Voltar

Dicas de dinâmicas de autoestima

Publicado em | 0 comentários
equipe com autoestima elevada

Phil Date / Shutterstock Pessoas com autoestima equilibrada se relacionam melhor, têm atitude, são decididas e se sentem capazes de superar desafios.

A autoestima pode ser definida como a qualidade de quem se reconhece como realmente é e valoriza a si mesmo, sua história, suas qualidades, competências e a forma de pensar e agir. Tanto no âmbito pessoal como profissional, é fundamental desenvolver a autoconfiança, a automotivação e desenvolver uma postura mais positiva em relação à vida.

Pessoas com autoestima equilibrada se relacionam melhor, têm mais atitude e são mais decididas, pois se sentem mais capazes de superar e vencer os desafios. O autoconhecimento ajuda na construção da autoimagem e, dependendo das influências recebidas pelo indivíduo, sua estima pode ser positiva ou negativa.

“Eu sou capaz/incapaz; Eu mereço sucesso/não mereço; Eu sou bonito/sou feio; Eu sou inteligente/eu sou burro”. Pensamentos como estes permeiam a mente dos indivíduos, de acordo com a situação de sua autoestima. Deste modo, a pessoa pode enxergar-se como alguém especial, ou como alguém que é inferior aos demais.

Essas crenças geralmente são provenientes dos estímulos recebidos dos pais, amigos, familiares e professores, desde a infância até a vida adulta. Quando o indivíduo passa a acreditar que esses estímulos recebidos realmente correspondem a quem ele é, cria uma determinada imagem — positiva ou negativa — de si mesmo, passando a guiar sua vida a partir dela.

Dinâmicas para aumento da autoestima

Para ajudar a ressignificar os estímulos negativos e potencializar a autoconfiança, foram criadas dinâmicas de autoestima que ajudam as pessoas a reencontrar o melhor que há dentro de si. Confira algumas:

Espelho

Material necessário: Caixa de papel e um espelho que caiba dentro da caixa.

Como realizar: Reúna todos os participantes e fale sobre a importância de todas as pessoas nos diferentes ambientes de convívio (trabalho, família, amigos). Em seguida, diga que vai mostrar a imagem da pessoa mais importante de todas e peça que, ao ver a imagem revelada, as pessoas mantenham sigilo até que todos abram a caixa e vejam o que tem dentro. Repare em cada reação e, ao final, explique que a pessoa mais importante é ela mesma.

Autofeedback

Material: Folha branca e caneta.

Como realizar: Peça que os participantes escrevam, na folha em branco: seu nome, profissão, hobbies, pontos fortes, qualidades, uma grande conquista de sua vida e a frase, filme e música de que mais gostam. Em seguida, peça que cada um leia este autofeedback para os colegas. Ao colocar no papel suas competências, a pessoa tem a oportunidade de refletir e enxergar melhor suas qualidades, ressaltando seus traços positivos e aumentando a autoestima.

Quebrar a tábua

Material: tábua pequena e pincel.

Como realizar: Peça que participantes peguem uma tábua e escrevam nela, com letras grandes e bem no centro da madeira, seu nome e sua principal característica que precisa de melhoria. Em seguida, divida os participantes em duplas e oriente que uma pessoa segure a tábua na frente de seu dono. Diga para que as pessoas olhem fixamente para o que está escrito na tábua e, após falar algumas frases de incentivo (como “você é forte” ou “você é capaz”), fale para que cada um quebre sua tábua. Ao quebrar a madeira, a pessoa está vencendo seu medo e passa a sentir-se mais capaz e empoderada.

E você, quer vencer crenças limitantes e aumentar sua autoestima de forma rápida e assertiva? Faça a Formação Professional & Self Coaching – PSC e descubra seu potencial infinito!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!