Voltar

Entenda o que é Salário Bruto e Salário Líquido

Publicado em | 0 comentários
Salário

Ibreakstock/Shutterstock Entender a diferença entre o que você ganha e o que você recebe é fundamental!

Em se tratando de dinheiro, eu quero começar te fazendo algumas perguntas importantes – você está satisfeito com o salário que recebe hoje? Acha que o valor é justo? Já pensou em maneiras de aumentar sua renda e conquistar uma remuneração melhor? Sua empresa estaria disposta a lhe pagar mais?…

Estes são questionamentos importantes e que valem a pena ser feitos, uma vez que o nosso trabalho, além de fonte de satisfação profissional e pessoal, também deve nos proporcionar um retorno financeiro compatível com as nossas necessidades. Quando isso não acontece à produtividade cai, o interesse pela organização diminui e o colaborador geralmente começa a buscar um novo emprego.

Pois bem, se você também acredita que precisa de um salário melhor, antes de pedir um aumento ou de buscar um trabalho com uma remuneração maior, é preciso compreender as diferenças entre salário líquido e salário bruto e saber ao certo o valor ideal para começar a pensar alternativas ou mesmo negociar uma reposição salarial. Continue lendo e saiba mais sobre este importante assunto.

Diferenças entre Salário Bruto e Salário Líquido

Salário Bruto – é o montante que a empresa pagaria, sem nenhum desconto, ou seja, o valor que foi acordado entre as partes. Entretanto, como é preciso incluir os descontos obrigatórios com Imposto de Renda e INSS e, em alguns casos, o pagamento em coparticipações em plano de saúde da empresa ou empréstimos consignados, por exemplo, esse valor chega ao seu bolso já alterado, pois as contribuições já ficam retidas na fonte.

Salário Líquido – o que sobra depois de todos os descontos citados acima é exatamente o seu salário líquido, que é a quantia real que você recebe todo mês. Supondo que você receba três mil reais em seu contracheque e a sua conta só chegue 2.500, estes 500 reais foram descontos.

Por isso é muito importante que você entenda a diferença entre o que você ganha e o que você recebe e busque ajustar suas finanças a sua realidade. Isso é importante para controlar os gastos e desenvolver um planejamento financeiro pessoal que lhe permita viver bem com seu salário e não se endividar.

Isso não quer dizer, porém, que você deva se conformar em ganhar pouco e trabalhar muito. Busque alternativas, fale com seu gestor e defenda as possibilidades de um aumento para você. Se a sua empresa não demonstrar nenhuma ação neste sentido, repense e considere buscar uma alternativa melhor. Outra solução para aumentar seus rendimentos líquidos é investir numa atividade nas horas vagas e começa a empreender.

Sabemos que com a crise, o aumento dos preços e dos custos e, especialmente, com a defasagem do salário mínimo, nem sempre o trabalhador ganha o que precisa para sobreviver e ter qualidade de vida. Porém, use sua criatividade, pense em alternativas e não deixe que a falta de dinheiro limite e traga problemas para você. Faça seu salário e mude sua vida!

 

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!