Voltar

Como o Coaching Pode ser Útil no Relacionamento com Pessoas mais Velhas

Publicado em | 0 comentários
relacionamento com pessoas mais velhas

Photographee.eu/Shutterstock O entendimento e respeito à história do outro é essencial para conviver com pessoas mais velhas

Aprender a honrar e respeitar a sua história e a história do outro é um dos preceitos do Coaching, por isso quando falamos no relacionamento com pessoas mais velhas, esta máxima se torna ainda mais verdadeira e poderosa. Todos nós conhecemos pessoas mais velhas que nós e, como tal, não podemos ignorar sua existência ou deixar de fazer contato porque, em determinados assuntos, não toleramos a forma como pensam e agem.

À medida que a expectativa de vida das pessoas aumenta é natural que diferentes gerações também acabem convivendo na mesma época e se relacionando em família, sociedade e também no ambiente de trabalho.  E para que estas diferentes formas de ver o mundo não acabem se chocando, é muito importante saber respeitar o espaço e as ideias de cada um e encontrar formas positivas para coexistir no mesmo tempo.

Neste sentido, volto a dizer que honrar e respeitar a história do outro é essencial tanto para que os mais jovens possam compreender a trajetória de vida dos que vieram antes, como para que os mais velhos também possam entender a forma de pensar e agir dos mais novos. Para isso, vamos entender melhor como o processo de Coaching pode ser benéfico a este tipo de relação.

Benefícios do Coaching no Relacionamento com Pessoas mais Velhas

Cada um tem sua história e, como tal, suas crenças, valores, erros e acertos, ganhos e perdas, dores e alegrias. Isso independe da idade, afinal, o tempo nos reserva muitas surpresas e traz grandes aprendizados que extrapolam a questão do número de aniversários que fizemos.

O processo de Coaching é um convite a que as pessoas de diferentes idades possam interagir de forma amistosa e positiva, ouvir uma a outra na essência, abrir-se para entender suas ideias além do que a pessoa diz. Tudo isso olhando para ela de modo mais profundo, olhando para sua história, para as influências que teve ao longo da vida, os desafios, dificuldades e oportunidades e, observado com mais respeito, como tudo isso ajudou a construir aquela pessoa ali em sua frente.

Um bom exemplo de quando isso acontece é no Processo de Identidade, ferramenta que eu faço durante meu treinamento Professional & Self Coaching – PSC, para que a pessoa possa conhecer a si mesma, a sua verdadeira essência. Neste momento, é preciso fazer uma intensa viagem ao passado, permitir-se mergulhar em si mesma e também em sua relação familiar. Considero esta uma grande oportunidade para aprender a se relacionar com pessoas mais velhas, seja dentro de nossa família ou fora dela. Vamos entender a razão!

Ao finalizar o processo de identidade, a relação com os pais fica ainda mais clara, porque este é um momento quando o aluno, muitas vezes, pela primeira vez em sua vida, consegue se colocar no lugar dos seus pais, avós e entender sua forma de pensar e agir. É também ai que os entendimentos acontecem, os perdões podem ser finalmente concedidos, as famílias podem começar a ajustar os pontos e aprender a ter uma convivência melhor em suas diferentes gerações.

Com isso, podemos dizer que o Coaching estimula de diversas formas o bom relacionamento com pessoas mais velhas e também a que os indivíduos em todos os ambientes e contextos. Isso é essencial para que possam aprender a respeitar e honrar a história um do outro, abrir-se a aprender com suas experiências e conhecimentos, interagir de forma positiva e conviver em paz e harmonia.

Abra-se, vença seus preconceitos e aprenda a se relacionar com pessoas mais velhas também!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!