Voltar

Como Estimular o Perfil Empreendedor nas Crianças

Publicado em | 0 comentários
perfil empreendedor

Rob Marmion/Shutterstock Estimular o perfil empreendedor nas crianças e estimulá-las a enxergar oportunidades

É possível despertar o perfil empreendedor nas crianças? Com certeza a resposta é sim, uma vez que por meio de algumas atividades simples, lúdicas, criativas e diferentes, é possível sim despertar o lado empreendedor dos nos filhos, sobrinhos, afilhados e alunos, por exemplo.

Grande parte das características empreendedoras não está relacionada a negócios, mas a determinados comportamentos de quem possui esse perfil. Da mesma forma, muitas escolas não estão preparadas para despertar e desenvolver essas competências nas crianças.

Essas competências empreendedoras não são inatas – elas podem ser desenvolvidas ao longo da vida. Da mesma forma, elas também não são exclusivas de quem vai montar o seu próprio negócio e são muito bem valorizadas na vida pessoal e profissional. É cada vez maior o número de anúncios de empresas que buscam jovens empreendedores.

Estmulando o Perfil Empreendedor das Crianças

Quando uma pessoa com um perfil empreendedor se dispõe a mudar de maneira positiva, ela ousa ir além, ousa fazer o diferente, pois tem habilidade para identificar as oportunidades e tomar iniciativas por conta própria. Além disso, uma pessoa autodirigida sabe como construir boas redes de relacionamento e está sempre procurando inovar em tudo o que faz, não se sujeitando a regras nem à burocracia.

Algumas competências empreendedoras podem ser formadas a partir da infância e outras podem ser aprendidas em cursos ou por meio de novas experiências. Basta apenas um pouco de criatividade para criar jogos com as crianças, de modo a despertar nelas características de um empreendedor.

Uma simples ida ao supermercado pode ser aproveitada para criar um jogo com a criança – por exemplo, instigue-a a experimentar coisas diferentes, algo que ela nunca provou antes. Na infância, as crianças têm interesse pela experimentação e esse é também um ótimo momento para despertar o interesse pela novidade.

O preço dessa brincadeira é que as crianças experimentarão coisas de que vão gostar, assim como, coisas de que não vão gostar e que vão acabar jogando fora. Conforme forem tomando gosto pela brincadeira, novas regras podem ser incluídas, como impedi-las de jogar algo fora.

Como elas não vão querer que a brincadeira pare, quando tiverem que escolher algo que nunca experimentaram, serão mais criteriosas e descobrirão formas de aprender sobre o que vão experimentar, de forma a reduzir os riscos de fazer uma escolha errada, além de criar o hábito de experimentar coisas diferentes.

Incentive-as a identificar oportunidades. A melhor forma de aprendizado é simplesmente prestar atenção nas coisas ao redor, já que as boas oportunidades estão em todos os lugares e acontecem o tempo todo. Muitas dessas oportunidades passam despercebidas porque as pessoas não estão atentas.

Para incentivar as crianças e despertar o empreendedorismo desde cedo, é preciso estimulá-las com perguntas sobre percepção do ambiente, desafiá-las a encontrar um detalhe específico. Com o tempo elas se habituarão a entrar em qualquer ambiente e logo se atentarão aos seus detalhes.

Quando os pais são totalmente avessos à exposição dos seus filhos a qualquer tipo de risco, essas crianças são criadas em bolhas de segurança. Criar uma criança assim é privá-la de vivenciar algumas experiências enriquecedoras. Correr riscos moderados e controlados garantem mais aprendizado.

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!