Voltar

História da Comunicação Humana

Publicado em | 0 comentários

Ongala/Shutterstock A comunicação humana vem evoluindo desde a era pré-histórica e culminou nas diversas formas de linguagem verbal e não verbal atuais

A história da comunicação humana permeia a história da própria humanidade e do processo evolutivo de todos nós. Antes mesmo da fala ser criada, nossos ancestrais mais primitivos, os homens das cavernas, já se comunicavam por meio da linguagem rudimentar desenvolvida por meio de gestos, sons, expressões e grunhidos.

Com o passar do tempo, a linguagem evoluiu um pouco mais e, por volta de oito mil anos atrás, o povo sumério criou os primeiros escritos e desenhos rupestres, feitos com tintas naturais, pintadas nas paredes de suas cavernas. Por meio destas ilustrações eles demonstravam como pensavam e como era o seu dia a dia numa época bastante remota.

Imagens de rituais sagrados, de animais, dos momentos de caça, dos utensílios criados e usados por eles, entre outros, ficaram marcados nas paredes da história e hoje servem para nos mostrar como mesmo sem palavras, seu comunicar, naquela época, já se dava claramente.

A História da Comunicação Humana Atual

Hoje, sabemos bem como nos comunicar, não é mesmo? Criamos diversos idiomas e formas de linguagem que expressam claramente nossas ideias e vontades. Se há alguns milhares de anos o homem escrevia nas paredes das cavernas pré-históricas, hoje escrevemos em smartphones, computadores e tablets de última geração, que em poucos instantes, comunicam ao mundo o que estamos pensando. Maravilhoso!

Entretanto, é importante lembrar que nada disso seria possível se nossos antepassados não tivessem buscando formas de comunicação verbal e não verbal que expressassem suas ideologias também e que comunicassem a nós como era seu modo de vida nos primórdios. Ontem eram paredes, hoje nos comunicamos em livros, jornais, publicações, fotos, imagens, filmes, músicas, sons, redes sociais, emails, tweets e tudo mais que o homem usa para se relacionar.

5 Dicas Para Uma Boa Comunicação

Ouça com Atenção – Um bom comunicador deve ser, antes de tudo, um exímio ouvinte de seus interlocutores. Saber ouvir na essência é ouvir, além das palavras, e buscar compreender as informações não verbais que as pessoas nos trazem em sua forma de se expressar.

Seja Coeso – A comunicação está relacionada à congruência entre o pensar e o agir da pessoa, ou seja, é preciso ter coesão na linguagem para que aquilo que você diz esteja alinhado com o que você faz. Isso é o que traz a credibilidade necessária para que possamos ser ouvidos, vistos, lidos e respeitados pelas pessoas à nossa volta.

Tenha Respeito – Nada mais desagradável do que conversar com uma pessoa arrogante, que grita o tempo todo e por meio da força tenha impor sua forma de pensar aos outros. Por isso, tenha respeito, converse no mesmo nível, fale, ouça e respeite as diferenças pontuais.

Seja Claro – Não adianta falar muito e não ser entendido em nada. Busque se expressar de forma clara e objetiva e não deixar margem em sua comunicação para interpretações errôneas. Isso é importante para evitar desentendimentos e tonar sua interação interpessoal mais positiva.

Atenção à Linguagem Não Verbal – Esteja atento também ao que o seu corpo comunica às pessoas, pois muitas vezes suas expressões faciais e físicas dizem mais que palavras. Cuide de sua comunicação não verbal e busque demonstrar emoções, sentimentos e pensamentos positivos, pois isso atrairá à atenção das pessoas de forma positiva também.

Fique atento à sua comunicação, mostre por meio dela o seu melhor, ouça com atenção e conquiste resultados extraordinários em todas as áreas de sua vida.

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!