Voltar

Como Aumentar sua Perseverança

Publicado em | 0 comentários
Perseverança

Crasemedia007/Shutterstock A perseverança é uma virtude que nos torna pessoas determinadas e dispostas a ir além!

A virtude da perseverança consiste na determinação para insistir até alcançar aquilo que objetivamos para nossa vida. Inclui terminar uma tarefa, seguir focado apesar das dificuldades e persistir, com satisfação, até concluir cada ação. Ser perseverante envolve ainda alimentar a automotivação mes­mo diante de forças contrárias. É a firmeza para seguir em frente e eliminar sabotadores como: tédio, aborrecimentos, frustrações e dificuldades, sem desistir.

Estudos mostram que as pessoas persistentes, quando acredi­tam que terão sucesso, costumam seguir firmes em prol de seus objetivos independente se são tarefas fáceis ou difíceis. Pessoas determinadas têm maior autocontrole, por isso tendem a atribuir a razão de seus fracassos à falta de esforço e não a má sorte, criando assim uma maior sensação de controle pessoal.

Benefícios da Perseverança

A perseverança potencializa o desenvolvimento de habi­lidades, talentos e sabedoria, bem como a construção de outras forças de caráter. Além disso, constrói a autoconfiança e ali­menta a crença positiva de que sim, podemos conquistar aquilo que almejamos para nossa vida. Também fortalece o controle pessoal e estimula as pessoas a se responsabilizarem por seus resultados, o que as incentiva a executarem suas ações de forma otimizada.

Consideradas confiáveis, as pessoas perseverantes são vistas deste modo por cumprir seus compromissos até o fim, o que remete também à qualidade de autocontrole. Como objetiva a conclusão das tarefas e não a perfeição das mesmas, a pessoa com a força perseverança pode ser considerada flexível.

Dentro de uma equipe esta força pessoal torna os indivíduos ainda mais valorizados, pois sua perseverança passa aos demais a sensação de confiança, elemento essencial à construção de bons relacionamentos interpessoais.

Característica da Pessoa Perseverante

Este indivíduo se reconhece como sendo capaz de fazer grandes esforços para alcançar seus objetivos, e a persistir focado neles, ainda que sua realização demore um longo período de tempo.

É visto pelas outras pessoas como alguém que trabalha arduamente, e que sempre alcança as metas que se propõe a realizar. Por isso, não procura “brechas” para tornar uma tarefa mais fácil e resiste à tentação de postergar suas demandas.

Esta perseverança estimula a pessoa a não sucumbir aos obstáculos cotidianos, como: frustrações, fracassos e momentos difíceis e, é um dos fatores de motivação, para que esta trabalhe com prazer em tarefas desafiantes por longos períodos, além de concluí-las com qualidade.

Reflexões sobre a Perseverança

  • Quando a perseverança não é apenas uma obrigação?
  • O que motiva você como indivíduo a perseverar?
  • O que faz com que você pare de ser perseverante?
  • No que os outros ajudam ou dificultam a sua perse­verança?
  • Quando é bem-sucedido em perseverar, como isso afeta na abordagem dos próximos desafios?

Formas de Subutilizar esta Força

A perseverança muitas vezes é motivada pela esperança e a confiança de que nossos esforços serão recompensados. Assim, muitos indivíduos sentem-se mais confiantes em determinados âmbitos de suas vidas do que outros. Por exemplo, uma pessoa pode sentir que é mais bem-sucedida em suas relações amorosas do que em suas relações interpessoais com colegas de trabalho.

Assim, esta pode concluir que é mais perseverante em determinados relacionamentos e que subutiliza sua perseverança em outros.  Ao explorar as subutilizações desta virtude é preci­so examinar o quão realistas são as expectativas da pessoa em relação à efetividade de seus esforços.

Por exemplo, o indivíduo subestima sua eficácia de orientar colegas de trabalho, por isso escolhe não perseverar na tentativa de ajudá-los. No entanto, por dispor de autoconhecimento, este fator permite ao perseverante reconhecer em quais situações pode ou não ajudar.

Por outro lado, muitas vezes, pela falta de direcionamento claro de responsabilidades, mesmo a pessoa perseverante pode não direcionar seus esforços para a realização de uma tarefa, por achar que é função de outra pessoa. Mas como diria John Quincy Adams – “Paciência e perseverança têm o efeito mágico de fazer as dificuldades desaparecerem e os obstáculos sumirem”.

Dicas Para Alimentar seu Eu Perseverante

  • Defina pequenas metas pessoais e profissionais semanalmente. Divida estas em etapas práticas, execute-as com pontualidade, disciplina e monitore seu progresso toda semana.
  • Busque ressignificar os fracassos e visualizar nestas, oportunidades de aprendizados e de recomeçar e fazer melhor.
  • Trabalhe com maior foco e dedicação em um objetivo importante.
  • Escolha um modelo de comportamento que exemplifique a perseverança e determine como seguir seus passos.
  • Seja parceiro de alguém altamente perseverante.

Inspire nestas dicas e busque perceber como ser uma pessoa perseverante é positivo para você, suas relações, resultados, bem-estar e felicidade de modo geral. Com certeza, esta atitude vai mudar seus dias e potencializar seu sucesso em todos os sentidos.

 

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!