Voltar

Currículo para primeiro emprego – Dicas para se destacar

Publicado em | 0 comentários
desenho de três currículos

faithie / Shutterstock Um dos maiores erros de quem busca o primeiro emprego é acreditar que não há nada para colocar no currículo.

Se, até para os mais veteranos, a construção do currículo causa dúvidas, imagine para um profissional em início de carreira.

Por mais inexperiente que você seja, não tenha medo de apresentar-se ao mercado, pois muitas organizações contratam candidatos sem nenhuma vivência prática justamente porque preferem treiná-los internamente. Um destes exemplos são as empresas de Telemarketing, que empregam muitos profissionais em início de carreira.

Um dos maiores enganos dos calouros do mercado de trabalho é acreditar que não possuem nenhuma experiência. Isso porque mesmo quem ainda está no ensino médio ou no início da faculdade, já possui alguns conhecimentos e habilidades que podem ser destaque em seu currículo.

Como fazer seu currículo se destacar

Para fazer um currículo visando o primeiro emprego, as informações devem estar na seguinte ordem:

1. Dados Pessoais

Informe seu nome completo, endereço, telefone e contatos de email atualizados;

2. Objetivo Profissional

Aqui, você deve inserir o nome da vaga pretendida. Exemplo: Atendente de Telemarketing/ Suporte ao Cliente.

3. Experiência Profissional

Mesmo sem nenhuma experiência profissional, reconheça e destaque as habilidades já desenvolvidas no colégio ou na universidade. Exemplos: Realização de Análise Swot de uma empresa, Liderança do Grêmio Escolar, Presidente da Comissão de Formatura, Orador da Turma, Representante do colégio nas Olimpíadas de Matemática.

4. Histórico Escolar/Acadêmico

Comece por sua formação principal. Exemplo: Ensino médio completo no Colégio X; ou graduando em Ciências da Computação, na Faculdade XYZ. Não esqueça de inserir o ano de conclusão também.

5. Formação Complementar

Insira seus conhecimentos em informática e cursos extras que tenha feito, presencialmente ou pela internet.

6. Programas de intercâmbio e voluntariado

Se você já passou um tempo estudando outro idioma em outro país ou foi voluntário em alguma atividade, insira essas informações no currículo, exemplificado o tipo de trabalho que você executa. Voluntariados e o domínio em outra língua contam positivamente.

Viu só como, olhando com mais atenção e carinho para suas experiências de vida, você tem muito a colocar no currículo? Participar de projetos na escola ou na faculdade já é um bom começo, bem como fazer os cursos extracurriculares.

Lembre-se: no mercado de trabalho, todo conhecimento é válido. Por isso, tenha em mente que, quanto mais você busca, mais tem a ganhar.

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!