Voltar

Como Aplicar o Princípio de Pareto?

Publicado em | 0 comentários
Princípio de Pareto

Wsf-s/Shutterstock O Princípio de Pareto defende que 80% dos acontecimentos é proveniente de apenas 20% das causas

 

Segundo o Princípio de Pareto, 80% das coisas que acontecem em nossa vida ocorrem em decorrência de 20% das causas. Esta ideia foi originada na Itália, no ano de 1906, quando por meio de um estudo, descobriu-se que a posse de 80% das terras italianas estava nas mãos de apenas 20% da população.

Embora leve o nome do economista, sociólogo e cientista político, Vilfredo Pareto, muito conhecido e respeitado na época, o criador do princípio é Joseph M. Juran, que criou o conceito e repercutiu a lei do 80/20 e que hoje é conhecida em todo o mundo e utilizada em todas as áreas do conhecimento.

Segundo a ideia defendida pela Lei de Pareto se, por exemplo, você tem um negócio, 80% de suas vendas e lucratividade são provenientes de apenas 20% dos seus clientes. Do mesmo modo, no trânsito, 80% dos acidentes são causados por 20% dos motoristas. Numa equipe, 80% dos resultados advêm dos esforços de apenas 20% dos colaboradores e por ai vai.

Coaching e o Princípio de Pareto

Seguindo a lógica do 80/20, e aplicando ao nosso contexto pessoal, podemos dizer que 80% dos nossos problemas e questões ainda não resolvidas são provenientes de 20% das nossas experiências não ressignificadas. A grande virada está em entender como aplicar este princípio para reverter estes números, em aprender a sofrer menos e a nos concentrar mais no lado bom da vida.

Neste sentido, se olharmos as coisas sob uma nova perspectiva, além de aplicar o Princípio de Pareto noutras áreas da nossa vida, também podemos usá-lo para fazer algumas reflexões. Será que usamos 80% do nosso tempo para ter 20% de produtividade? Será que somos felizes apenas em 20% do nosso tempo e os outros 80% ficamos tentando? Pense sobre isso!

Com certeza, as nossas lutas são diárias, ainda assim, tendemos a nos concentrar mais naquilo que não temos do que a valorizar e honrar e respeitar as nossas vitórias. Por isso, no universo do processo de Coaching não tem 80/20, pois o que a metodologia defende é um autoconhecimento que nos leve a um equilíbrio, a compreender nossas falhas e pontos de melhoria, mas especialmente a valorizar nossa intenção positiva, o que temos de bom, os nossos resultados e crescimentos pessoal, profissional e espiritual.

O copo, para o Coaching, está sempre meio cheio e a parte que está vazia não representa pesar e faltas, mas sim, a oportunidade de preenchê-lo com aquilo que de melhor nós temos em nosso eu interior, deixando de lado dores, rancores, reclamações, e enchendo das coisas boas e positivas.

Por isso mesmo, se você quer buscar o seu melhor e conquistar mais realizações, autoconhecimento, felicidade, plenitude e bem-estar e vivenciar menos sofrimento e angústias, procure no Coaching um poderoso aliado para viver sob os seus próprios princípios, missão e valores.

Para isso, minha dica final é conheça mais de você por meio do processo de Coaching. Agregue mais este valor à sua vida. Faça a Formação Professional & Self Coaching – PSC e ouse ir além.

Comments

comments

O que é coaching

Baixe o
e-book
gratuito

Conheça a metodologia que vai mudar sua vida. Acelere o seu sucesso!