Voltar

O Poder do Sorriso

Publicado em | 0 comentários

Do mesmo modo que o abraço faz diferença nas nossas relações, também assim é o sorriso. Quantas vezes você já quis dizer a alguém, uma vendedora, uma operadora de caixa, um frentista ou recepcionista de algum lugar: “moça, você não sorri?”.

Obrigado sem sorriso é uma lacuna de sentimento. Como posso ser grato com a face dura e sem expressão? Como posso ativar uma emoção positiva sem que meu rosto se abra num ato de ampliação dessas emoções?

Sorria. Sorria mesmo sem querer. O sorriso faz uma diferença enorme no dia de quem sorri e de quem recebe o sorriso.  Os terapeutas do riso ensinam que quando forçamos uma risada damos a oportunidade para que o nosso corpo aprenda aquele gesto.

É isso mesmo, nosso corpo tem que aprender a sor­rir, como tem que aprender a abraçar e como tem que aprender a agradecer. Tudo é aprendizado.

Espalhe seu Sorriso por Ai!

O mero sorriso ou a risada bem prolongada – quanto mais enérgica melhor para a saúde – provocam o aparecimento de uma corrente de endorfinas, o que imediatamente traz ao organismo um estado de libertação das tensões, um sentimento de tranqui­lidade orgânica, psíquica e emocional.

Qualquer manifestação de alegria, pensamentos e sentimentos serenos, atitudes de auxílio e de estímulo aos que delas necessitam já basta para o desencadea­mento desse processo.

Essa lógica é utilizada por muitos grupos médicos e terapêuticos, como os doutores da alegria, criados nos anos 60, inspirados pelo médico americano Hunter Adams, chamado de “Patch Adams”. Esse grupo, que se popularizou no Brasil na última década, faz nada mais que incentivar o sorriso de pessoas em tratamentos médicos de alta complexidade, geralmente os pacientes de quimioterapia. Daí o ditado “rir é o melhor remédio”.

Talvez o sorriso e o abraço sejam as melhores formas de demonstrar como nosso corpo está conectado às nossas melhores sensações. A gratidão como força vital aliada a esses dois gestos são poderosas formas de cura em nós e nos outros.

Quero compartilhar com vocês dez dicas para praticar o riso de forma a torná-lo um instrumento de potencialização do bem-estar. Sorria mais e viva mais e melhor também!

Essas dicas poderosas estão no livro “Terapia do Riso”, do Dr. Eduardo Lambert.

10 Dicas Para Praticar a Terapia do Riso

  1. Ponha a vida em ordem. Organize bolsos, bolsas, armários, gavetas. Falta de tempo para sorrir e ser feliz é falta de método e organização. É preciso ter consciência disso para crescer e progredir
  2. A felicidade vem de dentro, aspire ao direito de ser feliz. Entre em contato com o inconsciente despertando a energia vital através da fé, coragem, criatividade, alegria e autoconhecimento.
  3. Tenha qualidade de vida: liberdade de agir e de fazer tudo com alegria, amor e bom humor. Relacione com a natureza. Coma com calma. Faça leituras saudáveis e positivas. Relaxe nos finais de semana e principalmente antes de dormir. Tenha uma alimentação balanceada com cereais, verduras, legumes, frutas, ovos e carnes brancas. Pratique esportes e faça terapias naturais. Tudo isso alegra o nosso corpo e a nossa mente.
  4. Tenha autoestima e amor próprio, quem não sorri, não se ama. Ame-se, estime-se e valorize-se.
  5. Com entusiasmo, viva o presente.
  6. Tenha sempre atitudes positivas perante tudo.
  7. Viva com a paz na consciência livre de culpas.
  8. Além do sorriso em frente ao espelho, reúna-se com amigos para contar histórias alegres e até piadas, inclusive no ambiente de trabalho.
  9. Ria até na adversidade. Encare a vida com bom humor até nas horas mais difíceis.
  10. Goze a vida, faça tudo que é bom para você.

O que está esperando então. Sorria mais e exercite diariamente  a terapia do riso.

 

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!