordinárias e as apresentam como se fossem verdade, ou aumentam seus feitos para levar algum tipo de vantagem? Este é o perfil dos mitomaníacos, indivíduos com distúrbios de personalidade que precisam ser acompanhados e tratados adequadamente.

A Mitomania pode ser definida como a compulsão por mentir. Considerada um transtorno de ordem psicológica, esta doença está relacionada a problemas de autoestima e a questões psicossociais. O mitomaníaco, portanto, mente para melhorar sua imagem, elevar a estima e se sentir melhor diante da própria realidade.

Esta fuga do real muitas vezes acontece de maneira inconsciente, pois o mentiroso compulsivo geralmente não percebe as contradições naquilo que fala. Por isso, ele não se importa de repetir suas histórias fantasiosas até para as pessoas que conhecem a verdade.

Isso cria situações de extremo constrangimento para familiares e amigos, que geralmente testemunham o distúrbio de personalidade sem saber que as mentiras não são voluntárias, mas parte de uma doença que precisa ser tratada.

Com auxílio psiquiátrico e sessões de psicoterapia, o mitomaníaco pode trabalhar seu problema e vencer a doença, que tem tratamento e pode ser curada. Para isso, todo o seu ciclo de pessoas deve estar comprometido em ajudá-lo a controlar a compulsão e evitar alimentar as fantasias.

Os perigos do profissional mitomaníaco

Matar um parente por semana, fingir estar doente várias vezes no mês, aumentar suas experiências, supervalorizar seu trabalho e sempre contar vantagem sobre os colegas são alguns dos comportamentos que o profissional mitomaníaco costuma apresentar no ambiente de trabalho.
Para piorar a situação, quando confrontado, o profissional mitomaníaco tende a negar até a morte que tenha feito algo errado, colocando a responsabilidade em seus colegas ou em fatores externos.

Ao inventar fatos para se promover e obter vantagens, este colaborador torna-se um elemento perigoso para a empresa, pois suas mentiras comprometem a todos: gestores, equipes, colegas e clientes. Por isso, assim que o mentiroso patológico é identificado, a organização deve tomar medidas para evitar que suas mentiras prejudiquem a instituição e o bem-estar de todos.

O mais indicado é que o profissional que apresenta este tipo de distúrbio seja encaminhado para avaliação médica e, posteriormente, para o tratamento adequado. Com ajuda especializada, esta pessoa terá mais condições de trabalhar os aspectos negativos que afetam sua vida e vencer sua doença.

Gostou do artigo? Você conhece uma pessoa mitomaníaca? Conte abaixo!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!