Voltar

O Poder da União entre Coaching e PNL

Publicado em | 0 comentários
Coaching e PNL

Ra2studio/Shutterstock O Coaching em conjunto com PNL tem o poder de abrir a mente humana e mudar comportamentos

Muitas pessoas acreditam que por terem nascido numa família pobre, sempre serão pobres também. Uma coisa leva a outra porque está relacionada, mas acredite: não é determinante e imutável. Nenhum fato é isolado ou sozinho, entretanto, como o Coaching e a PNL propõe, nós temos os nossos próprios critérios para medir sua importância e, partir deles, nós podemos avaliar os acontecimentos e aprender a lidar com eles de forma positiva e construtiva.

Para criar esses critérios, é necessário saber o que precisa ser resolvido primeiro para que, assim, as coisas realmente aconteçam. Sabendo qual é o critério de importância, saberemos priorizar e, a partir daí, tudo se torna mais fácil de ser resolvido.

A Influência dos Comportamentos

Uma pessoa não é o seu comportamento, ela escolhe o seu comportamento. Por dentro, temos comportamentos internos que podem ser gerados a partir de comportamentos externos. Esse comportamento interno é formado através de canais sensoriais, que são os cinco sentidos: visual, auditivo, sinestésico, olfativo e gustativo.

Essa experiência interna influencia o comportamento interno e vice-versa, gerando assim, um comportamento externo. Pode parecer complexo, mas o comportamento interior pode mudar o comportamento exterior. É possível fazer isso a partir da mudança de pensamento, tanto do que acontece internamente (o que eu sinto) quanto do que vem externamente (como eu o recebo). Se alterar o comportamento, é possível alterar um determinado pensamento.

Como exemplo disso, pode-se dizer, que se uma pessoa está se sentindo triste (estado interno) ela pode escolher estar sorrindo, levantar a cabeça e apresentar uma postura exuberante (comportamento externo), pois ela escolheu mudar toda a estrutura interna, porque é o que a fará se sentir melhor.

Do contrário, a pessoa triste, pode refletir seu estado interno para o externo e se colocará no corpo de uma pessoa triste e até o tom de voz mudará. Assim como o exercício do dedo: o que eu faço fora, eu faço dentro, porque o cérebro não sabe distinguir uma realidade criada de uma realidade real, vivida. Para ele as duas são iguais, tem o mesmo nível de importância.

Coaching e PNL

Quando nós trabalhamos como programadores, e vamos fazer uma sessão de Coaching, nós estamos trabalhando com todo esse mapa junto.  Será preciso lidar de dentro pra fora da pessoa. Qual é o comportamento externo que está afetando o Coachee e saber o que será preciso mudar tanto no comportamento interno dele, quanto no seu estado interno.

Para isso, devem-se levantar todas as questões, ter uma árvore de critérios equivalentes e de importância, significado, crenças e entender a estrutura da mente. Sabendo dessas questões, terão os subsídios para trabalhar em cima das ferramentas da Programação Neurolinguística e tirá-lo do ponto A (limitante) e levá-lo em direção ao ponto B (ao estado que ele quer).

O trabalho da PNL não é simplesmente aplicar uma técnica, talvez isso fique mais claro a partir de agora. Uma técnica é só uma técnica. Tem toda uma estrutura de jogos, de linguagem, do que fazer, de percepção e de estruturas. É preciso aplicar várias técnicas pra ir enquadrando, ajustando e montando esse “quebra-cabeça” para que “algo feio se transforme em bonito”.

O comunicador exitoso tem que pensar no seguinte, e aqui está todo o processo de uma sessão de programação. Ele tem que ter uma ideia clara na mente do que seu cliente quer, porque se tem um alvo a ser alcançado. Para isso, deve haver flexibilidade de comportamento para aceitar outros modelos, porque se uma pessoa só aceita um modelo, as mudanças podem ficar mais difíceis.

É necessário ter acuidade sensorial, porque sem acuidade sensorial não se consegue perceber os comportamentos internos e nem os estados internos de uma pessoa. Entretanto, ao percebê-los e identificá-los fica ainda mais fácil usar estes pensamentos, sentimentos e crenças de forma positiva e em benefício dos resultados extraordinários que você busca para sua vida.

Assim, aquela pessoa, lá do início do nosso texto, que até então acreditava que morreria pobre por ter uma origem financeira limitada, pode modificar seus padrões mentais e de comportamentais, superar crenças limitantes e agir para conquistar tudo àquilo que deseja, inclusive, uma vida melhor e mais próspera.

Permita-se pensar diferente e tenha resultados diferentes também!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!