Voltar

Como Evitar a Fofoca no Trabalho?

Publicado em | 0 comentários
Fofoca no trabalho

Master1305/Shutterstock A fofoca no trabalho causa sérios prejuízos à empresa e aos seus profissionais e deve ser combatida

Um dos problemas que mais afetam a produtividade e a qualidade do clima e das relações nas empresas, com certeza, é a fofoca no trabalho. Esta, por sua vez, pode ser causada tanto em decorrência do perfil dos profissionais, como também ser motivada pela falta de assertividade na comunicação da própria organização.

Quando o fator é humano, as fofocas e boatos geralmente são feitas por colaboradores que fazem uma leitura sempre errada e bastante maliciosa dos colegas, líderes e das situações. Sem filtro, eles fazem questão de comentar o que viram ou ouviram ou acham que viram e espalhar aos quatro ventos suas impressões.

Na maioria das vezes a falta de profissionalismo destes funcionários causa muitos transtornos para a empresa e para os envolvidos, pois cria um clima negativo entre as pessoas e, dependendo do conteúdo das fofocas, um ambiente de bastante insegurança e instabilidade emocional para todos.

Por outro lado, se isso acontece com frequência é porque a organização não tomou as medidas certas para coibir estes tipos de comportamentos por parte de seus profissionais. Também é um forte indicador de que a empresa não está sendo clara em sua comunicação interna e que precisa urgentemente rever isso.

 Dicas Para Evitar a Fofoca no Trabalho

Comunicação clara – a falta de uma comunicação assertiva e efetiva é o que abre brechas para que os colaboradores pensem o que quiserem e façam fofocas. Para evitar isso, crie informativos mensais sobre as ações da empresa, participe os profissionais de seus planejamentos e mudanças, lidere de forma exemplar e sempre tenha um canal aberto para seus profissionais tirarem suas dúvidas, fazerem seus questionamentos e esclarecer os pontos em aberto.

Identifique os fofoqueiros – às vezes, basta apenas uma única pessoa com poder de influência, para causar enorme reboliço por conta de suas fofocas no trabalho. Por isso, é importante que a organização identifique todos os profissionais com estes tipos de comportamentos nocivos, alerte-os sobre os malefícios de seus boatos e que, em caso de recorrência, eles poderão ser afastados da empresa, por exemplo.

Jamais repasse boatos – a melhor maneira de um profissional lidar com fofocas no trabalho é barrando ações deste tipo. Assim, toda vez que um colega fofoqueiro vier dizer alguma coisa, corte no ato e diga que não quer saber de nada e também que não acha a sua atitude correta e ética. Não alimentar os boatos é importante para evitar que eles se espalhem.

Conscientize a equipe – faça reuniões e busque conscientizar toda equipe da importância de não repassar fofocas ou alimentar estes atitudes erráticas. Mostre vídeos, tirinhas, pesquisas e informações que evidenciem como esta prática prejudica a produtividade de todo mundo, afeta as emoções, causa instabilidade, medo e diminui a motivação das pessoas. E mais, deixe bem claro que nem a empresa e nem o líder aceitam nenhum tipo de fofoca e boato e que comportamentos assim não serão tolerados.

Leve estas dicas para sua empresa e para o seu dia a dia como profissional e evite se meter ou espalhar fofocas no trabalho. Aja com profissionalismo e ética. Se tiver dúvidas, pergunte à pessoa responsável e nunca deixe que suposições virem boatos, pois eles sempre prejudicam alguém e causam problemas. Fique atento e preserve a qualidade de seu ambiente de trabalho!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!