Voltar

Como estruturar um processo de recrutamento

Publicado em | 0 comentários
pessoas entrevistando candidato a emprego

© Depositphotos.com / baranq Realizado pelo departamento de Recursos Humanos, o recrutamento tem por objetivo encontrar candidatos compatíveis com a função e as expectativas da empresa.

O processo de recrutamento é o primeiro passo de uma empresa que está contratando um novo colaborador. Realizado pelo departamento de Recursos Humanos, o recrutamento tem por objetivo encontrar candidatos compatíveis com a função e as expectativas da organização em determinada área.

Para isso, é muito importante estruturar o processo de recrutamento de modo que todos os quesitos solicitados pela empresa sejam perfeitamente preenchidos pelos contratados. Com isso, além de ganhar tempo com o processo de seleção, o RH se torna mais coeso e assertivo em suas contratações.

Como organizar um processo de recrutamento

  1. Defina quais vagas serão anunciadas;
  2. Deixe claro quais são os critérios de seleção (escolaridade e experiência na área, por exemplo);
  3. Defina o tempo que levará para a realização de todo o processo: recrutamento, seleção e contratação do novo colaborador;
  4. Defina os canais para o recrutamento (email direto do RH, “Trabalhe Conosco”, sites de empregos, indicações, anúncios jornais e em redes sociais);
  5. Desenvolva formulários específicos para cada área e aplique ferramentas de mapeamento comportamental, a exemplo do Coaching Assessment — que possui 99% de acerto e pode trazer uma análise mais fidedigna no perfil do candidato;
  6. Esteja preparado para analisar a comunicação não verbal dos candidatos e o que ele quer dizer por meio de suas expressões corporais;
  7. Prepare testes psicotécnicos, de criatividade, interpretação, conhecimentos e lógica, de acordo com a vaga.

Recrutamento Assertivo: bom para empresa e para o candidato

Ao preparar um processo de recrutamento, é necessário pensar também nos candidatos. Quanto mais assertivos forem os critérios de candidatura definidos e apresentados pelo RH, menos profissionais incompatíveis com a vaga perderão seu tempo se inscrevendo nestes processos de seleção.

Isso é bastante positivo, uma vez que evita que os recrutadores, gestores e a própria organização percam seu tempo avaliando centenas de currículos que não atendem às suas necessidades. Além disso, a empresa elimina possíveis frustrações por parte dos candidatos não selecionados e demonstra maturidade organizacional para recrutar.

Gostou do artigo? Comente e compartilhe com seus amigos!

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!